Trabalhando com Poesia

“… Vai no cabeleireiro, no esteticista, malha o dia inteiro, vida de artista… Saca dinheiro, vai de motorista, com seu carro esporte, vai zoar na pista… Final de semana, na casa de praia, só gastando grana, na maior gandaia… Vai pra balada, dança bate estaca, com a sua tribo, até de madrugada… Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha… Só no filé… Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha… Tem o que quer… Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha… Do croissant… Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha… Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha… Vai no cabeleireiro, no esteticista, malha o dia inteiro, vida de artista… Saca dinheiro, vai de motorista, com seu carro esporte, vai zoar na pista… Final de semana, na casa de praia, só gastando grana, na maior gandaia… Vai pra balada, dança bate estaca, com a sua tribo, até de madrugada… Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha… Só no filé… Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha… Tem o que quer… Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha… Do croissant… Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha… Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha…” (Seu Jorge – Burguesinha – Comp.: Seu Jorge / Gabriel Moura / Pretinho da Serrinha)

 “… Carolina é uma menina bem difícil de esquecer, andar bonito e um brilho no olhar… Tem um jeito adolescente que me faz enlouquecer, e um molejo que não vou te enganar… Maravilha feminina, meu docinho de pavê, inteligente, ela é muito sensual… Te confesso que estou apaixonado por você, ô, Carolina, isso é muito natural… Ô, Carolina, eu preciso de você… Ô, Carolina, eu não vou suportar não te ver… Carolina, eu preciso te falar… Ô, Carolina, eu vou amar você… De segunda à segunda eu fico louco pra te ver, quanto eu te ligo você quase nunca está… Isso era outra coisa que eu queria te dizer, não temos tempo, então melhor deixar pra lá… A princípio no domingo o que você quer fazer? Faça um pedido que eu irei realizar… Olha aí, amigo, eu digo que ela só me dá prazer, essa mina Carolina é de abalar, ô… Ô, Carolina, eu preciso de você… Ô, Carolina, eu não vou suportar não te ver… Carolina, eu preciso te falar… Ô, Carolina, eu vou amar você… Carolina, Carolina… Carolina, preciso te encontrar… Carolina, me sinto muito só… Carolina, preciso te dizer… Ô, Carolina, eu só quero amar você… Carolina, preciso te encontrar… Carolina, me sinto muito só… Carolina, preciso te dizer… Ô, Carolina, eu só quero amar você… Carolina é uma menina bem difícil de esquecer, andar bonito e um brilho no olhar… Tem um jeito adolescente que me faz enlouquecer, e um molejo que não vou te enganar… Maravilha feminina, meu docinho de pavê, inteligente, ela é muito sensual… Te confesso que estou apaixonado por você, ô, Carolina, isso é muito natural… Ô, Carolina, eu preciso de você… Ô, Carolina, eu não vou suportar não te ver… Carolina, eu preciso te falar… Ô, Carolina, eu vou amar você… De segunda à segunda eu fico louco pra te ver, quanto eu te ligo você quase nunca está… Isso era outra coisa que eu queria te dizer, não temos tempo, então melhor deixar pra lá… A princípio no domingo o que você quer fazer? Faça um pedido que eu irei realizar… Olha aí, amigo, eu digo que ela só me dá prazer, essa mina Carolina é de abalar, ô… Ô, Carolina, eu preciso de você… Ô, Carolina, eu não vou suportar não te ver… Carolina, eu preciso te falar… Ô, Carolina, eu vou amar você… Carolina, Carolina… Carolina, preciso te encontrar… Carolina, me sinto muito só… Carolina, preciso te dizer… Ô, Carolina, eu só quero amar você… Carolina, preciso te encontrar… Carolina, me sinto muito só… Carolina, preciso te dizer… Ô, Carolina, eu só quero amar você… Carolina, Carolina… Carol, Carol, Carol Carol, Carol, CarolCarol, Carol, Carol…” (Seu Jorge – Carolina – Comp.: Seu Jorge)

