Trabalhando com Poesia

“… Tive razão, posso falar, não foi legal, não pegou bem! Que vontade de chorar, dói em pensar que ela não vem, só dói, mas pra mim tá tranquilo, eu vou zoar, o clima é de partida, vou dar sequência na vida!… E de bobeira é que eu não estou e você sabe como é que é, eu vou, mas poderei voltar quando você quiser! demorô vai ser melhor… Tive razão, posso falar, não foi legal, não pegou bem! Que vontade de chorar, dói em pensar que ela não vem, só dói, mas pra mim tá tranquilo, eu vou zoar, o clima é de partida, vou dar sequência na vida!… E de bobeira é que eu não estou e você sabe como é que é, eu vou, mas poderei voltar quando você quiser! demorô vai ser melhor… Tive razão, posso falar, não foi legal, não pegou bem! Que vontade de chorar, dói em pensar que ela não vem, só dói, mas pra mim tá tranquilo, eu vou zoar, o clima é de partida, vou dar sequência na minha vida!… E de bobeira é que eu não estou e você sabe como é que é, eu vou, mas poderei voltar quando você quiser! demorô vai ser melhor…” (Seu Jorge – Tive Razão – Comp.: Seu Jorge)

“…Pretinha, Uuuu Uuuu faço tudo pelo nosso amor, faço tudo pelo bem do nosso bem, meu bem, a saudade é minha dor e anda arrasando com o meu coração e não duvide que um dia eu te darei o céu… O meu amor junto com um anel, pra gente se casar, no cartório ou na igreja, se você quiser, se não quiser tudo bem, meu bem, mas tente compreender, morando em São Gonçalo você sabe como é, hoje a tarde a ponte engarrafou e eu fiquei a pé… Tentei ligar pra você, o orelhão da minha rua estava escangalhado, o meu cartão tava zerado, mas você crê se quiser… Mas tente compreender, morando em São Paulo você sabe como é, hoje a marginal engarrafou e eu fiquei a pé… Tentei ligar pra você, o orelhão da minha rua estava escangalhado, o meu cartão tava zerado, mas você crê se quiser, mas você crê se quiser, mas você crê se quiser, mas você crê se quiser, mas você crê se quiser…” (Seu Jorge – Pretinha – Comp.: Seu Jorge)

“…Ela sabe que eu quero, muito lhe espero, mas agora o assunto é particular, não acabou o amor, só o compromisso e isto não é banal, está com um novo amor e batalhou por isso, isto é muito pessoal… Ela sabe que eu quero, quanto tempo for espero, me desejo, me derreto com seu jeito de me olhar, porque o seu amor já virou meu vício, eu posso até me dar mal, por não ser seu amor, ou não ter compromisso, isto é particular… Agora eu vou lhe dá uma dica, uma dica, o mundo é tão lindo, ainda tem eu aqui te querendo, querendo, acordei pensando nisso… E o bom da vida é viver bem, estar bem, querer bem, deixa eu namorar… Viver bem, estar bem, querer bem, não é nada mau, viver bem, estar bem é particular… E o bom da vida é viver bem, estar bem, querer bem, deixa eu namorar… Viver bem, estar bem, querer bem, não é nada mau, viver bem, estar bem é particular…Ela sabe que eu quero, muito lhe espero, mas agora o assunto é particular, não acabou o amor, só o compromisso e isto não é banal, está com um novo amor e batalhou por isso, isto é muito pessoal… Ela sabe que eu quero, quanto tempo for espero, me desejo, me derreto com seu jeito de me olhar, porque o seu amor já virou meu vício, eu posso até me dar mal, por não ser seu amor, ou não ter compromisso, isto é particular… Agora eu vou lhe dá uma dica, uma dica, o mundo é tão lindo, ainda tem eu aqui te querendo, querendo, acordei pensando nisso… E o bom da vida é viver bem, estar bem, querer bem, deixa eu namorar… Viver bem, estar bem, querer bem, não é nada mau, viver bem, estar bem é particular… E o bom da vida é viver bem, estar bem, querer bem, deixa eu namorar… Viver bem, estar bem, querer bem, não é nada mau, viver bem, estar bem é particular…” (Seu Jorge – Pessoal particular – Comp.: Peu Meurray / Leonardo Reis / Seu Jorge)

“… Temos rotas a seguir, podemos ir daqui pro mundo, mas, quero ficar porque, quero mergulhar mais fundo… Só de me encontrar no seu olhar, já muda tudo! Posso respirar você e, posso te enxergar no escuro… Tem muito tempo na estrada, muito tem! E como quem não quer nada, você vem… Depois da onda pesada, a onda zen e, namorar na almofada e dormir bem… Foi o seu olhar o que me encantou, quero um pouco mais desse seu amor… Foi o seu olhar o que me encantou, quero um pouco mais desse seu amor… Temos rotas a seguir, podemos ir daqui pro mundo, mas, quero ficar porque, quero mergulhar mais fundo… Só de me encontrar no seu olhar, já muda tudo! Posso respirar você e, posso te enxergar no escuro… Tem muito tempo na estrada, muito tem! E como quem não quer nada, você vem… Depois da onda pesada, a onda zen e, namorar na almofada e dormir bem… Foi o seu olhar o que me encantou, quero um pouco mais desse seu amor… Foi o seu olhar o que me encantou, quero um pouco mais desse seu amor…” (Seu Jorge – Seu Olhar – Comp.: Seu Jorge)

“… Minha cabeça bem confusa, só de ver ela passar, só de ver ela sem mim, ainda usa a mesma blusa, com o broche que eu lhe dei, combinando com o colar… Eu fico imaginando coisas, me pego imaginando coisas, eu fico imaginando coisas, me pego imaginando coisas… Lembranças de um tempo bom, que a gente se amava em paz, que pena que eu vacilei, agora que não dá mais, você não me deu perdão, não tem problema, espero que esteja bem, feliz como eu fui feliz… O tempo é quem vai dizer, a vida quem quis assim! Não sou capaz de entender, como saí de cena, não dá pra mim, eu vou voar, melhor assim… . Minha cabeça bem confusa, só de ver ela passar, só de ver ela sem mim, ainda usa a mesma blusa, com o broche que eu lhe dei, combinando com o colar… Eu fico imaginando coisas, me pego imaginando coisas, eu fico imaginando coisas, me pego imaginando coisas… Lembranças de um tempo bom, que a gente se amava em paz, que pena que eu vacilei, agora que não dá mais, você não me deu perdão, não tem problema, espero que esteja bem, feliz como eu fui feliz… O tempo é quem vai dizer, a vida quem quis assim! Não sou capaz de entender, como saí de cena, não dá pra mim, eu vou voar, melhor assim…” (Seu Jorge & Paula Lima – Cuidar de mim – Comp.: Seu Jorge / Gabriel Moura / Rogê)

“O pensamento e a palavra têm poder curador. O corpo é o veículo através do qual se manifestam, no plano terrestre, o espírito e a alma, da qual o corpo é apenas o reflexo materializado. Por isso, espelha aquilo que pensamos, na saúde e na enfermidade, porque recebemos de acordo com os nossos pensamentos, e somos aquilo que pensamos. Pense sempre certo para ter saúde perfeita!” (Minutos de Sabedoria – Página 242)

Boa tarde pessoal,

Como foram de final de semana? Apesar das chuvas, espero que tenha corrido tudo bem para vocês e suas famílias. Nossas equipes continuam de prontidão e devem permanecer assim até o final de semana, tendo em vista haver previsão de chuvas até a sexta feira, mas, com diminuição da precipitação pluviométrica. Colabore com a Defesa Civil. Tendo conhecimento de alguma situação de risco, informe à COMDEC nos telefones 3288-8628 ou pelo 199.

Devo registrar a satisfação com o acompanhamento direto da nossa situação pelo CEMADEN – Centro Nacional de Alerta de desastres Naturais, órgão ligado ao CENAD – Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres, que monitoraram a situação via satélite todo o tempo e seguem nos mantendo informados e colhendo informações sobre a situação em tempo real. Defesa Civil Nacional atuando preventivamente.

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) Antonio Cássio, Chris Dinigre, Clécio Machado, Cledson Hora, pessoal da CNT Nordeste, Erina Woo, Fátima Dantas, Turma do Livre Participe, Maria Luiza e a minha amiga e ex colega de secretariado Rita Franco. Paz, Saúde e muitas felicidades a todos (as), hoje e sempre.

Entrou em vigor desde o dia 16 de maio a Lei Federal que estabelece o livre acesso de qualquer cidadão às informações relacionadas às instituições públicas. No âmbito da Prefeitura de Lauro de Freitas, a Prefeita Moema Gramacho, através de 3 decretos, regulamentou a referida Lei, Instituiu e nomeou os membros de Grupo de Trabalho, visando dar tratamento à questão. Os citados decretos foram publicados no Diário Oficial de ontem. Confira:

http://ba.portaldatransparencia.com.br/prefeitura/laurodefreitas/doe/?pagina=abre_documentos&arquivo=_repositorio/_publicacoes/_documentos/230/337/_dop/C0E6C009-E25B-467F-9B00FD278BEAA80E18052012101554.pdf&mime_type=application/pdf

Está disponível desde a tarde de segunda feira (21/05), Os gabaritos referentes às provas do Concurso de Lauro de Freitas para os cargos de Nivel Fundamental e Médio.

O certame que fora suspenso, em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

Confira AQUI os gabaritos das Provas de Domingo (20/05)

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/docs/gabaritosPreliminaresArea_N%C3%ADvel_Fundamental.pdf

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/docs/gabaritosPreliminaresArea_N%C3%ADvel_M%C3%A9dio.pdf

Eventuais recursos em relação ao Gabarito podem ser interpostos até amanhã, às 16h30min. Confira AQUI o informe:

Confira ainda:

· Edital da UNEB referente ao Concurso

Confira também os Gabaritos das Provas feitas no dia 06 de Maio de 2012 (Nível Superior):

Profissionais da Área de Educação

Profissionais da Área de Saúde – REPUBLICAÇÃO POR INCORREÇÃO DE EDITORAÇÃO DO GABARITO DA PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA, 08/05/2012.

Outros Profissionais de Nível Superior

A Secretaria de Saúde e a Exatus Consultoria divulgaram os Gabaritos referentes às provas, da Seleção Pública, realizadas no último domingo (13/05). Confira o Gabarito em:

http://www.exatuspr.com.br/arquivos/1337032226_gabarito.pdf

A Secretaria de Saúde publicou também a primeira convocação da sua Seleção Simplificada para diversos cargos a serem contratados pelo REDA. A lista completa foi disponibilizada no Diário Oficial.

Confira AQUI:

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Completou aniversário ontem o cantor e compositor Roberto Frejat, que juntamente com Cazuza foi um dos pilares do grupo Barão Vermelho. Cantor, compositor e guitarrista brasileiro. Mais conhecido no Brasil apenas como Frejat, é um vocalista e um dos fundadores da banda Barão Vermelho. Foi também o principal parceiro de Cazuza em composições.

Sua mãe é de origem judaica e seu pai de origem árabe. Frejat é fã de Janis Joplin e Ângela Rô Rô, além de se interessar por MPB e pelo rock brasileiro. Com Cazuza, compartilhou o Barão Vermelho e a afinidade musical.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Roberto_Frejat

A música internacional perdeu, no domingo (20), mais um dos seus ícones: aos 62 anos de idade, morreu Robin Gibbs. O músico estava internado em uma clínica particular de Londres. Ele conseguiu se recuperar de um câncer diagnosticado em 2010, mas recentemente teve de ser submetido a uma operação no intestino e descobriu um segundo câncer.

http://musica.terra.com.br/noticias/0,,OI5785130-EI1267,00-Robin+Gibb+do+Bee+Gees+morre+aos+anos.html

http://pt.wikipedia.org/wiki/Robin_Gibb

Hoje na História – 22 de maio

Em 22 de maio de 1457 Após percorrer a sua via dolorosa, o Senhor quis colher do jardim, que é a Igreja, a sua preciosa rosa. O Monastério de Santa Maria Madalena, em Cássia, entregava a Deus e ao mundo uma das suas mais belas flores – Rita de Cássia agora pertencia ao mundo! nascida Rita Lotti, em Roccaporena, no ano de 1381, foi uma monja agostiniana da diocese de Espoleto, Itália. Foi beatificada em 1627 e canonizada em 1900

Filha única, foi mãe, viúva, religiosa e estigmatizada. Nasceu em maio do ano 1381, um ano depois da morte de Santa Catarina de Siena. A casa natal de Santa Rita está perto de Cássia, entre as montanhas, a umas quarenta milhas de Assis, na Úmbria, região do centro da Itália que mais santos tinha dado à Igreja (São Benedito, Santa Escolástica, São Francisco, Santa Clara, Santa Ângela, São Gabriel, Santa Clara de Montefalco, São Valentim e muitos mais).

