Trabalhando com Poesia

“…Meu pai não tinha educação, ainda me lembro, era um grande coração, ganhava a vida com muito suor e mesmo assim não podia ser pior, pouco dinheiro prá poder pagar todas as contas e despesas do lar… Mas Deus quis vê-lo no chão, com as mãos levantadas pr’o céu, implorando perdão, chorei, meu pai disse: “Boa sorte”, com a mão no meu ombro em seu leito de morte e disse: “Marvin, agora é só você e não vai adiantar, chorar vai me fazer sofrer”… E três dias depois de morrer, meu pai, eu queria saber, mas não botava nem os pés na escola, mamãe lembrava disso a toda hora… E todo dia antes do sol sair, eu trabalhava sem me distrair, as vezes acho que não vai dar pé, eu queria fugir, mas onde eu estiver, eu sei muito bem o que ele quis dizer, meu pai, eu me lembro, não me deixa esquecer, ele disse: “Marvin, a vida é prá valer, eu fiz o meu melhor e o seu destino eu sei de cor”… “E então um dia uma forte chuva veio e acabou com o trabalho de um ano inteiro e, aos treze anos de idade, eu sentia todo o peso do mundo em minhas costas, eu queria jogar, mas perdi a aposta”… Trabalhava feito um burro nos campos, só via carne se roubasse um frango, meu pai cuidava de toda a família, sem perceber segui a mesma trilha… E toda noite minha mãe orava, Deus! Era em nome da fome que eu roubava… Dez anos passaram, cresceram meus irmãos e os anjos levaram minha mãe pelas mãos, chorei, meu pai disse: “Boa sorte”, com a mão no meu ombro, em seu leito de morte e disse: “Marvin, agora é só você e não vai adiantar, chorar vai me fazer sofrer”… “Marvin, a vida é prá valer, eu fiz o meu melhor e o seu destino eu sei de cor”… “Marvin, agora é só você e não vai adiantar, chorar vai me fazer sofrer”… “Marvin, a vida é prá valer, eu fiz o meu melhor e o seu destino eu sei de cor”…” (Titãs – Marvin – Comp.: Sergio Britto e Nando Reis)

“… Bichos, saiam dos lixos, baratas, me deixem ver suas patas, ratos, entrem nos sapatos do cidadão civilizado… Pulgas, que habitam minhas rugas, onçinha pintada, zebrinha listrada, coelhinho peludo, vão se fuder, porque aqui na face da terra, só bicho escroto é que vai ter… Bichos Escrotos, saiam dos esgotos, bichos Escrotos venham enfeitar meu lar, meu jantar, meu nobre paladar!… Bichos, saiam dos lixos, baratas, me deixem ver suas patas, ratos, entrem nos sapatos do cidadão civilizado… Pulgas, que habitam minhas rugas, onçinha pintada, zebrinha listrada, coelhinho peludo, vão se fuder, porque aqui na face da terra, só bicho escroto é que vai ter… Bichos, baratas, ratos, cidadão civilizado, pulgas, onçinha pintada, zebrinha listrada, coelhinho peludo vão se fuder, porque aqui na face da terra, só bicho escroto é que vai ter… Bichos Escrotos, saiam dos esgotos, bichos Escrotos venham enfeitar meu lar, meu jantar, meu nobre paladar!…” (Titãs – Bichos Escrotos – Comp.: Nando Reis / Arnaldo Antunes / Sérgio Britto)

“… Dizem que ela existe prá ajudar, dizem que ela existe prá proteger, eu sei que ela pode te parar, eu sei que ela pode te prender… Polícia para quem precisa, polícia para quem precisa de polícia… Polícia para quem precisa, polícia para quem precisa dDe polícia… Dizem prá você obedecer, dizem prá você responder, dizem prá você cooperar, dizem prá você respeitar… Polícia para quem precisa, polícia para quem precisa De polícia… Polícia para quem precisa, polícia para quem precisa De polícia… Dizem que ela existe prá ajudar, dizem que ela existe prá proteger, eu sei que ela pode te parar, eu sei que ela pode te prender… Polícia para quem precisa, polícia para quem precisa De polícia… Polícia para quem precisa, polícia para quem precisa De polícia… Dizem prá você obedecer, dizem prá você responder, dizem prá você cooperar, dizem prá você respeitar… Polícia para quem precisa, polícia para quem precisa De polícia… Polícia para quem precisa, polícia para quem precisa De polícia…” (Titãs – Polícia – Comp.: Tony Bellotto)