“… Tô namorando aquela mina, mas não sei se ela me namora. Mina maneira do condomínio, lá do bairro onde eu moro… Tô namorando aquela mina, mas não sei se ela me namora. Mina maneira do condomínio, lá do bairro onde eu moro… Seu cabelo me alucina, sua boca me devora, sua voz me ilumina, seu olhar me apavora… Me perdi no seu sorriso, nem preciso me encontrar, não me mostre o paraíso, que se eu for, não vou voltar… Pois eu vou… Eu vou… Eu vou… Eu digo “oi”, ela nem nada, passa na minha calçada, dou bom dia, ela nem liga… Se ela chega, eu paro tudo, se ela passa, eu fico doido, se vem vindo, eu faço figa… Eu mando um beijo, ela não pega, pisco olho, ela se nega, faço pose, ela não vê… Jogo charme, ela ignora, chego junto, ela sai fora, eu escrevo, ela não lê… Minha mina, minha amiga, minha namorada… Minha gata, minha sina, do meu condomínio, minha musa, minha vida, minha Monalisa, minha Vênus, minha deusa, quero seu fascínio… Minha mina, minha amiga, minha namorada… Minha gata, minha sina, do meu condomínio, minha musa, minha vida, minha Monalisa, minha Vênus, minha deusa, quero seu fascínio… Tô namorando aquela mina, mas não sei se ela me namora. Mina maneira do condomínio, lá do bairro onde eu moro… Tô namorando aquela mina, mas não sei se ela me namora. Mina maneira do condomínio, lá do bairro onde eu moro… Seu cabelo me alucina, sua boca me devora, sua voz me ilumina, seu olhar me apavora… Me perdi no seu sorriso, nem preciso me encontrar, não me mostre o paraíso, que se eu for, não vou voltar… Pois eu vou… Eu vou… Eu vou… Eu digo “oi”, ela nem nada, passa na minha calçada, dou bom dia, ela nem liga… Se ela chega, eu paro tudo, se ela passa, eu fico doido, se vem vindo, eu faço figa… Eu mando um beijo, ela não pega, pisco olho, ela se nega, faço pose, ela não vê… Jogo charme, ela ignora, chego junto, ela sai fora, eu escrevo, ela não lê… Minha mina, minha amiga, minha namorada… Minha gata, minha sina, do meu condomínio, minha musa, minha vida, minha Monalisa, minha Vênus, minha deusa, quero seu fascínio… Minha mina, minha amiga, minha namorada… Minha gata, minha sina, do meu condomínio, minha musa, minha vida, minha Monalisa, minha Vênus, minha deusa, quero seu fascínio… Minha namorada, do meu condomínio… Minha Monalisa, quero seu fascínio… Minha namorada, do meu condomínio… Minha Monalisa, quero seu fascínio… Minha namorada, do meu condomínio… Minha Monalisa, quero seu fascínio(Seu Jorge – Mina d condomínio – Comp.: Seu Jorge / Gabriel Moura / Pretinho da Serrinha / Pierre Aderne)


 “Não perca seu equilíbrio interno. Por maior que seja a tempestade que o envolve, não perca seu equilíbrio. Todas as tempestades passam. E se soubermos recebê-las com serenidade, nenhum mal nos causarão. Jesus dormia no fundo da barca… Quando os discípulos o chamaram, nervosos, ele acalmou tudo. Faça o mesmo. Recorra ao Mestre Divino, para que as tempestades se acalmem a seu lado.” (Minutos de Sabedoria Pg. 181)

 

Bom dia pessoal,

O “Trabalhando com Poesia de hoje, se soma à luta contra a exploração sexual de crianças e adolescentes. O dia 18 de maio foi instituído como dia nacional desta luta. No dia 18 de maio de 1973, uma menina de 8 anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espirito Santo. Seu corpo apareceu seis dias depois carbonizado e os seus agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos. A data ficou instituída como o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes” a partir da aprovação da Lei Federal nº. 9.970/2000. O “Caso Araceli”, como ficou conhecido, ocorreu há quase 40 anos, mas, infelizmente, situações absurdas como essa ainda se repetem.

O abuso sexual envolve contato sexual entre uma criança ou adolescente e um adulto ou pessoa significativamente mais velha e poderosa. As crianças, pelo seu estágio de desenvolvimento, não são capazes de entender o contato sexual ou resistir a ele, e podem ser psicológica ou socialmente dependentes do ofensor.

O abuso acontece quando o adulto utiliza o corpo de uma criança ou adolescente para sua satisfação sexual. Já a exploração sexual é quando se paga para ter sexo com a pessoa de idade inferior a 18 anos. As duas situações são crimes de violência sexual. No Brasil  o “Disque 100”, criado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, é um serviço de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violência contra crianças e adolescentes.