Sua vida começou em tempo de guerras, terremotos, conquistas e rebeliões. Países invadiam países, cidades atacavam as cidades vizinhas, vizinhos lutavam com os vizinhos, irmão contra irmão. Os problemas do mundo pareciam maiores que a política e os governos eram capazes de resolver. Nascida de devotos pais, Antonio Mancini e Amata Ferri, que se conheciam como os “Pacificadores de Jesus Cristo”, pois os chamavam para apaziguar brigas entre vizinhos.

Eles não necessitavam de discursos poderosos nem discussões diplomáticas, somente apelavam a Jesus. Sentiam que somente assim se podem apaziguar as almas. Apesar da idade avançada de Amata (62 anos), nem por isso deixavam de confiar em Deus e foi assim que Deus, acredita-se, atendeu às suas preces: conta a história que um anjo apareceu a ela e lhe revelou que daria à luz uma menina que seria a admiração de todos, escolhida por Deus para manifestar a todos os seus prodígios.

http://www.jb.com.br/sociedade-aberta/noticias/2012/05/22/santa-rita-de-cassia-rogai-por-nos/

http://pt.wikipedia.org/wiki/Santa_Rita_de_C%C3%A1ssia

Em 22 de maio de 1875, dois partidos socialistas alemães celebram um congresso comum em Gotha, na Alemanha, uma pequena cidade celebre por seu Almanaque das Cabeças Coroadas. Os dois partidos desejavam se unir para poder enfrentar o poderoso chanceler alemão Bismarck.

O Congresso de Gotha se reuniu entre 22 e 27 de Maio de 1875 e decidiu unificar as duas correntes do movimento operário alemão: o Partido Operário Social-Democrata, dirigido por August Bebel e Wilhelm Liebknecht, e a União Geral Operária Alemã, dirigida por Hasenclever, Hasselmann e Tolcke.

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/21980/hoje+na+historia+1875+-++e+inaugurado+na+alemanha+o+congresso+de+gotha.shtml

Em 22 de maio de 1908, os irmão norte-americanos Orville e Wilbur Wright patentearam um aeroplano mais pesado do que o ar, capaz de executar um voo prolongado e repetido. Por conta disso, eles ficaram conhecidos como os pioneiros da história da aviação, “título” histórico que gera muitas controvérsias. O modelo patenteado foi pilotado por importantes figuras, como o empresário russo Charles De Lambert que, em 1909, voou 116 quilômetros em menos de duas horas. A contribuição mais importante dos irmãos para a aviação foi um voo para determinar o movimento de aeronaves em torno do eixo longitudinal. Na época, os projetos dos aviões não levavam em conta a necessidade de inclinar as asas para mudar a direção da aeronave. O trabalho metódico e minucioso dos irmãos Wright constituiu as bases para o voo de equipamentos mais pesados do que o ar. No entanto, alguns atribuem a Santos Dumont o feito, que teria acontecido em julho de 1906, com o 14 Bis.

Em 22 de maio de 1958 Lançado ao mar em Camden, Nova Jersey, o primeiro navio mercante atômico.

Em 22 de maio de 1967 Chegam a Brasília para uma visita de uma semana o príncipe Akihito e a princesa Michiko, do Japão.

Em 22 de maio de 1970, A França faz explodir no Pacífico sul a segunda bomba nuclear atmosférica, de uma série de oito.

Em 22 de maio de 1974 Os presidentes Geisel e Hugo Banzer firmam um acordo pelo qual a Bolívia forneceria gás natural ao Brasil.

Em 22 de maio de 1985 Carro-bomba mata sessenta pessoas no Líbano.

Em 22 de maio de 1989 Cientistas americanos realizam transplante de genes.

Em 22 de maio de 1991 Operários franceses e britânicos encontram-se a cinquenta metros abaixo do fundo do mar, completando a obra bruta do túnel sob o canal da Mancha.

Em 22 de maio de 1994 a Assembléia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) proclamou o dia 22 de maio, data quando entrou em vigor o Convênio Internacional da Diversidade Biológica, como o Dia Internacional da Diversidade Biológica. A diversidade biológica, ou biodiversidade, é o termo com o que se faz referência à ampla variedade de seres vivos sobre a Terra e aos padrões naturais que a formam. Desde o começo da agricultura, há cerca de 10.000 anos, e até a revolução industrial dos últimos três séculos, as paisagens vem sendo modificadas a uma escala cada vez maior e irreversível. Os antigos métodos de colheita estão sendo substituídos por tecnologias mais intensivas, freqüentemente sem nenhum tipo de controle que evite a supercolheita. Segundo a ONU, a cada dia aumenta a degradação do meio ambiente, e isso pode se traduzir depois no declínio das economias locais e das sociedades que sustenta.

Neste sentido, a Convenção sobre Diversidade Biológica da Organização das Nações Unidas (ONU) está lançando nesta terça, Dia Internacional da Biodiversidade, o livro Um oceano: muitas palavras, muita vida. A obra trata, entre vários assuntos, do problema da acidez dos oceanos, da importância da manutenção das reservas marinhas e da pressão sobre esses bens naturais.

http://invertia.terra.com.br/sustentabilidade/noticias/0,,OI5787812-EI10411,00-No+dia+da+biodiversidade+ONU+lanca+livro+sobre+oceanos.html

Em 22 de maio de 1998 Terremoto mata sessenta pessoas na Bolívia. Num período de doze horas, a terra tremeu 178 vezes.

Em 22 de maio de 2002 Tribunal do Pará condena o major José Maria Oliveira, comandante do grupo da Polícia Militar envolvido no massacre de Eldorado de Carajás.

Em 22 de maio de 2003 ONU encerra doze anos de sanções econômicas impostas ao Iraque.

Em 22 de maio de 2004 O príncipe Filipe, herdeiro do trono espanhol, casa-se com a apresentadora de televisão Letizia Ortiz.

Outros fatos do dia 22 de maio

1671 – É outorgada a Carta de fundação da cidade de Versalles, por Luis XIV da França.

1744 – Morre Alexander Pope, escritor inglês.

1774 – Francisco de Orduña, em nome do vice-rei do Rio da Prata, toma posse do arquipélago das Malvinas, recuperado pelos espanhóis dos ingleses.

1843 – Morre Henri Beyle Stendhal, novelista francês.

1859 – Nasce Arthur Conan Doyle, novelista escocês.

1875 – A Noruega introduz o sistema métrico decimal.

1885 – Morre Victor Hugo, escritor romântico francês.

1895 – Rubén Darío escreve em uma hora e meia sua famosa Marcha triunfal para a noitada patriótica do 25 de maio.

1907 – Nasce Lawrence Olivier, ator britânico.

1911 - Portugal adota como tipo ouro o escudo de cem centavos.

1912 - Nasce Herbert Charles Brown, químico norte-americano de origem britânica, Prêmio Nobel 1979.

1924 – Nasce Charles Aznavour, cantor e ator francês de origem armênia.

1930 - Primeira apresentação de um programa de televisão em um teatro da cidade norte-americana de Schenectady (estado de Nova York).

1933 – A luta em Cuba contra a ditadura do general Machado se torna uma verdadeira guerra civil.

1939 – Alemanha e Itália firmam em Berlim o chamado Pacto de Acero, verdadeira aliança militar entre ambos países.

1949 – Promulgação da Lei Fundamental de Bonn, constituição provisória da República Federal Alemã.

1952 – O governo argentino denuncia a existência de um complô para assassinar o presidente Juan Domingo Perón e sua esposa.

1960 – Ocorre o Grande Terramoto do Chile, o mais potente até agora registado – 9,5 na escala de Richter.

1981 – Francois Mitterrand forma um governo de esquerda na França.

1983 – Graves inundações na Argentina, Brasil e Paraguai.

1988 – Karoly Grosz, primeiro ministro da Hungria se declara partidário da Perestroika.

1990 - Os líderes do Iêmen do Norte, Alí Abdalla Salej, e do Iêmen del Sur, Jaida Abu Baker, proclamam o nascimento da República do Iêmen, após a unificação de ambos territórios.

1991 – Os presidentes do Líbano, Elías Haraui, e da Síria, Hafez el Asad, firmam em Damasco um histórico Tratado de Irmandade, Cooperação e Colaboração, após o fim da guerra civil.

1992 – A Assembléia Geral da ONU admite como integrantes a Eslovênia, Croácia e a Bósnia-Herzegovina.

1994 – Alí Salem al Baid, proclamado presidente da nova República Democrática do Iêmen.

Nasceram neste dia…

1924 – Charles Aznavour, músico e ator francês.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Charles_Aznavour

Morreram neste dia…

337 – Constantino I, imperador de Roma (n. 272).

1885 – Victor Hugo, escritor e político francês (n 1802).

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 51 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/22/trabalhando-com-poesia-443/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Terça feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Uma ótima semana a todos (as),

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9982-7223

Fragmentos de pensamento de Cecília Meirelles

“Nasci aqui mesmo no Rio de Janeiro, três meses depois da morte de meu pai, e perdi minha mãe antes dos três anos. Essas e outras mortes ocorridas na família acarretaram muitos contratempos materiais, mas, ao mesmo tempo, me deram, desde pequenina, uma tal intimidade com a Morte que docemente aprendi essas relações entre o Efêmero e o Eterno. (…) Em toda a vida, nunca me esforcei por ganhar nem me espantei por perder. A noção ou o sentimento da transitoriedade de tudo é o fundamento mesmo da minha personalidade. (…) Minha infância de menina sozinha deu-me duas coisas que parecem negativas, e foram sempre positivas para mim: silêncio e solidão. Essa foi sempre a área de minha vida. Área mágica, onde os caleidoscópios inventaram fabulosos mundos geométricos, onde os relógios revelaram o segredo do seu mecanismo, e as bonecas o jogo do seu olhar. Mais tarde foi nessa área que os livros se abriram, e deixaram sair suas realidades e seus sonhos, em combinação tão harmoniosa que até hoje não compreendo como se possa estabelecer uma separação entre esses dois tempos de vida, unidos como os fios de um pano.”

Meu Sonho – Cecília Meireles

Parei as águas do meu sonho
para teu rosto se mirar.
Mas só a sombra dos meus olhos
ficou por cima, a procurar…
Os pássaros da madrugada
não têm coragem de cantar,
vendo o meu sonho interminável
e a esperança do meu olhar.
Procurei-te em vão pela terra,
perto do céu, por sobre o mar.
Se não chegas nem pelo sonho,
por que insisto em te imaginar?
Quando vierem fechar meus olhos,
talvez não se deixem fechar.
Talvez pensem que o tempo volta,
e que vens, se o tempo voltar.

