Trabalhando com Poesia

“… O que mais quero é te dar um beijo, e o seu corpo acariciar, você bem sabe que eu te desejo, está escrito no meu olhar, o teu sorriso é o paraíso, onde contigo eu queria estar, ai quem me dera se eu fosse o céu, você seria o meu luar!… Eu te quero só prá mim, como as ondas são do mar, não dá prá viver assim, querer sem poder te tocar… Eu te quero só prá mim, como as ondas são do mar, não dá prá viver assim, querer sem poder te tocar… Meu coração está radiante, bate feliz acho que é amor, quando te vejo chego a sonhar. Penso em você quase a todo instante, seu jeito meigo me apaixonou, o que fazer prá te conquistar?… O que mais quero é te dar um beijo, e o seu corpo acariciar, você bem sabe que eu te desejo, está escrito no meu olhar, o teu sorriso é o paraíso, onde contigo eu queria estar, ai quem me dera se eu fosse o céu, você seria o meu luar!… Eu te quero só prá mim, como as ondas são do mar, não dá prá viver assim, querer sem poder te tocar… Eu te quero só prá mim, como as ondas são do mar, não dá prá viver assim, querer sem poder te tocar… Meu coração está radiante, bate feliz acho que é amor, quando te vejo chego a sonhar. Penso em você quase a todo instante, seu jeito meigo me apaixonou, o que fazer prá te conquistar?… O que mais quero é te dar um beijo, e o seu corpo acariciar, você bem sabe que eu te desejo, está escrito no meu olhar, o teu sorriso é o paraíso, onde contigo eu queria estar, ai quem me dera se eu fosse o céu, você seria o meu luar!… Eu te quero só prá mim, como as ondas são do mar, não dá prá viver assim, querer sem poder te tocar… Eu te quero só prá mim, como as ondas são do mar, não dá prá viver assim, querer sem poder te tocar… Eu te quero só prá mim, como as ondas são do mar, não dá prá viver assim, querer sem poder te tocar… Eu te quero só prá mim, como as ondas são do mar, não dá prá viver assim, querer sem poder te tocar… Eu te quero só prá mim, como as ondas são do mar, não dá prá viver assim, querer sem poder te tocar…” (Revelação – Coração radiante – Comp.: Mauro Jr / Xande De Pilares / Helinho Do Salgueiro)

“…Eu já não sei mais por que vivo a sofrer, pois eu nada fiz para merecer… Te dei carinho, amor, em troca ganhei ingratidão, não sei porquê, mas acho que é falta de compreensão… Você me tem como réu, o culpado e o ladrão, por tentar ganhar seu coração… Te dei carinho, amor, em troca ganhei ingratidão, não sei porquê, mas acho que é falta de compreensão… Você me tem como réu, o culpado e o ladrão, por tentar ganhar seu coração… Todo mundo erra! Todo mundo erra sempre, todo mundo vai errar. Não sei porquê, meu Deus, sozinho eu vivo a penar… Não tenho nada a pedir, também não tenho nada a dar, por isso é que eu vou me mandar. Vou-me embora agora… Vou-me embora agora! Vou embora prá outro planeta, na velocidade da luz, ou quem sabe de um cometa… Eu vou solitário e firme, onde a morte me aqueça, talvez assim de uma vez, para sempre eu lhe esqueça… Te dei carinho, amor, em troca ganhei ingratidão, não sei porquê, mas acho que é falta de compreensão… Você me tem como réu, o culpado e o ladrão, por tentar ganhar seu coração… Todo mundo erra! Todo mundo erra sempre, todo mundo vai errar. Não sei porquê, meu Deus, sozinho eu vivo a penar… Não tenho nada a pedir, também não tenho nada a dar, por isso é que eu vou me mandar. Vou-me embora agora… Vou-me embora agora! Vou embora prá outro planeta, na velocidade da luz, ou quem sabe de um cometa… Eu vou solitário e firme, onde a morte me aqueça, talvez assim de uma vez, para sempre… Todo mundo erra… Todo mundo erra! Todo mundo erra sempre, todo mundo vai errar. Não sei porquê, meu Deus, sozinho eu vivo a penar… Não tenho nada a pedir, também não tenho nada a dar, por isso é que eu vou me mandar… Por isso é que eu vou me mandar… Por isso é que eu vou me mandar…“ (Revelação – Velocidade da luz – Comp.: Anderson Luiz Florentino)