“…A Televisão me deixou burro, muito burro demais, agora todas coisas que eu penso, me parecem iguais, o sorvete me deixou gripado pelo resto da vida e, agora toda noite quando deito, é boa noite, querida…. Oh! Cride, fala prá mãe, que eu nunca li num livro que o espirro fosse um vírus sem cura, vê se me entende pelo menos uma vez criatura!… Oh! Cride, fala prá mãe!… A mãe diz prá eu fazer alguma coisa, mas eu não faço nada, a luz do sol me incomoda, então deixa a cortina fechada… É que a televisão me deixou burro, muito burro demais e, agora eu vivo dentro dessa jaula, junto dos animais… Oh! Cride, fala prá mãe, que tudo que a antena captar, meu coração captura, vê se me entende pelo menos uma vez criatura!… Oh! Cride, fala prá mãe!… A mãe diz prá eu fazer alguma coisa, mas eu não faço nada, a luz do sol me incomoda, então deixa a cortina fechada… É que a televisão me deixou burro, muito burro demais e, agora eu vivo dentro dessa jaula, junto dos animais… Oh! Cride, fala prá mãe, que tudo que a antena captar, meu coração captura, vê se me entende pelo menos uma vez criatura!… Oh! Cride, fala prá mãe!…” (Titãs – Televisão – Comp.: Marcelo Fromes / Tony Belotto / Arnaldo Antunes)

“… A solução pro nosso povo eu vou dar, negócio bom assim ninguém nunca viu, tá tudo pronto aqui é só vim pegar, a solução é alugar o Brasil!… Nós não vamo pagar nada, nós não vamo pagar nada, é tudo free, tá na hora, agora é free, vamo embora, dar lugar pros gringo entrar, que esse imóvel tá prá alugar… Os estrangeiros, eu sei que eles vão gostar, tem o Atlântico, tem vista pro mar, a Amazônia é o jardim do quintal e o dólar deles paga o nosso mingau… Nós não vamo pagar nada, nós não vamo pagar nada, é tudo free, tá na hora, agora é free, vamo embora, dar lugar pros gringo entrar, que esse imóvel tá prá alugar… A solução pro nosso povo eu vou dar, negócio bom assim ninguém nunca viu, tá tudo pronto aqui é só vim pegar, a solução é alugar o Brasil!… Nós não vamo pagar nada, nós não vamo pagar nada, é tudo free, tá na hora, agora é free, vamo embora, dar lugar pros gringo entrar, que esse imóvel tá prá alugar… Os estrangeiros, eu sei que eles vão gostar, tem o Atlântico, tem vista pro mar, a Amazônia é o jardim do quintal e o dólar deles paga o nosso mingau… Nós não vamo pagar nada, nós não vamo pagar nada, é tudo free, tá na hora, agora é free, vamo embora, dar lugar pros gringo entrar, que esse imóvel tá prá alugar… Nós não vamo pagar nada, nós não vamo pagar nada, é tudo free, tá na hora, agora é free, vamo embora, dar lugar pros gringo entrar, que esse imóvel tá prá alugar…” (Titãs – Aluga-se – Comp.: Cláudio Roberto / Raul Seixas)

“Não repita apressadamente aquilo que ouve. Informe-se primeiro da verdade. Se for mentira, procure desmentir. Se for,verdade, mesmo assim não o repita. Se não puder chegar à evidência, cale. A caridade consiste em saber calar os defeitos alheios, como você gosta que façam com os seus. Seja prudente: o silêncio é de ouro, quando se cala o erro do próximo.” (Minutos de Sabedoria Pg. 170)

Bom dia pessoal,

Mais um feriado nesse nosso calendário brasileiro. Amanhã é dia de homenagear às nossas crianças pelo seu dia e também, aqueles que professam a religião católica, dia de louvar à Santa Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida. Na nossa Itinga celebração especial para a padroeira da sua paróquia.

Nossa Senhora da Santa Conceição Aparecida é um título católico dedicado a Maria, mãe de Jesus de Nazaré. A seu santuário localiza-se em Aparecida, no estado de São Paulo, e a sua festa é comemorada anualmente em 12 de outubro. Nossa Senhora Aparecida é a padroeira do Brasil.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Nossa_Senhora_da_Concei%C3%A7%C3%A3o_Aparecida

http://www.culturabrasil.org/aparecida.htm

Não perca de vista a criança que existe dentro de você. Mesmo que precise enxergar os perigos da vida, a esperteza e astúcia de alguns, jamais perca em seu olhar a pureza e a verdade do olhar de uma criança. Adulto sim, mas mantenha seu coração criança sempre!

O Humorismo brasileiro perdeu hoje um dos seus mais talentosos artistas, José Vasconcelos. Morreu na madrugada desta terça (11) o humorista José Thomaz da Cunha Vasconcellos Neto, aos 85 anos. Ele era conhecido por viver o personagem Ruy Barbosa Sá Silva na “Escolinha do Professor Raimundo”, da Globo, e “Escolinha do Barulho”, da Record.

José Vasconcellos sofria de Alzheimer, tinha problemas nos rins e estava internado no Hospital das Clínicas de São Paulo, quando sofreu uma parada cardíaca.