Publicado em Livros | Marcado com , , | Deixe um comentário

Prefeitura comemora sucesso de concurso público em Lauro de Freitas – Gabaritos das provas de 20 de maio já estão liberados

O tempo chuvoso não atrapalhou a realização da segunda etapa do concurso público da Prefeitura de Lauro de Freitas, com mais de 18 mil inscritos, na tarde deste domingo (20). Agentes de trânsito, da Guarda Municipal e da Polícia Militar trabalharam em conjunto, conseguiram evitar congestionamentos e garantiram a segurança. A pedido da prefeitura, foram colocados 100 ônibus a mais para atender os candidatos, alguns adaptados para cadeirantes. A secretaria municipal de Administração ainda disponibilizou “agente de informação” em locais estratégicos para evitar atraso ou erro do local de prova. “Foi tranquilo, não tenho do que me queixar, cheguei cedo e a prova começou no horário” – relatou o candidato Djalma Junior.

Candidata de Salvador, a técnica de enfermagem Caroline Dias também comprovou a boa organização. “Vi o local de prova no site da Prefeitura e não tive problemas. Cheguei cedo e foi tudo tranquilo”. O certame, organizado pela Universidade do Estado da Bahia, foi realizada em 29 estabelecimentos de todo o município. A prefeita Moema Gramacho, que havia feito apelo para que os candidatos chegassem com antecedência, parabenizou a Uneb mais uma vez “pela agilidade e competência”. Ela comemorou a tranquilidade e destacou o empenho dos funcionários municipais. “Todas as secretarias estavam envolvidas para que tudo transcorresse normalmente. Foi um sucesso absoluto”.

A secretária de Administração, Inglid Leila, também ficou contente com o bom resultado na organização. “Tudo foi providenciado para que o candidato tivesse orientação e acesso. Esperamos que eles tenham feito boas provas e que tenhamos bons funcionários”. Os secretários municipais deram suporte nos principais locais de prova, para acompanhar de perto a organização do concurso.

De acordo com a coordenadora do Centro de Processo Seletivo (CPS) da Uneb, Romilda Almeida, apesar das chuvas não houve retardatários. “Tivemos mais uma vez a colaboração efetiva da Prefeitura. Sem ela, seria difícil alcançar este sucesso”. Ainda segundo Almeida, o gabarito será divulgado nesta segunda-feira (21).

Mil e 300 funcionários da UNEB participaram direta e indiretamente da organização do concurso. O resultado final será divulgado até o dia 19 de junho. A primeira etapa do concurso foi realizada no dia 6 para os cargos de nível superior. Ao todo, se inscreveram mais de 36 mil candidatos.

Já estão disponiveis os Gabaritos referentes às provas realizadas ontem, pelo Concurso Público da Prefeitura de Lauro de Freitas. Os gabvaritops estão no site da UNEB desde a tarde desta segunda feira (21/05).

Confira AQUI o Gabarito das provas para cargos de nivel fundamental.

Confira AQUI o Gabarito das provas para cargos de nivel médio.


Confira AQUI o Gabarito o Informe acerca de interposição de recusos aos gabaritos informados.


Departamento de Comunicação – DECOM
3288-860 ou 3288-8764
9609-1188 ou 9609-1614

http://www.laurodefreitas.ba.gov.br
http://www.imprensalauro.com.br
http://www.twitter.com/imprensalauro
http://www.transparencialaurodefreitas.ba.gov.br
http://www.flickr.com/imprensalauro

http://www.youtube.com.br/imprensalauro

Publicado em Notícias e política | Marcado com , , | Deixe um comentário

A Amizade – Por Mauricio de Souza

Publicado em Livros | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Com recursos do Fundo de Cultura, SecultBA abre inscrições para 17 editais e chamada pública para demanda espontânea.

Mais de R$ 18 milhões serão investidos em atividades artístico-culturais através do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA).

A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) abriu as inscriçõespara 17 editais setoriais, além da Demanda Espontânea, destinados ao público que trabalha, pesquisa e atua na cultura, como artistas, empreendedores, estudantes e grupos. O objetivo dos editais é apoiar a produção, proteção, circulação, formação e pesquisa da cultura no Estado. Os editais e a seleção pública para demanda espontânea aceitam propostas de pessoa física maior de 18anos e pessoa jurídica que atue no exercício de atividades culturais, residentes na Bahia há pelo menos três anos.

Novas áreas foram abertas, como projetos estratégicos em cultura e formação equalificação em cultura, além de editais com enfoque na cooperação cultural nosterritórios de identidade. Outra mudança está na divisão em editais setoriais,que possibilitam que uma determinada área da cultura, como a música e o teatro, sejam compreendidas como um todo.

Os editais setoriais são destinados às linguagens artísticas: música, dança, audiovisual, teatro, circo,literatura, artes visuais, bem como a museus e patrimônio cultural,arquitetônico e urbanismo. Também serão contemplados projetos para culturas digitais, identitárias, populares, editoras baianas, economia criativa,projetos estratégicos, territórios culturais e formação e qualificação. Ainda estão previstas inscrições para a Demanda Espontânea, a fim de apoiar propostas cujo objeto não se enquadre em nenhum dos 17 editais lançados.

O edital Territórios Culturais visa contemplar projetos de intercâmbio cultural e cooperação entre diferentes municípios de um mesmo território de identidade, estimulando a cidadania cultural efomentando o diálogo entre os saberes e fazeres e/ou as expressões culturais de cada Território.

MAIS INFORMAÇÕES:

http://www.cultura.ba.gov.br/apoio-a-projetos/selecoes-publicas-editais/

Se ligue!! Oficinas esclarecedoras e preparatórias para os editais estão sendo realizadas em todo o Estado.

Veja abaixo, programação prévia para a Região Metropolitana de Salvador:

22 e 23 de maio | Centro de Cultura de Plataforma

24 e 25 de maio | Centro de Cultura de Lauro de Freitas

28 de maio | Biblioteca Municipal de Vera Cruz

30 de maio | Madre de Deus

Horário das oficinas: 9h às 17h

Outras oficinas estão sendo agendadas.

Publicado em Notícias e política | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Trabalhando com Poesia

“… Amou daquela vez como se fosse a última, beijou sua mulher como se fosse a última, e cada filho seu como se fosse o único e, atravessou a rua com seu passo tímido, subiu a construção como se fosse máquina, ergueu no patamar quatro paredes sólidas, tijolo com tijolo num desenho mágico, seus olhos embotados de cimento e lágrima, sentou pra descansar como se fosse sábado, comeu feijão com arroz como se fosse um príncipe, bebeu e soluçou como se fosse um náufrago, dançou e gargalhou como se ouvisse música… E tropeçou no céu como se fosse um bêbado, e flutuou no ar como se fosse um pássaro, e se acabou no chão feito um pacote flácido, agonizou no meio do passeio público… Morreu na contramão atrapalhando o tráfego… Amou daquela vez como se fosse o último, beijou sua mulher como se fosse a única, e cada filho seu como se fosse o pródigo, e atravessou a rua com seu passo bêbado, subiu a construção como se fosse sólido, ergueu no patamar quatro paredes mágicas, tijolo com tijolo num desenho lógico, seus olhos embotados de cimento e tráfego, sentou pra descansar como se fosse um príncipe, comeu feijão com arroz como se fosse o máximo, bebeu e soluçou como se fosse máquina, dançou e gargalhou como se fosse o próximo, e tropeçou no céu como se ouvisse música, e flutuou no ar como se fosse sábado, e se acabou no chão feito um pacote tímido, agonizou no meio do passeio náufrago… Morreu na contramão atrapalhando o público… Amou daquela vez como se fosse máquina, beijou sua mulher como se fosse lógico, ergueu no patamar quatro paredes flácidas, sentou pra descansar como se fosse um pássaro, e flutuou no ar como se fosse um príncipe, e se acabou no chão feito um pacote bêbado… Morreu na contra mão atrapalhando o sábado… Por esse pão pra comer, por esse chão pra dormir, a certidão pra nascer e a concessão pra sorrir, por me deixar respirar, por me deixar existir, Deus lhe pague!… Pela cachaça de graça que a gente tem que engolir, pela fumaça e a desgraça, que a gente tem que tossir, pelos andaimes pingentes que a gente tem que cair, Deus lhe pague!… Pela mulher carpideira pra nos louvar e cuspir e, pelas moscas bicheiras a nos beijar e cobrir e, pela paz derradeira que enfim vai nos redimir, Deus lhe pague!…” (Chico Buarque – Construção – Composição: Chico Buarque)

“… Quando você me deixou, meu bem, me disse pra ser feliz e passar bem, quis morrer de ciúme, quase enlouqueci, mas depois, como era de costume, obedeci… Quando você me quiser rever, já vai me encontrar refeito, pode crer… Olhos nos olhos, quero ver o que você faz, ao sentir que sem você eu passo bem demais… E que venho até remoçando, me pego cantando, sem mais, nem por quê e, tantas águas rolaram, quantas mulheres me amaram, bem mais e melhor que você… Quando talvez precisar de mim, cê sabe que a casa é sempre sua, venha sim… Olhos nos olhos, quero ver o que você diz, quero ver como suporta me ver tão feliz… Quando você me deixou, meu bem, me disse pra ser feliz e passar bem, quis morrer de ciúme, quase enlouqueci, mas depois, como era de costume, obedeci… Quando você me quiser rever, já vai me encontrar refeito, pode crer… Olhos nos olhos, quero ver o que você faz, ao sentir que sem você eu passo bem demais… E que venho até remoçando, me pego cantando, sem mais, nem por quê e, tantas águas rolaram, quantas mulheres me amaram, bem mais e melhor que você… Quando talvez precisar de mim, cê sabe que a casa é sempre sua, venha sim… Olhos nos olhos, quero ver o que você diz, quero ver como suporta me ver tão feliz…” (Chico Buarque – Olhos nos olhos – Comp.: Chico Buarque)

“… Quando, seu moço nasceu meu rebento, não era o momento dele rebentar. Já foi nascendo com cara de fome e, eu não tinha nem nome prá lhe dar… Como fui levando, não sei lhe explicar, fui assim levando, ele a me levar… E na sua meninice, ele um dia me disse, que chegava lá!… Olha aí! Olha aí! Olha aí! Ai o meu guri, olha aí! Olha aí! É o meu guri e ele chega!… Chega suado e veloz do batente, traz sempre um presente prá me encabular, tanta corrente de ouro, seu moço, que haja pescoço prá enfiar… Me trouxe uma bolsa, já com tudo dentro, chave, caderneta, terço e patuá… Um lenço e uma penca de documentos, prá finalmente eu me identificar… Olha aí! Olha aí! Olha aí! Ai o meu guri, olha aí! Olha aí! É o meu guri e ele chega!… Chega no morro com carregamento, pulseira, cimento, relógio, pneu, gravador, rezo até ele chegar cá no alto, essa onda de assaltos tá um horror… Eu consolo ele, ele me consola, boto ele no colo, prá ele me ninar, de repente acordo, olho pro lado e o danado já foi trabalhar… Olha aí! Olha aí! Olha aí! Ai o meu guri, olha aí! Olha aí! É o meu guri e ele chega!… Chega estampado, manchete, retrato, com venda nos olhos, legenda e as iniciais, eu não entendo essa gente, seu moço, fazendo alvoroço demais… O guri no mato, acho que tá rindo, acho que tá lindo, de papo pro ar, desde o começo, eu não disse, seu moço? Ele disse que chegava lá… Olha aí! Olha aí!… Olha aí! Olha aí! Olha aí! Ai o meu guri, olha aí! Olha aí! É o meu guri…… Olha aí! Olha aí! Olha aí! Ai o meu guri, olha aí! Olha aí! É o meu guri… Olha aí! Olha aí! Olha aí! Ai o meu guri, olha aí! Olha aí! É o meu guri…” (Chico Buarque – O meu guri – Comp.: Chico Buarque)

“… Rua, espada nua, boia no céu imensa e amarela, tão redonda a lua, como flutua, vem navegando o azul do firmamento e no silêncio lento, um trovador, cheio de estrelas… Escuta agora a canção que eu fiz pra te esquecer Luiza, eu sou apenas um pobre amador, apaixonado, um aprendiz do teu amor, acorda amor! Que eu sei que embaixo desta neve mora um coração… Vem cá, Luiza, me dá tua mão, o teu desejo é sempre o meu desejo, vem, me exorciza, me dá tua boca e a rosa louca vem me dar um beijo e um raio de sol, nos teus cabelos, como um brilhante que partindo a luz, explode em sete cores, revelando então os sete mil amores, que eu guardei somente pra te dar Luiza… Luiza… Luiza…” (Chico Buarque– Luíza – Comp.: Tom Jobim)