“… Bem que eu tentei, fazer minha lei, não encontrei, na incerteza me precipitei… Sofro de ausência, total carência, tanta imprudência, quanta força, não há resistência… Se eu tivesse o poder, faria de tudo pra você voltar, faria absurdo pra me perdoar, voltava no tempo pra tudo mudar… Se eu tivesse o poder, faria de novo meu peito sorrir, mandava de pressa a tristeza fugir, num toque de mágica continuar… Se eu tivesse o poder de driblar o coração, pra poder te esquecer… Bem que eu tentei, fazer minha lei, não encontrei, na incerteza me precipitei… Sofro de ausência, total carência, tanta imprudência, quanta força, não há resistência… Se eu tivesse o poder, faria de tudo pra você voltar, faria absurdo pra me perdoar, voltava no tempo pra tudo mudar… Se eu tivesse o poder, faria de novo meu peito sorrir, mandava de pressa a tristeza fugir, num toque de mágica continuar… Se eu tivesse o poder de driblar o coração, pra poder te esquecer…” (Revelação – Se eu tivesse o poder – Comp.: Grupo Revelação)

“Mantenha em sua vida uma unidade de plano, para conseguir seus objetivos. Veja um colar de pérolas: estão todas presas por um fio. Se este arrebentar, as pérolas se espalham. O que é o fio para o colar de pérolas, é a unidade de plano em nossa vida. Não deixe que as pérolas de suas ações se percam, por lhes faltar o fio que lhes mantém a unidade.” (Minutos de Sabedoria Pg. 248)

Bom dia pessoal,

Dia de ontem foi movimentado e produtivo, além de trazer ótimas notícias. No esporte, mais uma vez o futebol baiano foi alvo das péssimas partidas da dupla baiana, que perderam suas partidas e vêem o G4 se afastando, na mesma proporção em que se aproximam os integrantes da zona de rebaixamento. Será preciso melhorar muito para não precisar se preocupar no fim do campeonato.

Na nossa sugestão de leitura de hoje dois artigos do Site Brasil 247. Vale conferir:

Prefeito tucano: “Mais Médicos é de tirar chapéu” – “O Mais Médicos é de tirar o chapéu, independente de política partidária”, declarou ao 247 o prefeito de Camaragibe (PE), Jorge Alexandre, que integra os quadros do PSDB; município com 143 mil habitantes, sendo 70% considerados de baixa renda, foi destaque em matéria do jornal Folha de S. Paulo sobre desistência de médicos no programa; em Camaragibe, apenas um dos quatro médicos entregou o cargo e cidade espera receber outros dois profissionais; “O programa é bom, vem para ajudar a população carente, ajudar quem realmente precisa de atendimento à saúde e não tem”, avalia o prefeito.

http://www.brasil247.com/pt/247/pernambuco247/113922/Prefeito-tucano-Mais-M%C3%A9dicos-%C3%A9-de-tirar-chap%C3%A9u.htm

Supremo dá palavra final: corte cassa mandatos -Ministros decidiram, durante análise dos recursos do deputado João Paulo Cunha (PT-SP), manter a decisão tomada no ano passado, de que cabe à Câmara apenas decretar o fim do mandato depois da condenação pelo STF; no caso, há quatro parlamentares condenados na AP 470: José Genoíno (PT-SP), Pedro Henry (PP-MT) e Valdemar Costa Neto (PR-SP), além de Cunha, único réu parlamentar que questionou a decisão sobre os mandatos.

http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/113823/Supremo-d%C3%A1-palavra-final-corte-cassa-mandatos.htm

Veja a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique:

https://oipa2.wordpress.com/2013/09/05/trabalhando-com-poesia-501/

Abraços nos amigos beijos nas amigas e nos filhos, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma quinta-feira abençoada por Deus e coberta de paz.

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 1: apio.nascimento@sedesba.ba.gov.br
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/apio.vinagre
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

A Escravidão – Tobias Barreto

Se Deus é quem deixa o mundo
Sob o peso que o oprime,
Se ele consente esse crime,
Que se chama a escravidão,
Para fazer homens livres,
Para arrancá-los do abismo,
Existe um patriotismo
Maior que a religião.

Se não lhe importa o escravo
Que a seus pés queixas deponha,
Cobrindo assim de vergonha
A face dos anjos seus,
Em seu delírio inefável,
Praticando a caridade,
Nesta hora a mocidade
Corrige o erro de Deus!…

1868

Publicado no livro Dias e Noites (1893). Poema integrante da série Parte I – Gerais e Naturalistas.

Anúncios
Esse post foi publicado em Livros e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s