Federações de Judô do Brasil aprovam Centro de Excelência em Lauro de Freitas

Representantes da Confederação Brasileira de Judô e de 27 federações de todo o país visitaram a área do kartódromo, na praia de Ipitanga, em Lauro de Freitas, onde será implantado, até 2014, o Centro de Excelência e Treinamento Pan-Americano de Judô. As federações aprovaram a localização e o projeto apresentado e parabenizaram a prefeitura local pelo apoio ao esporte. Entre as federações estavam representadas Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Goiás.

Para o vice-presidente da Confederação Brasileira de Judô (CBJ), o espaço vai ser um grande aliado na divulgação e valorização do judô no país. “Vamos fortalecer e fomentar o esporte e preparar os atletas com uma estrutura digna de campeões”, diz. Segundo ele, o processo de licitação para construção do equipamento será iniciado em novembro.

A importância do Centro para o crescimento do judô no país também foi destacado pelo presidente da Federação de Judô de Minas Gerais, Luiz Augusto Martins. “O judô brasileiro vai crescer muito com o espaço e com certeza conquistar mais medalhas na Olimpíada em 2016”.

A Bahia possui cerca de 25 mil judocas cadastrados distribuídos em 158 municípios. “Com esse espaço vamos ter um ganho com o turismo, já que vamos poder receber atletas nacionais e internacionais e, o mais importante, os atletas baianos vão ter um dos maiores e mais bem equipado centro de judô do mundo”, afirma o presidente da Federação Bahiana de Judô (FBJ), Antônio Oliva.

O secretário Chefe de Gabinete da Prefeitura de Lauro de Freitas, Aliomar Eloy Brito, que acompanhou a comitiva, enfatizou o impacto social do empreendimento, que além de atração turística com valorização da orla do município e a geração de empregos diretos e indiretos, prevê uma importante contrapartida – a realização de trabalhos sociais com nove mil crianças de Lauro de Freitas.

O equipamento terá hotel quatro estrelas, ginásio climatizado, núcleo de preparação e recuperação física de atletas, centro de treinamento e capacitação profissional, alojamento para 90 residentes entre atletas e dirigentes, auditório para 300 pessoas, restaurante, museu do judô, salão de jogos, piscina, quadra poliesportiva, pista de avaliação física, e estacionamento. O equipamento envolve investimentos da ordem de R$40 milhões do Ministério do Esporte, Federação Internacional de Judô e contrapartida do governo do Estado.

Anúncios
Esse post foi publicado em Notícias e política e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s