“…Eu nunca sonhei com você, nunca fui ao cinema, não gosto de samba, não vou à Ipanema, não gosto de chuva, nem gosto de sol… E quando eu lhe telefonei, desliguei, foi engano, seu nome eu não sei, esqueci no piano as bobagens de amor, que eu iria dizer… Não, Lígia, Lígia… Eu nunca quis tê-la ao meu lado num fim de semana, um chope gelado em Copacabana, andar pela praia até o Leblon… E quando eu me apaixonei, não passou de ilusão, o seu nome rasguei, fiz um samba-canção das mentiras de amor, que aprendi com você… Lígia, Lígia… E quando você me envolver nos seus braços serenos, eu vou me render, mas seus olhos morenos me metem mais medo, que um raio de sol… Ligia, Ligia…” (Chico Buarque – Ligia – Comp.: Tom Jobim)

“Se está desempregado (a), não se desespere, não amaldiçoe a sorte. Enfrente as dificuldades corajosamente. Não pense em abandonar a vida. Não seja covarde! Você pode vencer! Você vai vencer! Não recuse trabalho pelo fato de ser modesto. O grande Ford começou a vida como simples mecânico. Tenha coragem, porque o Pai não abandona a ninguém.” (Minutos de Sabedoria – Página 241)

Boa tarde pessoal,

O final de semana chega com o anuncio de muita chuva na cidade. As equipes estão de prontidão e devem permanecer assim por todo o período. Colabore com a Defesa Civil. Tendo conhecimento de alguma situação de risco, informe à COMDEC nos telefones 3288-8628 ou pelo 199.

Ontem à noite, pelas quartas de final da Copa do Brasil, o Bahia perdeu para a equipe do Grêmio, pelo placar de 2×1. A equipe comandada por Falcão fez uma de suas piores partidas no ano, se acovardou, notadamente no primeiro tempo e mereceu a derrota.

Agora as equipes baianas passam por dificuldade para avançar na competição. O Vitória precisa empatar com gols ou vencer a partida em Curitiba na próxima quarta feira a noite, sendo que o empate em 0x0 leva para cobrança de penalty. Já o tricolor tem missão dificílima: precisa vencer por dois gols de diferença e caso vença pelos mesmos 2×1 a partida será decidida na cobrança de penalty.

As duas equipes estreiam no Campeonato Brasileiro de Futebol. O Vitória, na Segunda Divisão, enfrenta um BA x VI, contra o Barueri em São Paulo, Sábado às 16 horas. Já o Bahia recebe o poderoso Santos de Neymar, em Pituaço, domingo as 18:30.

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) Edmilson Pereira, Edna Maria, Elizabete Oliveira, Liane Santana, Márcio Ribeiro, Alexandre Buri, Nilma Farias, Amanda Farias e à turma da Frente Transparência. Paz, Saúde e muitas felicidades a todos (as), hoje e sempre.

Entrou em vigor desde o dia 16 de maio a Lei Federal que estabelece o livre acesso de qualquer cidadão às informações relacionadas às instituições públicas. No âmbito da Prefeitura de Lauro de Freitas, a Prefeita Moema Gramacho, através de 3 decretos, regulamentou a referida Lei, Instituiu e nomeou os membros de Grupo de Trabalho, visando dar tratamento à questão. Os citados decretos foram publicados no Diário Oficial de ontem. Confira:

http://ba.portaldatransparencia.com.br/prefeitura/laurodefreitas/doe/?pagina=abre_documentos&arquivo=_repositorio/_publicacoes/_documentos/230/337/_dop/C0E6C009-E25B-467F-9B00FD278BEAA80E18052012101554.pdf&mime_type=application/pdf

Está disponível desde a tarde de segunda feira (14/05), o acesso ao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas, destinado à ocupação dos cargos de Nível Médio e Fundamental.

O certame que fora suspenso, em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

A data da prova será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/consultaLocalProvaMedio.php

Lista de candidatos (as) de A-F


Lista de candidatos (as) de G-M

Lista de candidatos (as) de N-Z

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Edital de convocação das provas

Relação de Inscrições deferidas

Gabaritos das provas, feitas no dia 06 de Maio de 2012, para cargos de Nível Superior – Clique na opção desejada para Visualização

Profissionais da Área de Educação

Outros Profissionais de Nível Superior

Profissionais da Área de Saúde – REPUBLICAÇÃO POR INCORREÇÃO DE EDITORAÇÃO DO GABARITO DA PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA, 08/05/2012.

A Secretaria de Saúde e a Exatus Consultoria divulgaram os Gabaritos referentes às provas, da Seleção Pública, realizadas no último domingo (13/05).

Confira o Gabarito AQUI:

A Secretaria de Saúde publicou também a primeira convocação da sua Seleção Simplificada para diversos cargos a serem contratados pelo REDA. A lista completa foi disponibilizada no Diário Oficial.

Confira AQUI:

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

A música internacional perdeu ontem a figura de Donna Summer, cantora americana, famosa no final dos anos 70 e anos 80, por suas músicas dançantes e com audição garantida em todas as discotecas da época, sendo algumas tocadas até hoje.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Donna_Summer

Hoje na História – 18 de Maio

Em 18 de Maio de 1498 o navegador português Vasco da Gama chegou ao porto de Calecute, na costa oeste da Índia. Ele foi o primeiro europeu a circundar o continente africano pelo Cabo da Boa Esperança.

Em 18 de maio de 1804 Em ascensão na carreira militar, Napoleão Bonaparte tem, na Itália, uma de suas primeiras vitórias imortais, na Batalha de Marengo. Depois de uma série de campanhas, Napoleão é proclamado Imperador pelo Senado francês. Ele controlou pessoalmente o exército com mão de ferro.

Em 18 de Maio de 1850 Inaugurado o Teatro Santa Isabel, em Recife.

Em 18 de Maio de 1920, nasce Papa João Paulo II, líder da Igreja Católica desde 16 de outubro de 1978 até a sua morte, a 2 de abril de 2005. Um dos líderes mais influentes do século XX, foi proclamado beato a 1 de maio de 2011.

http://www.ptjornal.com/201205177913/geral/hoje-e-dia/18-de-maio-nasce-karol-wojty%C5%82a-o-papa-joao-paulo-ii.html

http://pt.wikipedia.org/wiki/Papa_Jo%C3%A3o_Paulo_II

Em 18 de Maio de 1944 Aliados conquistam o Monte Cassino na Itália – Força Expedicionária Brasileira participaria da ofensiva junto às tropas dos EUA.

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/21893/hoje+na+historia+1944+-+aliados+conquistam+o+monte+cassino+na+italia.shtml

Em 18 de Maio de 1969 NASA lança a nave Apolo 10, para testar o módulo lunar em órbita do satélite.

Em 18 de Maio de 1972 – Entra em vigor, após a ratificação por 28 países, o tratado que proibe a instalação de armas nucleares no leito dos oceanos.

Em 18 de Maio de 1972 Inaugurada em Paris uma agência do Banco do Brasil.

Em 18 de Maio de 1974 Índia faz primeiro teste nuclear, numa prova subterrânea no deserto de Rajasthan.

Em 18 de Maio de 1978 Apesar de forte oposição do Vaticano, o Senado italiano legaliza o aborto, para mulheres de dezoito anos ou mais.

Em 18 de Maio de 1979 O Brasil e o Iraque divulgam um comunicado reconhecendo a Organização para a Libertação da Palestina como única representante do povo palestino.

Em 18 de Maio de 1980 A China lança com êxito seu primeiro míssil balístico intercontinental.

Em 18 de Maio de 1981 O presidente Figueiredo visita a Alemanha Ocidental e obtém empréstimo de 62 milhões de dólares para a Nuclebrás.

Em 18 de Maio de 1982 O Itamarati confirma a prisão, no Iraque, de três funcionários brasileiros da empreiteira Mendes Júnior, acusados de suborno e desvio de combustível.

Em 18 de Maio de 1988 O papa João Paulo II viaja à América Latina e visita Uruguai, Bolívia, Peru e Paraguai.

Em 18 de Maio de 1996 A OMS emite relatório segundo o qual 17 milhões de pessoas morrem anualmente vitimadas por doenças infecciosas.

Em 18 de Maio de 1998 Os EUA acionam a Microsoft para tentar impedir que a empresa estendesse seu monopólio à área de navegadores para a Internet.

Em 18 de Maio de 1999 Morria em um acidente automobilístico Dias Gomes – O baiano Alfredo de Freitas Dias Gomes nunca havia assistido a uma peça de teatro quando ganhou, aos 15 anos, o primeiro lugar no concurso do Serviço Nacional de Teatro, com a peça A comédia dos moralistas. Aos 19 anos escreveu o drama Pé de Cabra, que foi encenado por Procópio Ferreira. Procópio lhe propôs um contrato de exclusividade, que acabou por durar só um ano. O jovem teatrólogo rejeitava o textos digestivos e queria abordar temas polêmicos.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=12861

Em 18 de Maio de 2002 Após 23 dias de detenção, o STJ concede habea-corpus ao líder do MST, José Rainha, que ganha liberdade provisória.

Em 18 de Maio de 2004 A indiana Sonia Gandhi, líder do Partido do Congresso, recusa ser primeira-ministra.

Em 18 de Maio de 2009 Depois de 25 anos de conflitos, Tigres Tâmeis amitem derrota na Guerra Civil no Sri Lanka.

Outros fatos do dia 18 de Maio

18 de Maio é o Dia Nacional de Enfrentamento da Violência Sexual infanto-juvenil, foi instituído em 2000 pela Lei 9.970, e faz alusão a um crime ocorrido há 27 anos, no Espírito Santo, quando Araceli Cabrera, então com 8 anos, foi violentada e assassinada e os criminosos continuaram impunes. Apesar da cobertura da mídia e do especial empenho de alguns jornalistas, o caso ficou impune. Araceli só foi sepultada três anos depois. Sua morte, contudo, ainda causa indignação e revolta. A celebração dessa data vem manter viva a memória nacional, reafirmando a responsabilidade da sociedade brasileira em garantir os direitos de todas as suas Aracelis.

http://falando-historia.blogspot.com.br/2012/05/18-de-maio-o-dia-nacional-de-combate-ao.html

18 de Maio É também o Dia Internacional dos Museus, instituído pelo ICOM (Conselho Internacional de Museus – organismo da UNESCO).

O ICOM, que desde 1946 representa os museus e os profissionais de museus, congrega cerca de 28 mil profissionais e dois mil museus, integrando 31 comités internacionais.

http://primeiraedicao.com.br/noticia/2012/05/18/comemorase-hoje-o-dia-internacional-dos-museus

1680 – Uma compilação das Leis das Índias, com nove livros e mais de 6 mil leis, é publicada.

1848 – A Companhia de Jesus é dissolvida e seus integrantes são expulsos do território argentino.

1868 - Nasce Nicolás Romanov, último czar da Rússia.

1872 – Nasce Bertrand Russell, matemático e filósofo inglês.

1875 – Um terremoto destrói em poucos minutos a cidade colombiana de Cúcuta e causa a morte de duas mil pessoas.

1878 – O governo colombiano concede à companhia francesa de Lesseps os direitos para a construção do Canal de Panamá.

1893 – Nasce Augusto César Sandino, guerrilheiro nicaragüense.

1911 – Morre Gustav Mahler, compositor austríaco.

1913 – O general Mario Menocal e o Dr. Enrique Varona tomam posse, respectivamente, da presidência e vice-presidencia da República de Cuba.

1919 – É proclamada a República do Palatinado, separada do Reich e apoiada pela França.

1930 – O dirigível Zeppelin inicia um vôo em que cruzaria duas vezes o Atlântico, percorrendo 27 mil quilômetros.