Os dados mostram que, de março de 2003 a março de 2011, o Disque recebeu 52 mil denúncias de violência sexual contra este público, sendo que 80% das vítimas são do sexo feminino. O Disque 100 funciona diariamente de 8h às 22h, inclusive aos finais de semana e feriados. As denúncias são anônimas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita para o número 100; e do exterior pelo número telefônico pago 556132128400 ou pelo endereço eletrônico: disquedenuncia@sedh.gov.br.

A intenção do 18 de maio é destacar a data para mobilizar e convocar toda a sociedade a participar dessa luta e proteger nossas crianças e adolescentes. A data reafirma a importância de se denunciar e responsabilizar os autores de violência sexual contra a população infanto-juvenil.

Saiba mais em http://www.ebc.com.br/infantil/voce-sabia/2015/08/18-de-maio-e-o-dia-nacional-de-combate-ao-abuso-e-exploracao-sexual-de

Em nossa sugestão de leitura para o “Trabalhando com Poesia” de hoje textos dos Blogs Diário do Centro do Mundo, Socialista Morena e Pátria Latina. Vale a pena conferir:

O protesto de Cannes é devastador para a imagem do governo Temer. Por Paulo Nogueira – De Cannes para o mundo: é golpe – Os golpistas levaram meses para consumar seu crime contra a democracia. Mas poucos dias bastaram para a completa, absoluta, irrevogável desmoralização do golpe. É um marco, neste processo fulminante, o que acaba de ocorrer no festival de cinema de Cannes. A mensagem épica antigolpe que a equipe do filme brasileiro Aquarius correu instantaneamente o Brasil e o mundo nos sites e nas redes sociais. O grupo, no qual estava incluída a estrela do filme, Sônia Braga, posou segurando cartazes em inglês e francês que denunciaram ao planeta o caráter do golpe…

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/o-protesto-de-cannes-consagra-a-narrativa-mundialmente-vitoriosa-e-golpe-por-paulo-nogueira/

 

 

A secretaria de Cultura vai acabar sobrando para a garota de recados de Temer, Marta Suplicy. Por Kiko Nogueira – Falta falar com a Suzana Vieira – Se alguém, além de Temer, está se queimando irremediavelmente com a vacância eterna da tal Secretaria da Cultura é a senadora Marta Suplicy. Ao bandear-se para o PMDB, movida sobretudo a ressentimento e oportunismo, Marta acreditou que o eleitor  era um trouxa completo e tinha sofrido um apagão de memória. Em troca de disputar a prefeitura de São Paulo, ela topou tudo. Defendeu o interino como estadista, fez selfie com o Cunha, o pacote completo. Tentou emplacar a versão de que nunca soube da corrupção no PT e ficou escandalizada quando tomou conhecimento. Foi procurar água limpa e honestidade na gangue peemedebista. Então tá…

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/a-secretaria-de-cultura-vai-acabar-sobrando-para-a-garota-de-recados-de-temer-marta-suplicy-por-kiko-nogueira/

 

 

A mentira de Temer sobre sua mulher é mais um sinal de um governo fraudulento em qualquer área. Por Kiko Nogueira – O governo do interino é natimorto e o culpado é ele mesmo, o mordomo. Muito se ouviu falar das virtudes de Temer como articulador político. Ao contrário da titular, ele sabia compor, conversar, negociar etc — enfim, tudo aquilo que ela não sabia. Delfim Netto, para ficar num exemplo eloquente, cravou que o interino “é um dos últimos políticos do país capazes de fazer tricô com quatro agulhas”. Para ele, “Temer é treinado e sabe que só o político pode salvar o economista. Assim, poderá fazer alguns ajustes durante dois anos para convencer a sociedade de que o equilíbrio voltará em 3 ou 4 anos. Se aproveitar essa chance e conseguir fazer isso, poderá se transformar em um estadista.”…

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/a-mentira-de-temer-sobre-sua-mulher-e-mais-um-sinal-de-um-governo-fraudulento-em-qualquer-area-por-kiko-nogueira/

 

Quem é a ‘psicóloga cristã’, advogada da cura gay que virou conselheira do ministro da Saúde. Por Hermes Fernandes – Pense numa mulher articulada, formada e pós-graduada em um importante ramo das ciências humanas, mas cujo discurso destoe totalmente dos movimentos sociais que promovem os direitos humanos e o empoderamento feminino. É possível isso? Sim. Como? Que ingrediente somado aos que alistei acima poderia transformar uma potencial feminista e militante dos direitos humanos em alguém de postura anacrônica, prestando um desserviço às causas sociais que deveria defender? As evidências parecem apontar para o fundamentalismo religioso. Para quem não ligou os pontos ainda, estou falando da “psicóloga cristã” Marisa Lobo….