Logo no início da manhã, Rick Régis, sobrinho do comediante, usou o Twitter para dar a informação: “Olá Homero, perdemos o Pai do humor: José Vasconcellos”, disse, referindo-se a Homero Salles, diretor do “Programa do Gugu” e da “Escolinha do Gugu”. Prontamente, ele também escreveu no microblog: “PERDI MAIS UM AMIGO….JOSÉ VASCONCELOS, UM DOS MAIORES HUMORISTAS DO BRASIL…”.

http://www.ojornalweb.com/2011/10/11/morre-o-humorista-jose-vasconcellos-aos-85-anos/

Em 11 de Outubro de 1889 – Morre o pesquisador britânico James Joule

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticia/HOJE+NA+HISTORIA+1889++MORRE+O+PESQUISADOR+BRITANICO+JAMES+JOULE_15865.shtml

Em 11 de outubro de 1890 é criado o Supremo Tribunal Federal – STF brasileiro, através do Decreto nº 848

http://pt.wikipedia.org/wiki/Supremo_Tribunal_Federal

Em 11 de Outubro de 1905 Lançada no RJ a revista O Tico-Tico, primeira revista brasileira de quadrinhos para crianças.

Em 11 de outubro de 1939 – Revelada carta de Einstein a Roosevelt sobre bomba atômica

http://historiaupf.blogspot.com/2010/10/hoje-na-historia-1939-revelada-carta-de.html

Em 11 de Outubro de 1948 Estreia em São Paulo a companhia Teatro Brasileiro de Comédia (TBC), que logo se tornaria o mais importante grupo teatral do Brasil.

Em 11 de Outubro de 1963 Pouco depois de chegar da Riviera Francesa em busca da cura para um câncer, Edith Piaf, uma das mais célebres cantoras francesas, morreu aos 47 anos de idade, em Paris. “Quero continuar cantando”, teriam sido as últimas palavras de Piaf, que morreu em silêncio, na manhã do dia 11 de outubro.

A cantora, que tantas vezes lutara contra a morte e a vencera, desta vez foi vencida, e com ela desapareceu a grande senhora da canção francesa. Pequena e delgada, sempre vestida de negro, com um sorriso triste, Piaf era uma das mulheres mais famosas do mundo na década de 60. Passou a vida em procura do grande amor, um amor que muitas vezes lhe escorregava pelas mãos. Em todas as suas músicas, a vontade de amar e ser amada explodiam em sua voz grave.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=23994

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php

http://www.youtube.com/watch?v=WBjctartwBQ&feature=related

http://www.youtube.com/watch?v=0g4NiHef4Ks&feature=related


http://www.youtube.com/watch?v=4Hqc-NWlNJQ&feature=related

Em 11 de Outubro de 1977 – Criado o Estado de Mato Grosso do Sul

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=16347

http://www.dc.mre.gov.br/imagens-e-textos/revista2-mat8.pdf

Em 11 de Outubro de 1988 O brasileiro José Lutzenberger recebe, com três outras pessoas, o prêmio do Bem Viver, chamado de Nobel alternativo, criado pelo sueco Jakob von Uekell em 1980.

Em 11 de Outubro de 1991 A polícia política soviética, a KGB, é dissolvida pelos dirigentes russos reunidos no Conselho de Estado.

Em 11 de Outubro de 1998 João Paulo II canoniza uma freira nascida de família judia. Edith Stein, ou madre Teresa Benedita da Cruz, foi deportada para Auschswitz.

Veja a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique:

https://oipa2.wordpress.com/2011/10/11/trabalhando-com-poesia-369/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Terça-feira abençoada por Deus e que, a energia positiva que circunda o universo a nossa volta nos conceda paz e harmonia sempre.

Um ótimo feriado a todos (as) nós e até quinta feira.

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

Amar é Conhecer Virtude Ardente
AMOR QUE, SEM DETER-SE NO ASPECTO SENSITIVO, PASSA AO INTELECTUAL

Francisco Quevedo, in ‘Antologia Poética’
Tradução de José Bento

Mandou-me, ai Fábio!, que a amasse Flora,
e que não a quisesse; meu cuidado,
obediente, confuso, torturado,
sem desejá-la, tal beleza adora.
O que o humano afecto sente e chora
goza o entendimento, enamorado
do espírito eterno, encarcerado
neste claustro mortal que o entesoura.
Amar é conhecer virtude ardente;
o querer é vontade interessada,
grosseira e rude, passageiramente.
O corpo é terra, sê-lo-á, foi nada;
de Deus procede à eternidade a mente:
eterno amante sou de eterna amada.

Conveniências de não Usar os Olhos, os Ouvidos e a Língua
CONVENIÊNCIAS DE NÃO USAR OS OLHOS, OS OUVIDOS E A LÍNGUA

Francisco Quevedo, in ‘Antologia Poética’
Tradução de José Bento

Ouvir, ver e calar remédio era
nesse tempo em que os olhos e o ouvido
e a língua puderam ser sentido
e não delito que ofender pudera.
Surdos, hoje, os remeiros com a cera,
um mar navegarei que (encanecido
de ossos, mas não de espumas) com bramido
sepulta quem ouviu voz insincera.
Sem ser ouvido e sem ouvir, ociosos
olhos e orelhas, serei olvidado
pelo cenho dos homens poderosos.
Se é delito saber quem é culpado,
o vício que o indaguem os curiosos
e viva eu ignorante e ignorado.

Anúncios
Esse post foi publicado em Livros e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s