1950 – A Assembléia Plenária das Nações Unidas decide embargar as mercadorias de grande valor para a China comunista.

1956 – Um juiz argentino decreta a prisão do ex-presidente Juan Domingo Perón, acusando-o de traição.

1973 – Salvador Allende anuncia a expropiação de todas as empresas estrangeiras do Chile.

1980 – Fernando Belaúnde Terry é eleito presidente do Peru.

1982 – Grandes inundações causam a morte de mais de 400 pessoas na província de Cantón (China).

1989 – A OEA pede ao general Noriega que abandone o poder em um prazo de duas semanas para evitar uma escalada de violência no Panamá.

1989 – O Parlamento da Lituânia modifica sua Constituição e proclama a soberania do povo lituano.

1990 – Os ministros das Finanças da República Federal Alemã e da República Democrática Alemã, Theo Waigel e Walter Rombers, firmam em Bonn o tratado de união monetária, econômica e social entre os dois países.

1990 - Na França, um TGV modificado atinge um novo recorde de velocidade sobre trilhos – 515,3 km/h

1991 – O rei Hassan II de Marrocos aceita a realização de um plebiscito pela autodeterminação no Saara ocidental.

1994 – O México ingressa na Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE).

1994 – O ex-presidente da Venezuela, Carlos Andrés Pérez, é detido por malversação.

2000 – Militares rebeldes seguidores do ex-general Lino César Oviedo protagonizam uma tentativa de golpe de Estado contra o governo do Paraguai, presidido por Luis González Macchi.

Nasceram neste dia…

1872 – Bertrand Russell, filósofo e matemático britânico (m. 1970).

1883 – Eurico Gaspar Dutra (imagem), político e militar brasileiro (m. 1974).

1975 - Jack Johnson, cantor norte-americano.

Morreram neste dia…

1911 – Gustav Mahler, compositor austríaco (n. 1860).

1922 – Charles Louis Alphonse Laveran, médico francês (n. 1845).

1980 – Ian Curtis, vocalista e compositor britânico (n. 1956).

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 51 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/18/trabalhando-com-poesia-442/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Quinta feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9982-7223

Amanhecimento – Elisa Lucinda

De tanta noite que dormi contigo
no sono acordado dos amores
de tudo que desembocamos em amanhecimento
a aurora acabou por virar processo.
Mesmo agora
quando nossos poentes se acumulam
quando nossos destinos se torturam
no acaso ocaso das escolhas
as ternas folhas roçam
a dura parede.
nossa sede se esconde
atrás do tronco da árvore
e geme muda de modo a
só nós ouvirmos.
Vai assim seguindo o desfile das tentativas de nãos
o pio de todas as asneiras
todas as besteiras se acumulam em vão ao pé da montanha
Para um dia partirem em revoada.
Ainda que nos anoiteça
tem manhã nessa invernada
Violões, canções, invenções de alvorada…
Ninguém repara,
nossa noite está acostumada.

Au Gratin – Elisa Lucinda

Fumo um cigarro fino
Como um palito
O calor do Rio é ridículo
Calor de chuva enrustida
Calor do céu oprimido
De inferno mal resolvido
Que não sabe se queima esse cara
Ou o assa ao ponto
Um calor filho da puta
Um calor de estufa
E eu sem nem ser judia
Sofro aos pouquinhos
Sofro esse zé pagodinho
Ardo nesse pecado que não cometi
Nesse forno onde me meti
Por uma apimentada dica
De um nordestino
Que me mostrou uma placa citada, tinhosa:
“CIDADE MARAVILHOSA”
Eu vim.

Publicado em Livros | Marcado com , , | 1 comentário

Trabalhando com Poesia

“… Amanhã vai ser outro dia… Amanhã vai ser outro dia… Hoje você é quem manda, falou, tá falado, não tem discussão, não… A minha gente hoje anda falando de lado e olhando pro chão, viu?… Você que inventou esse Estado, inventou de inventar toda escuridão, você que inventou o pecado, esqueceu-se de inventar o perdão… Apesar de você, amanhã há de ser outro dia, eu pergunto a você, onde vai se esconder da enorme euforia?… Como vai proibir quando o galo insistir em cantar? água nova brotando e a gente se amando sem parar… Quando chegar o momento, esse meu sofrimento vou cobrar com juros. Juro! Todo esse amor reprimido, esse grito contido, esse samba no escuro… Você que inventou a tristeza, ora tenha a fineza de “desinventar”… Você vai pagar, e é dobrado, cada lágrima rolada nesse meu penar… Apesar de você, amanhã há de ser outro dia, ainda pago pra ver o jardim florescer, qual você não queria… Você vai se amargar vendo o dia raiar, sem lhe pedir licença… E eu vou morrer de rir e esse dia há de vir, antes do que você pensa, apesar de você… Apesar de você, amanhã há de ser outro dia… Você vai ter que ver a manhã renascer e esbanjar poesia… Como vai se explicar, vendo o céu clarear, de repente impunemente?… Como vai abafar nosso coro a cantar, na sua frente, apesar de você… Apesar de você, amanhã há de ser outro dia, você vai se dar mal, etc e tal, la, laiá, la laiá, la… la, laiá, la laiá, la…” (Chico Buarque – Apesar de Você – Composição: Chico Buarque)

“… Você era a mais bonita das cabrochas dessa ala, você era a favorita onde eu era mestre-sala, hoje a gente nem se fala, mas a festa continua, suas noites são de gala, nosso samba ainda é na rua… Hoje o samba saiu, lá lalaiá, procurando você, quem te viu, quem te vê, quem não a conhece, não pode mais ver pra crer, quem jamais esquece, não pode reconhecer… Quando o samba começava, você era a mais brilhante e se a gente se cansava, você só seguia adiante, hoje a gente anda distante do calor do seu gingado, você só dá chá dançante onde eu não sou convidado… Hoje o samba saiu, lá lalaiá, procurando você, quem te viu, quem te vê, quem não a conhece, não pode mais ver pra crer, quem jamais esquece, não pode reconhecer… O meu samba assim marcava na cadência os seus passos, o meu sonho se embalava no carinho dos seus braços, hoje de teimoso eu passo, bem em frente ao seu portão, pra lembrar que sobra espaço no barraco e no cordão… Hoje o samba saiu, lá lalaiá, procurando você, quem te viu, quem te vê, quem não a conhece, não pode mais ver pra crer, quem jamais esquece, não pode reconhecer… Todo ano eu lhe fazia uma cabrocha de alta classe, de dourado eu lhe vestia pra que o povo admirasse, eu não sei bem com certeza porque foi que um belo dia, quem brincava de princesa acostumou na fantasia… Hoje o samba saiu, lá lalaiá, procurando você, quem te viu, quem te vê, quem não a conhece, não pode mais ver pra crer, quem jamais esquece, não pode reconhecer… Hoje eu vou sambar na pista, você vai de galeria, quero que você me assista na mais fina companhia, se você sentir saudade por favor não dê na vista, bate palma com vontade, faz de conta que é turista… Hoje o samba saiu, lá lalaiá, procurando você, quem te viu, quem te vê, quem não a conhece, não pode mais ver pra crer, quem jamais esquece, não pode reconhecer…Hoje o samba saiu… Hoje o samba saiu…” (Chico Buarque – Quem te viu, Quem te vê – Comp.: Chico Buarque)

“… Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas, vivem pros seus maridos, orgulho e raça de Atenas… Quando amadas, se perfumam, se banham com leite, se arrumam suas melenas, quando fustigadas não choram, se ajoelham, pedem, imploram mais duras penas; cadenas… Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas, sofrem pros seus maridos, poder e força de Atenas… Quando eles embarcam soldados, elas tecem longos bordados, mil quarentenas… E quando eles voltam, sedentos, querem arrancar, violentos, carícias plenas, obscenas… Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas, despem-se pros maridos, bravos guerreiros de Atenas… Quando eles se entopem de vinho, costumam buscar um carinho de outras falenas, mas no fim da noite, aos pedaços, quase sempre voltam pros braços de suas pequenas, Helenas… Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas, geram pros seus maridos, os novos filhos de Atenas… Elas não têm gosto ou vontade, nem defeito, nem qualidade, têm medo apenas… Não tem sonhos, só tem presságios, o seu homem, mares, naufrágios, lindas sirenas, morenas… Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas, temem por seus maridos, heróis e amantes de Atenas… As jovens viúvas marcadas e, as gestantes abandonadas não fazem cenas… Vestem-se de negro, se encolhem, se conformam e se recolhem às suas novenas, serenas… Mirem-se no exemplo daquelas mulheres de Atenas, secam por seus maridos, orgulho e raça de Atenas…” (Chico Buarque – Mulheres de Atenas – Comp.: Chico Buarque)

“… Agora eu era o herói e o meu cavalo só falava inglês, a noiva do cowboy era você, além das outras três… Eu enfrentava os batalhões, os alemães e seus canhões, guardava o meu bodoque e ensaiava o rock para as matinês… Agora eu era o rei, era o bedel e era também juiz e pela minha lei, a gente era obrigado a ser feliz… E você era a princesa que eu fiz coroar e era tão linda de se admirar, que andava nua pelo meu país… Não, não fuja não, finja que agora eu era o seu brinquedo, eu era o seu pião, o seu bicho preferido… Vem, me dê a mão, a gente agora já não tinha medo, no tempo da maldade, acho que a gente nem tinha nascido… Agora era fatal que o faz-de-conta terminasse assim, pra lá deste quintal era uma noite que não tem mais fim… Pois você sumiu no mundo sem me avisar e agora eu era um louco a perguntar, o que é que a vida vai fazer de mim?…” (Chico Buarque & Nara leão – João e Maria – Comp.: Chico Buarque / Sivuca)

“Não ponha limites à sua vida! Procure ouvir as notas harmoniosas e sublimes do canto maravilhoso que se evola da natureza. Viva sorridente e alegre, para espantar as preocupações, para aliviar as lutas. Mergulhe sua alma na alma da natureza: absorva a luz do sol, goze a suavidade da lua, contemple o esplendor das estrelas, aspire o perfume das flores. A vida é bela, apesar das dores e dos contratempos.” (Minutos de Sabedoria – Página 240)

Boa tarde pessoal,

A Secretaria de Serviços Públicos promove, nesta manhã, café da manhã em homenagem aos seus Agentes de Limpeza, em função da passagem do seu dia, ontem. Parabéns, mais uma vez, a cada um (a) dos (as) que nos ajudam a manter a cidade mais limpa e mais linda a cada dia.

Ontem a noite, pelas quartas de final da Copa do Brasil, o Vitória empatou, sem gols, com o time do Coritiba, no Estádio Manoel Barradas. Hoje a noite, a partir das 21 horas, será a vez do Bahia enfrentar o time do Grêmio. Sucesso ao Tricolor de Aço.

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) Ademilson Ceo, Aline Telles, Eliana Oliveira, Fabrício Novaes, Gina Moreno, Igor Guimarães, Jandira Feghali, Jocilene Souza, Jussi Santana, <ell de Jesus, Neidee Justo, Otaciano Visaocidade e o meu amigo e Presidente da CUFA, Preto Zezé. Paz, Saúde e muitas felicidades a todos (as), hoje e sempre.

Está disponível desde a tarde de segunda feira (14/05), o acesso ao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas, destinado à ocupação dos cargos de Nível Médio e Fundamental.

O certame que fora suspenso, em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

A data da prova será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/consultaLocalProvaMedio.php

Lista de candidatos (as) de A-F


Lista de candidatos (as) de G-M

Lista de candidatos (as) de N-Z

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Edital de convocação das provas

Relação de Inscrições deferidas

Gabaritos das provas, feitas no dia 06 de Maio de 2012, para cargos de Nível Superior – Clique na opção desejada para Visualização

Profissionais da Área de Educação

Outros Profissionais de Nível Superior

Profissionais da Área de Saúde – REPUBLICAÇÃO POR INCORREÇÃO DE EDITORAÇÃO DO GABARITO DA PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA, 08/05/2012.