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/quem-e-a-psicologa-crista-advogada-da-cura-gay-que-virou-conselheira-do-ministro-da-saude-por-hermes-fernandes/

 

 

A recusa de Marília Gabriela em se juntar ao governo simboliza a morte moral do governo Temer. Por Paulo Nogueira – Como ela se associaria a um governo golpista e ilegítimo? O governo Temer nasceu tecnicamente morto. Ele não anda – se arrasta. O ministério da “Salvação Nacional” é o retrato acabado disso. Temer dissera que ia montar um ministério de “notáveis”. Ora, ora, ora. Que notável quer sujar sua imagem num governo como este golpista, liderado por um zé mané traidor e nascido de um gangster como Eduardo Cunha? Que notável quer ser chamado de golpista nos aeroportos do país, como tem se visto com frequência? Que notável quer pertencer a um governo do PMDB, o que existe de mais putrefato na política nacional? Deu no que tinha que dar. Em vez dos notáveis, implicados na Lava Jato…

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/a-recusa-de-marilia-gabriela-em-se-juntar-ao-governo-simboliza-a-morte-moral-do-governo-temer-por-paulo-nogueira/

 

 

“Ponte para o futuro” de Michel Temer leva o Brasil celeremente para trás – Em menos de uma semana, o governo ilegítimo de Michel Temer, vice-presidente que chegou ao comando da Nação graças a um processo de impeachment juridicamente questionado, mas apoiado entusiasticamente por uma imprensa simpatizante da ditadura militar, já ameaça tirar direitos constitucionais dos brasileiros. Além disso, as mudanças que se anunciam vão na contramão do que todos os países ditos civilizados do mundo estão fazendo ou planejando –inclusive os Estados Unidos, espécie de Terra Prometida da direita brasileira. As ideias que a equipe de Temer defendeu até agora foram:…

http://www.socialistamorena.com.br/ponte-para-o-futuro-de-temer/

 

 

Serviçal de Washington: José Serra e o Brasil que só fala grosso na América Latina – Mesmo sem haver ofensas ao governo ilegítimo de Michel Temer, José Serra, que ocupa agora o ministério das Relações Exteriores achou por bem “repudiar” a Unasul (AE) – O Ministério das Relações Exteriores do Brasil, agora com José Serra (PSDB) no comando, emitiu uma nota na sexta-feira (13) – primeiro dia sob nova direção – onde “repudia as declarações do Secretário-Geral da Unasul [União das Nações Sul-Americanas], Ernesto Samper, sobre a conjuntura política no Brasil”. Por Mariana Serafini. A nota diz ainda que os “argumentos apresentados, além de errôneos, deixam transparecer juízos de valor infundados e preconceituosos contra o Estado de Direito e seus poderes constituídos”…

http://www.patrialatina.com.br/servical-de-washington-jose-serra-e-o-brasil-que-so-fala-grosso-na-america-latina/

 

 

ANÁLISE: O STF NÃO VAI BARRAR O GOLPE PORQUE ELE É PARTE DO GOLPE – Frederico de Almeida | Opera Mundi – Para que se caracterize o golpe, não é necessária ruptura institucional ou constituição de regime autoritário; ministro Gilmar Mendes ajudou Moro a colocar faca no pescoço do Supremo. Mais do que uma mera narrativa com efeitos mobilizadores por parte de um governo acuado, a acusação de que o processo de impeachment de Dilma Rousseff constitui um golpe de Estado tem substância teórica e empírica. Utilizo aqui a definição trazida pelo meu colega Alavaro Bianchi em recente ensaio a respeito do tema, segundo o qual um golpe de Estado seria “uma mudança institucional promovida sob a direção de uma fração do aparelho de Estado que utiliza para tal de medidas e recursos excepcionais que não fazem parte das regras usuais do jogo político”…