A Secretaria de Saúde e a Exatus Consultoria divulgaram os Gabaritos referentes às provas, da Seleção Pública, realizadas no último domingo (13/05).

Confira o Gabarito AQUI:

A Secretaria de Saúde publicou também a primeira convocação da sua Seleção Simplificada para diversos cargos a serem contratados pelo REDA. A lista completa foi disponibilizada no Diário Oficial.

Confira AQUI:

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Hoje na História – 17 de Maio

Em 17 de Maio de 1588 Cristiano IV é eleito paralelamente rei da Dinamarca e da Noruega – Foi um dos principais heróis militares de seu país. Destacou-se por sua personalidade resolvida, impetuosa e ambiciosa. Participou de duas guerras contra a Suécia e da Guerra dos Trinta Anos, com resultados negativos. Como rei, estimulou reformas administrativas e militares e apoiou o mercantilismo na Dinamarca, colocando os alicerces de um império colonial. Fundou um grande número de povoados e cidades, muitos dos quais foram nomeados em sua homenagem, na Dinamarca: Christianshavn, Christianstad e Christianopel. Cristiânia (atual Oslo, fundada novamente depois da cidade velha ter sido destruída por um incêndio), Christianssand e Konningsberg, na Noruega: Gluckstadt (fundada como rival de Hamburgo) em Holstein, e Kobbermolle

Em 17 de Maio de 1792, 24 agentes financeiros e comerciantes de Nova York assinam a convenção de Buttonwood Tree em Wall Street. Por meio do acordo, decidem aplicar uma taxa de comissão única sobre todas as vendas de títulos. Seria o nascimento do NYSE (New York Stock Exchange), a Bolsa de Valores de Nova York. Em 8 de março de 1817, a organização aprovou seu primeiro nome: New York Stock & Exchange Board. Anthony Stockholm seria eleito seu primeiro presidente.

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/21884/hoje+na+historia+1792+-++acordo+inaugura+bolsa+de+valores+de+nova+york.shtml

Em 17 de Maio de 1842 tinha início a Revolução Liberal na Província de São Paulo

http://www.cruzeirodosul.inf.br/acessarmateria.jsf?id=387804

Em 17 de Maio de 1955 A Comissão de Energia Atômica e o Departamento de Defesa dos EUA anunciam a explosão de um artefato nuclear submarino no Pacífico.

Em 17 de Maio de 1961 Fidel Castro propõe a troca de 1.217 rebeldes, capturados por ocasião da invasão de Cuba, por quinhentas máquinas americanas de terraplanagem.

Em 17 de Maio de 1961 – Nascia em Guidore, Irlanda Eithne Ní Bhraonáin, conhecida como Enya, cantora irlandesa.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Enya

Em 17 de Maio de 1968 Cerca de cem mil grevistas ocupam centenas de fábricas na França.

Em 17 de Maio de 1970 Zarpa o Ra II, um barco de vela construído em papiro pelo antropólogo norueguês Thor Heyerdahl, para atravessar o Atlântico.

O expedicionário e perito em navegação antiga Thor Heyerdahl (n.1914), que realizou a sua primeira expedição marinha à Polinésia em 1937, construiu uma réplica de um barco egípcio antigo, o Ra, com juncos de papiro, para provar a sua teoria de que os egípcios foram os primeiros navegadores a chegar ao continente americano.

Em 1969, após inúmeras cruzadas -entre outras às Ilhas Galápagos, à Ilha de Páscoa e a expedição do Kon-Tiki-, Heyerdahl zarpou do antigo porto fenício de Safi, Marrocos, a bordo de um veleiro de 15 metros, para a América Central em Maio de 1969.

Com uma tripulação de sete homens de sete países diferentes, sob uma bandeira das Nações Unidas, o Ra navegou 5000 quilómetros em 56 dias. As tormentas do Atlântico e a construção deficiente não permitiram que a expedição atingisse o seu destino: Heyerdahl teve que abandonar quando faltava uma semana de navegação para chegar às Ilhas Barbados.
Dez meses depois, o navegador norueguês construiu e lançou no mar o Ra II e cumpriu a sua missão de atravessar o Oceano Atlântico em 57 dias.

Em 17 de Maio de 1973 O Senado norte-americano iniciou as investigações públicas sobre o escândalo Watergate, em meio à expectativa geral quanto ao futuro do presidente Richard Nixon – que reunuciaria ao cargo em agosto do ano seguinte, devido às pressões que sofreria após ter sido descoberta sua participação no caso.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=26810

Em 17 de Maio de 1974 os governos do Brasil e do Paraguai assinaram o documento que criava a entidade binacional Itaipu, gerida no Brasil pela Centrais Elétricas Brasileiras S.A. – Eletrobrás e, no Paraguai, pela Administración Nacional de Electricidad – ANDE.

http://www.jornalofarol.com.br/ver-noticia.asp?codigo=15801

Em 17 de Maio de 1978 reapareceu a urna do artista Charles Chaplin em Noville, na Suíça. O túmulo foi roubado a 1 de março do mesmo ano por um bando de ladrões polacos.

A intenção dos saqueadores era chantagear a família do falecido e mítico ator, mas o plano fracassou e o bando foi capturado pela Polícia.

Os restos mortais profanados foram recuperados nas proximidades do Lago Lemán e o corpo foi sepultado novamente, desta vez sob dois metros de betão para evitar que o túmulo fosse novamente profanado.

Em 17 de Maio de 1987 Um Mirage F-1 iraquiano ataca a fragata Stark no golfo Pérsico, matando 37 tripulantes.

Em 17 de Maio de 1988 A Assembleia Constituinte aprova uma emenda que proíbe a comercialização de sangue e seus derivados.

Em 17 de Maio de 1991 Helen Sharman, química de 27 anos, torna-se a primeira pessoa de nacionalidade britânica a ir ao espaço.

Em 17 de Maio de 1992 O governador do Acre, Edmundo Pinto de Almeida Neto, é assassinado com um tiro no hotel Della Volpe em São Paulo.

Em 17 de Maio de 1993 os Ministros da Cultura da CEE declararam o Caminho de Santiago Património Cultural Europeu. Além do alcance religioso, a vertente social e cultural do Caminho ganhou popularidade na Europa ao longo dos séculos.

As origens do culto a Santiago na Hispânia romana datam da descoberta das relíquias atribuídas ao Apóstolo Santiago no ano 812. No fim do século IX, a peregrinação estendeu-se pela Europa cristã e, um século depois, o número de devotos aumento consideravelmente com a chegada dos cidadãos europeus.

Roma, Jerusalém e Santiago de Compostela foram consolidadas como as rotas religiosas mais importantes. O Caminho de Santiago, além de ser Património Cultural Europeu, recebeu inúmeros títulos honoríficos como o da Maior Estrada da Europa.

Em 17 de Maio de 1996 Paleontólogos americanos descobrem no Saara marroquino parte do crânio do Carcarodontossaurus saharicus, possivelmente o maior carnívoro que já existiu.

Em 17 de Maio de 1997 Laurent Kabila assume a presidência do Congo – Laurent Kabila foi um político congolês, presidente da República Democrática do Congo entre 17 de maio de 1997 e o ano de 2001. Nasceu em 27 de novembro na região de Kananga. Realizou seus estudos na França e começou a participar na atividade política quando em 1960 o Congo Belga conquistou sua independência e se transformou na República Democrática do Congo. Em 1965 ocorreu um golpe de estado contra o então presidente Joseph Kasavubu e foi instaurada a ditadura do militar congolês Mobutu Sese Seko. Ante estes acontecimentos, Kabila foi se aliando às guerrilhas, que também tinham como objetivo a queda de Mobutu. A rebelião final começou a ser concebida em outubro de 1996 e culminou abril de 1997 quando suas tropas tomaram Kinshasa, a maior cidade da República do Congo. A partir destes acontecimentos Mobutu fugiu para o exílio em Marrocos. Ante o vazio de poder, Kabila se converteu no máximo dirigente do Estado.

Em 17 de Maio de 2001 O ministro dos Transportes do Irã, Rahman Dadman, e sete parlamentares morrem num acidente de avião a 320km de Teerã.

Em 17 de Maio de 2004 Atentando mata líder do Conselho iraquiano, Izzedin Salim, em Bagdá.

Em 17 de Maio de 2008 Presidente Leonel Fernandes é reeleito na República Dominicana.

Em 17 de Maio de 2008 morria, em Salvador, Zélia Gattai Amado, escritora e fotógrafa e esposa durante 56 anos do também escritor Jorge Amado. Nascida em São Paulo, no dia 2 de julho de 1916, Zélia é filha de imigrantes italianos e, desde pequena, participava com a família do movimento político-operário anarquista. Com 20 anos, se casou com Aldo Veiga, relacionamento que durou oito anos e do qual nasceu Luís Carlos. Em 1945, Zélia conheceu Jorge Amado quando ambos trabalhavam em um movimento pela anistia dos presos políticos. Eles se casaram poucos meses depois e Zélia sempre trabalhou com o marido, ajudando-o na revisão e também passando a limpo seus manuscritos.

Em 1946, Jorge Amado foi eleito deputado e o casal se mudou para o Rio de Janeiro, onde nasceu João Jorge, em 1947. No ano seguinte, o Partido Comunista foi proibido no Brasil, e a família teve que deixar o Brasil. Eles viveram três anos em Paris, depois foram para a Checoslováquia, onde nasceu Paloma. Neste país, Zélia também começou a se interessar pela fotográfica. Suas fotos desta época registram momentos históricos da carreira do seu marido. Em 1963, a família retornou ao Brasil e foi morar em Salvador. Aos 63 anos, Zélia começou a escrever suas memórias.

Seu primeiro livro, “Anarquistas, graças a Deus” (1979) foi sucesso de vendas. Em 2001, ano da morte de Jorge Amado, Zélia foi eleita para a Academia Brasileira de Letras, onde ocupou a cadeira que pertencia ao seu marido. Ela morreu em 2008 após complicações por conta da retirada de um tumor no intestino.

Homens Maduros – Zélia Gatai, por Blythe

“Há uma indisfarçável e sedutora beleza na personalidade de muitos Homens que hoje estão na idade madura. É claro que toda regra tem as suas exceções, e cada idade tem o seu próprio valor. Porém, com toda a consideração e respeito às demais idades, destacarei aqui uma classe de Homens que são companhias agradabilíssimas: Os que hoje são quarentões, cinquentões e sessentões. Percebe-se com uma certa facilidade, a sensibilidade de seus corações, a devoção que eles tem pelo que há de mais belo “O SENTIMENTO.”

Eles são mais inteligentes, vividos, charmosos, eloquentes.

Sabem o que falam, e sabem falar na hora certa. São cativantes, sabem fazer-se presentes, sem incomodar. Sabem conquistar uma boa amizade. Em termos de relacionamentos, trocam a quantidade pela qualidade, visão aguçada sobre os valores da vida, sabem tratar uma mulher com respeito e carinho. São Homens especiais, românticos, interessantes e atraentes pelo que possuem na sua forma de ser, de pensar, e de viver. Na forma de encarar a vida, são mais poéticos, mais sentimentais, mais emocionais e mais emocionantes.

Homens mais amadurecidos têm maior desenvoltura no trato com as mulheres, sabem reconhecer as suas qualidades, são mais espirituosos, discretos, compreensivos e mais educados. A razão pela qual muitos Homens maduros possuem estas qualidades maravilhosas deve-se a vários fatores: a opção de ser e de viver de cada um, suas personalidades, formação própria e familiar, suas raízes, sabedoria, gostos individuais, etc… mas eu creio que em parte, há uma boa parcela de influência nos modos de viver de uma época, filmes e músicas ouvidas e curtidas deixaram boas recordações da sua juventude, um tempo não tão remoto, mas que com certeza, não volta mais. Viveram a sua mocidade (época que marca a vida de todos nós) em um dos melhores períodos do nosso tempo: Os anos 60/70.

Considerados as “décadas de ouro” da juventude, quando o romantismo foi vivido e cantado em verso e prosa. A saudável influência de uma época, provocada por tantos acontecimentos importantes, que hoje permanecem na memória, e que mudaram a vida de muitos. Uma época em que o melhor da festa era dançar agarradinho e namorar ao ritmo suave das baladas românticas. O luar era inspirador, os domingos de sol eram só alegrias. Ouviam Beatles, Johnny Mathis, Roberto Carlos, Antônio Marcos, The Fevers, Golden Boys, Bossa Nova, Morris Albert, Jovem guarda e muitos outros que embalaram suas “Jovens tardes de domingo, quantas alegrias! Velhos tempos, belos dias. “Foram e ainda são os Homens que mais souberam namorar: Namoro no portão, aperto de mão, abraços apertadinhos, com respeito e com carinho, olhos nos olhos tinham mais valor…

A moda era amar ou sofrer de amor. Muitos viveram de amor… Outros morreram de amor… Estes Homens maduros de hoje, nunca foram Homens de Ou eles estavam a namorar pela certa, ou estavam na “fossa”, ou estavam sozinhos. Se eles “ficassem”, ficariam para sempre… ao trocar alianças com suas amadas. Junto com Benito de Paula, eles cantaram a “Mulher Brasileira, em primeiro lugar!” A paixão pelo nosso país, era evidente quando cantavam: “As praias do Brasil, ensolaradas, no céu do meu Brasil, mais esplendor… A mão de Deus, abençoou, Mulher que nasce aqui, tem muito mais Amor… Eu te amo, meu Brasil, Eu te amo…

Ninguém segura a juventude do Brasil…”A juventude passou, mas deixou “gravado” neles, a forma mais sublime e romântica de viver. Hoje eles possuem uma “bagagem” de conhecimentos, experiências, maturidade e inteligência que foram acumulando com o passar dos anos. O tempo se encarregou de distingui-los dos demais: Deixando os seus cabelos cor-de-prata, os movimentos mais suaves, a voz pausada, porém mais sonora, hoje eles são Homens que marcaram uma época.

Eu tenho a felicidade de ter alguns deles como amigos virtuais, mesmo não os vendo pessoalmente, percebo estas características através de suas palavras e gestos. Muitos deles hoje “dominam” com habilidade e destreza essas máquinas virtuais, comprovando que nem o avanço da tecnologia lhes esfriou os sentimentos pois ainda se encantam com versos, rimas, músicas e palavras de amor.

Nem lhes diminuiu a grande capacidade de amar, sentir e expressar seus sentimentos. Muitos tornaram-se poetas, outros amam a poesia. Por que o mais importante não é a idade denunciada nos detalhes de suas fisionomias e sim os raros valores de suas personalidades. O importante é perceber que os seus corações permanecem jovens… São Homens maduros, e que nós, mulheres de hoje, temos o privilégio de poder admirá-los.”

http://pt.wikipedia.org/wiki/Z%C3%A9lia_Gattai

Em 17 de Maio de 2009 Lituânia elege Dalia Grybauskaite, a primeira mulher presidenta da sua história.

Outros fatos do dia 17 de Maio

17 de Maio é Dia Mundial da Internet – A data foi estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU) em janeiro de 2006. Na ocasião também ficou estabelecido que nesta data ainda seriam lembrados os dias da Sociedade da Informação e das Telecomunicações.

http://ne10.uol.com.br/canal/cotidiano/tecnologia/noticia/2012/05/17/dia-mundial-da-internet-e-lembrado-neste-dia-17-de-maio-343066.php

17 de Maio também é dia Internacional contra a Homofobia. A data foi escolhida lembrando da exclusão da Homossexualidade da Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde (CID) da Organização Mundial da Saúde (OMS) em 17 de maio de 1990, oficialmente declarada em 1992.[1]

Um pouco por todo o mundo faz-se neste dia marchas, beijaços, entre outras actividades a sensibilizar as pessoas. Em Coimbra, pela primeira vez foi realizada uma marcha, em 2010.

Confira um pouco mais da trajetória da Lutas e conquistas LGBT no mundo:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Cronologia_dos_direitos_homossexuais#Hist.C3.B3ria

1050 – Morre o teórico da música Guido d’Arezzo

1510 – Morre Alessandro Botticelli, pintor italiano.

1799 – Morre Pierre Augustin C. de Beaumarchais, escritor francês.

1808 – Napoleão Bonaparte decreta em Viena a incorporação dos estados romanos ao império francês.

1809 – Napoleão Bonaparte ordena a anexação dos Estados Pontifícios ao Império Francês.

1811 – O Paraguai se declara independente da Espanha.

1814 – A Noruega se torna independente da Dinamarca. Após mais de 400 anos de domínio dinamarquês, a Noruega é dotada de constituição que vigora até hoje.

1820 – A província argentina de Tucumán, com os territórios de Catamarca e Santiago, se torna República e o general Bernabé Aráoz é nomeado presidente.

1861 – É criada na Inglaterra a Caixa Postal de Economias, primeira entidade desse tipo no mundo.

1863 – A cidade de Puebla, no México, se rende às tropas francesas de Maximiliano I, após dois meses de heróica resistência e de sofrer oito ataques.

1865 - Assinatura do convênio que estabeleceu a União Internacional de Telegrafia em Paris.

1874 – Os noruegueses se declaram independentes da Suécia, adotam uma constituição democrática e elegem como rei o príncipe Christian Friedrich.

1885 – O índio pele-vermelha Gerônimo foge de reserva no Arizona

1899 – Nasce Alfonso Reyes, escritor mexicano.

1900 – Nasce Ruhollah Jomeini, dirigente espiritual e político do Irã.

1933 – Nasce Jean Vautrin, escritor e cineasta francês.

1936 – Golpe militar na Bolívia, em que David Toro depõem o presidente Luis Tejada Sorzano.

1940 – Segunda Guerra mundial: as tropas alemãs entram em Bruxelas.

1946 – O ditador romeno Marechal Ion Antonescu é condenado à morte.

1948 – Tito e seu governo na Iugoslávia são acusados de traição pelo partido comunista soviético.

1959 – O governo de Fidel Castro promulga a Lei de Reforma Agrária.

1959 – É inaugurado em Portugal o monumento Cristo-Rei.

1961 – Fidel propõe a troca de 1217 mercenários, capturados na invasão de Playa Girón por 500 máquinas de terraplanagem

1965 – Estado de sítio na Bolívia após os problemas causados pelo exílio do dirigente Juan Lechín Oquendo.

1973 – Tem início o processo Watergate no Comitê do Senado dos Estados Unidos.

1983 – Israel e o Líbano assinam um tratado de paz, que é condenado pela Síria, a OLP e a URSS.

1985 - Onda de terrorismo no Peru: a polícia prende em 24 horas 4,5 mil pessoas.

1987 – A fragata norte-americana Stark é atacada por engano no Golfo Pérsico por um avião iraquiano.

1993 - O Caminho de Santiago é declarado patrimônio cultural europeu pelos ministros da Cultura da União Européia.

1997 – Laurent Kabila se autoproclama chefe de Estado e rebatiza o Zaire como República Democrática do Congo.

2000 - Os cientistas Luc Montagnier e Robert Gallo recebem o Prêmio Príncipe de Austúrias de Investigação Científica e Técnica 2000 por seu descobrimento do vírus da AIDS.

Nasceram neste dia…

1749 – Edward Jenner, médico britânico (m. 1923).

1886 – Afonso XIII de Espanha (m. 1941).

Morreram neste dia…

1510 – Sandro Botticelli, pintor italiano (n. 1445).

1838 – Talleyrand, político e diplomata francês (n. 1754).

1959 – George Albert Smith, cineasta e inventor britânico (n. 1864).

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 50 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/17/trabalhando-com-poesia-441/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Quarta feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9982-7223

COR-RESPONDÊNCIA – Elisa Lucinda

Remeta-me os dedos
em vez de cartas de amor
que nunca escreves
que nunca recebo.
Passeiam em mim estas tardes
que parecem repetir
o amor bem feito
que voce tinha mania de fazer comigo.
Não sei amigo
se era o seu jeito
ou de propósito
mas era bom, sempre bom
e assanhava as tardes.
Refaça o verso
que mantinha sempre tesa
a minha rima
firme
confirme
o ardor dessas jorradas
de versos que nos bolinaram os dois
a dois.
Pense em mim
e me visite no correio
de pombos onde a gente se confunde
Repito:
Se meta na minha vida
outra vez meta
Remeta.

Libação – Elisa Lucinda

É do nascedouro da vida a grandeza.
É da sua natureza a fartura
a ploriferação
os cromossomiais encontros,
os brotos os processos caules,
os processos sementes
os processos troncos,
os processos flores,
são suas mais finas dores
As conseqüências cachos,
as conseqüências leite,
as conseqüências folhas
as conseqüências frutos,
são suas cores mais belas
É da substância do átomo
ser partível produtivo ativo e gerador
Tudo é no seu âmago e início,
patrício da riqueza, solstício da realeza
É da vocação da vida a beleza
e a nós cabe não diminuí-la, não roê-la
com nossos minúsculos gestos ratos
nossos fatos apinhados de pequenezas,
cabe a nós enchê-la,
cheio que é o seu princípio
Todo vazio é grávido desse benevolente risco
todo presente é guarnecido
do estado potencial de futuro
Peço ao ano-novo
aos deuses do calendário
aos orixás das transformações:
nos livrem do infértil da ninharia
nos protejam da vaidade burra
da vaidade “minha” desumana sozinha
Nos livrem da ânsia voraz
daquilo que ao nos aumentar
nos amesquinha.
A vida não tem ensaio
mas tem novas chances
Viva a burilação eterna, a possibilidade:
o esmeril dos dissabores!
Abaixo o estéril arrependimento
a duração inútil dos rancores
Um brinde ao que está sempre nas nossas mãos:
a vida inédita pela frente
e a virgindade dos dias que virão!

Publicado em Livros | Marcado com , , | 1 comentário

Trabalhando com Poesia

“…Agora falando sério, eu queria não cantar a cantiga bonita, que se acredita que o mal espanta, dou um chute no lirismo, um pega no cachorro e um tiro no sabiá, dou um fora no violino, faço a mala e corro pra não ver a banda passar… Agora falando sério, eu queria não mentir, não queria enganar, driblar, iludir tanto desencanto e você que está me ouvindo quer saber o que está havendo com as flores do meu quintal? O amor-perfeito, traindo a sempre-viva, morrendo e a rosa, cheirando mal… Agora falando sério, preferia não falar, nada que distraísse o sono difícil como acalanto, eu quero fazer silêncio, um silêncio tão doente, do vizinho reclamar e chamar polícia e médico e o síndico do meu tédio pedindo pra eu cantar… Agora falando sério, eu queria não cantar, falando sério, agora falando sério, eu queria não falar, falando sério… Agora falando sério… ” (Chico Buarque – Agora Falando Sério – Composição: Chico Buarque)

“… Quero ficar no teu corpo feito tatuagem, que é prá te dar coragem prá seguir viagem quando a noite vem… E também prá me perpetuar em tua escrava, que você pega, esfrega, nega, mas não lava… Quero brincar no teu corpo feito bailarina, que logo se alucina, salta e te ilumina quando a noite vem… E nos músculos exaustos do teu braço, repousar frouxa, murcha, farta, morta de cansaço… Quero pesar feito cruz, nas tuas costas, que te retalha em postas, mas no fundo gostas quando a noite vem… Quero ser a cicatriz risonha e corrosiva, marcada a frio, ferro e fogo, em carne viva… Corações de mãe, arpões, sereias e serpentes, que te rabiscam o corpo todo, mMas não sentes…” (Chico Buarque – Tatuagem – Comp.: Chico Buarque – Ruy Guerra)