 

http://www.patrialatina.com.br/analise-o-stf-nao-vai-barrar-o-golpe-porque-ele-e-parte-do-golpe/

 

 

Plutocracia brasileira queima 54 mi de votos – “Golpeachment” derruba Dilma – “Fim de jogo? Calma. Ainda não. A frente antigolpeachment tem estratégia: convencer o ‘Brasil profundo’, as vastas massas de trabalhadores pobres, de que foi praticada uma ilegalidade; reconstruir a imagem de Rousseff como alvo de profunda injustiça; reenergizar a frente política progressista; assegurar que o governo de Brutus n. 1 fracasse; e criar condições para o homem que virá do frio nas eleições presidenciais de 2018.”…

 

http://www.patrialatina.com.br/plutocracia-brasileira-queima-54-mi-de-votos/

 

 

Vamos falar do golpe no Brasil, filhoPablo Gentili – Secretário executivo do CLACSO e professor da UERJ/Carta Maior – São quatro e meia da madrugada. Acordo ansioso, angustiado e com uma profunda sensação de impotência. Tenho vontade de sair correndo, de gritar pela janela, de me encolher em um canto, de me tornar invisível, de começar a chorar. Em casa, todos ainda dormem. Já dei voltas e mais voltas. Nos últimos dias, minha cama parece uma montanha-russa, na verdade, um abismo, como a borda fina de uma queda infinita. E eu estou do lado do vazio, querendo chegar à terra firme, que está logo ali, a poucos centímetros, inalcançável. Sei que se olhar para baixo cairei. É melhor ignorar o fato de que meus pés estão apoiados sobre um imenso precipício. Penso em você, meu filho querido. Penso em tantos companheiros e companheiras, amigos queridos desses vinte e cinco anos de Brasil…

http://www.patrialatina.com.br/vamos-falar-do-golpe-no-brasil-filho/

 

 

Veja a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique:

 

https://oipa2.wordpress.com/2016/05/18/trabalhando-com-poesia-720

Abraços nos amigos beijos nas amigas e nos filhos, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina.  Uma quarta-feira abençoada por Deus e repleta da força da rainha dos ventos e trovões. Eparrey Oyá.

 

Apio Vinagre Nascimento

e-mail: apiovinagre.adv@gmail.com

e-mail 1: apio.vinagre @pedraevinagre.adv.br

e-mail 2: oipa2@hotmail.com

e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br

site:http://www.pedraevinagre.adv.br
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/apio.vinagre
Flickr:
http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Skype: a_vinagre1
Youtube:
http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio 
Fones: (71) 98814-5332 / 99154-0168 / 99982-7223 / 98214-0894


O que te fez gostar de mim? – Cassandra Rios

O que te fez gostar de mim?
A curiosidade?
Vi em teu olhar um chamado
e nos gestos vagos das tuas mãos
a ansiedade
Tinhas medo de dizer meu nome
e estremecias quando eu me acercava.
O maior prazer da minha vida
eram teus receios, mas depois
tive o desespero dos teus beijos
em minha boca
e o prazer tornou-se tortura
de êxtases infinitos…
Enquanto não te dirigi a palavra não tiveste descanso, tu fizeste para que eu prestasse atenção em ti. E foi assim que imergi no sonho!

 

A moça do lago – Cassandra Rios

A moça do lago
que levou Jaguarari,
mãe d’água, saci, Pasifea e eu!
Turbilhão de pesadelos!
Imagens estranhas, perseguindo-me em
[sonhos!
Euforia dos sentidos,
confusão da mente!
Uma panatenéia absurda,
onde o amor que me força desprender
[raízes
tem sua origem!
Não minotauro, nem monstros,
nem faunos, nem ninfas
gerei flores!
Sou Salmacis, o nome que eu mesma dou
à outra que sou, andrógino ser,
desdobramento do sonho,
continuidade da vida na ilusão,
fundindo-me em teu amor!
E os prismas da dor embaralham-se
no caleidoscópio da minha alma!

O novo tom suave e belo.
É a impressão de que me amas!
Encobre o azul tristezas que me abatem, formando um quadro de interrogações e asteriscos.

Anúncios
Esse post foi publicado em Livros, Notícias e política e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s