“… Eu te vejo sumir por aí, te avisei que a cidade era um vão, dá tua mão, olha pra mim, não faz assim, não vai lá não… Os letreiros a te colorir, embaraçam a minha visão, eu te vi suspirar de aflição e sair da sessão, frouxa de rir… Já te vejo brincando, gostando de ser, tua sombra a se multiplicar… Nos teus olhos também posso ver as vitrines te vendo passar… Na galeria, cada clarão é como um dia, depois de outro dia, abrindo um salão, passas em exposição, passas sem ver teu vigia, catando a poesia, que entornas no chão… C ada clarão é como um dia, depois de outro dia, abrindo um salão, passas em exposição, passas sem ver teu vigia, catando a poesia, que entornas no chão…” (Chico Buarque – As Vitrines – Comp.: Chico Buarque)

“… Amo tanto e de tanto amar, acho que la é bonita, tem um olho sempre a boiar e outro que agita… Tem um olho que não está, meus olhares evita e outro olho a me arregalar sua pepita… A metade do seu olhar está chamando pra luta, aflita e metade quer madrugar na bodeguita… Se os seus olhos eu for cantar, um seu olho me atura e outro olho vai desmanchar toda a pintura… Ela pode rodopiar e mudar de figura, a paloma do seu mirar Virar miúra… É na soma do seu olhar, sue eu vou me conhecer inteiro, se nasci pra enfrentar o mar, ou faroleiro… Amo tanto e de tanto amar, acho que ela acredita, tem um olho a pestanejar e outro me fita… Suas pernas vão me enroscar, num balé esquisito, seus dois olhos vão se encontrar no infinito… Amo tanto e de tanto amar, em Manágua temos um Chico, já pensamos em nos casar, em Porto Rico… Amo tanto e de tanto amar, em Manágua temos um Chico, já pensamos em nos casar, em Porto Rico…” (Chico Buarque – Tanto amar – Comp.: Chico Buarque)

“A vida é um canto eterno de beleza! homens complicam a vida e dificultam a existência, porque se acreditam diferentes uns dos outros. Mas a vida é uma só e os homens todos são irmãos. Portanto, não antagonize os outros. Distribua amor e compreensão a todos os que se chegam a você. faça como o sol, que se dá a todos igualmente, em raios benéficos de luz e de calor.” (Minutos de Sabedoria – Página 239)

Bom dia pessoal,

Quero iniciar a mensagem do dia parabenizando aos nossos Agentes de Limpeza pela passagem do seu dia. Que a cada dia as conquistas de melhores condições de trabalho seja uma constante. Parabéns!

http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/meio-ambiente-reciclagem/dia-do-gari.php

A literatura perdeu ontem a pena suave e competente do Escritor Panamenho, naturalizado Mexicano, Carlos Fuentes. Filho de pais diplomatas, o mais proeminente dos escritores mexicanos modernos, Carlos Fuentes nasceu no Panamá, em 11 de novembro de 1928.

Ele estudou na Suíça e Estados Unidos. Em seguida, viveu diferentes períodos em Quito, Montevideo, Rio de Janeiro, Washington, Santiago e Buenos Aires. Em sua adolescência, ele retornou ao México, onde se estabeleceu até 1965.

O tempo que passou em seu país marcou definitivamente o seu trabalho, imerso no debate intelectual sobre a filosofia do “Mexicano”. Seu primeiro livro, “O dia mascarado”, publicado em 1954 e, desde então fontes não parou de se preocupar com a identidade mexicana e os meios adequados para expressá-la.

Um marco importante neste clima de preocupação intelectual, foi a Fundação em 1955 junto com Emmanuel Carballo e Octavio Paz, da já lendária revista mexicana de literatura.

O impacto alcançado com seus primeiros romances (1959; a região mais transparente e a morte de Artemio Cruz, em 1962) o projetou como uma das figuras centrais do chamado “boom” do romance latino-americano.

Como outros intelectuais que participaram deste fenómeno, seu compromisso político e social passou a ser, desde então, uma característica fundamental de sua carreira intelectual: “O que um escritor pode fazer politicamente?”, disse em um ensaio para a revista tempo mexicano, em 1972: “Deve fazê-lo também como cidadão. Num país como o nosso, o escritor, o intelectual, não pode ser alheio à luta pela transformação política que, em última análise, é também uma transformação cultural.”

(…)

http://www.clubcultura.com/clubliteratura/clubescritores/carlosfuentes/perfil.htm (Tradução: Apio Vinagre)

http://diversao.terra.com.br/noticias/0,,OI5775891-EI25,00-Morre+o+escritor+mexicano+Carlos+Fuentes.html

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) da Conaq Quilombos do Brasil, do DCE da UFBA, Aos amigos (as) Elaine Adriana, Fabio Bitencourt, José Santos Matos, Deputada Alice Portugal, Marcia Rossari, Mercia Gomes Cotias, Sandro Emanuel e Vilma de Deus. Paz, Saúde e muitas felicidades a todos (as), hoje e sempre.

Está disponível desde a tarde de segunda feira (14/05), o acesso ao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas, destinado à ocupação dos cargos de Nível Médio e Fundamental.

O certame que fora suspenso, em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

A data da prova será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/consultaLocalProvaMedio.php

Lista de candidatos (as) de A-F


Lista de candidatos (as) de G-M

Lista de candidatos (as) de N-Z

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Edital de convocação das provas

Relação de Inscrições deferidas

Gabaritos das provas, feitas no dia 06 de Maio de 2012, para cargos de Nível Superior – Clique na opção desejada para Visualização

Profissionais da Área de Educação

Outros Profissionais de Nível Superior

Profissionais da Área de Saúde – REPUBLICAÇÃO POR INCORREÇÃO DE EDITORAÇÃO DO GABARITO DA PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA, 08/05/2012.

A Secretaria de Saúde e a Exatus Consultoria divulgaram os Gabaritos referentes às provas, da Seleção Pública, realizadas no último domingo (13/05).

Confira o Gabarito AQUI:

A Secretaria de Saúde publicou ontem a primeira convocação da sua Seleção Simplificada para diversos cargos a serem contratados pelo REDA. A lista completa foi disponibilizada no Diário Oficial.

Confira AQUI:

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Hoje na História – 16 de Maio

Em 16 de Maio de 1703, Morre o escritor e poeta francês Charles Perrault

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/21856/hoje+na+historia+1703+-+morre+o+escritor+e+poeta+frances+charles+perrault.shtml

Em 16 de Maio de 1869 Corrida inaugural do Jóquei Clube Fluminense (depois Jóquei Clube Brasileiro) no Rio de Janeiro.

Em 16 de Maio de 1925 nascia, no Rio de Janeiro, Nilton dos Santos, mais conhecido como Nilton Santos, ex-jogador de futebol que atuava como lateral-esquerdo. Também é chamado de “A Enciclopédia” por conta do seu conhecimento sobre futebol. Nilton Santos fez parte da Seleção Brasileira que disputou as copas de 1950, 1954, 1958 e 1962, sendo campeão nas duas últimas.

É considerado um dos melhores jogadores da lateral-esquerda de todos os tempos, já que ele inovou ao fazer subidas ao ataque por meio da lateral, defendendo e atacando, em uma época em que esta posição tinha somente um caráter defensivo.

Nilton Santos defendeu o Botafogo entre 1948 e 1964, quando abandonou os gramados. Pelo time da estrela solitária foi quatro vezes campeão estadual (1948, 1957, 1961 e 1962), venceu o Torneio Roberto Gomes Pedrosa (de 1962 e 1964) e o Torneio Internacional de Paris em 1963, além de outros títulos internacionais.

http://pt.wikipedia.org/wiki/N%C3%ADlton_Santos

Em 16 de Maio de 1929 A primeira cerimônia de entrega dos prêmios Oscar contempla Janet Gaynor, Emil Jennings e Charles Chaplin.

Em 16 de Maio de 1943 Termina o Levante do Gueto de Varsóvia relacionado com o Holocausto. Após quatro semanas de luta, as tropas alemãs conseguem vencer a resistência do gueto de Varsóvia.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=29951

Em 16 de Maio de 1956 Autoridades britânicas anunciam a explosão de uma bomba nuclear no campo de testes de Monte Bello, oeste da Austrália.

Em 16 de Maio de 1962 Ministros franceses renunciam em protesto contra as críticas do presidente Charles de Gaulle ao conceito de uma Europa com integração supranacional.

Em 16 de Maio de 1963 O astronauta americano Gordon Cooper regressa à Terra, depois de dar 22 voltas em torno da Terra em 34h20min.

Em 16 de Maio de 1965 As equipes masculina e feminina do Brasil conquistam os títulos do Campeonato Sul-Americano de Atletismo, no Rio de Janeiro.

Em 16 de Maio de 1969 As sondas soviéticas Venera 5 e Venera 6 realizam um pouso suave em Vênus.

Em 16 de Maio de 1972 África do Sul restringe venda de ouro ao mercado livre internacional, em vista de haver equilibrado seu balanço de pagamentos.

Em 16 de Maio de 1975 Brasil assina Tratado da Antártica, tornando-se o 19º signatário do documento.

Em 16 de Maio de 1975 Junko Tabei torna-se na primeira mulher a chegar ao topo do Everest

http://www.ptjornal.com/201205157829/geral/hoje-e-dia/16-de-maio-junko-tabei-torna-se-na-primeira-mulher-a-chegar-ao-topo-do-everest.html

Em 16 de Maio de 1983 O rei Juan Carlos I e a rainha Sofia da Espanha começam uma visita oficial ao Brasil.

Em 16 de Maio de 1990 Morre o eclético talento de Sammy Davis Jr

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=26802

http://pt.wikipedia.org/wiki/Sammy_Davis,_Jr.

Em 16 de Maio de 1993 SULEYMÁN DEMIREL É ELEITO PRESIDENTE DA TURQUIA. Suleymán Demirel foi um político turco, primeiro ministro entre 1965 – 1980 e também presidente da Turquia entre 16 de maio de 1993 e o ano 2000. Nasceu em Islamkoy em 1924. Depois de estudar Engenharia, interessou-se pela política e se afiliou ao Partido da Justiça em 1961. Três anos depois foi eleito seu presidente. Quando o partido ganhou as eleições de 1965, foi nomeado primeiro ministro. Seguiu uma política pró-ocidental moderada e obteve a reeleição em 1969, apesar de a crescente violência política do país ter levado o Exército a pedir sua destituição em 1971. No ano de 1979 a forte taxa de desemprego e o terrorismo que devastou a Turquia provocaram um golpe de Estado que destituiu Damirel em setembro de 1980. Após a aprovação da Constituição de 1982, foi afastado da política. Depois voltou a exercer a chefatura governamental, como líder do Partido Turco da Via Recta até que, em maio, a Grande Assembléia Nacional (Parlamento) o elegeu presidente da República em substituição do falecido Turgut Ozal. Seu mandato presidencial terminou sete anos mais tarde, e o presidente do Tribunal Constitucional, Ahmed Necdet Sezer, foi eleito em maio de 2000 pelo Parlamento para sucedê-lo.

Em 16 de Maio de 2001 FBI admite ter sonegado documentos aos advogados do terrorista Timothy McVeigh, que acabou condenado à pena capital.

Em 16 de Maio de 2001 Estudantes, sindicalistas e entidades do Movimento Social organizado da Bahia realizaram passeata, com mais de 8 mil pessoas, em protesto contra a atuação do então Senador Antônio Carlos Magalhães e José Roberto Arruda, acusados de fraude no Painel do Senado. A manifestação foi reprimida violentamente pela PM, fato que culminou com a invasão do Campus da UFBA.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Passeata_de_16_de_maio

Em 16 de Maio de 2002 Bélgica legaliza a eutanásia.

Em 16 de Maio de 2004 o Estado americano de Massachusetts se tornou o primeiro a permitir o casamento legal entre pessoas do mesmo sexo.

Outros fatos do dia 16 de Maio

1509 – Zarpa do porto de Cartagena a esquadra que, liderada pelo cardeal Cisneros, conquistaria Orán (atual território da Argélia).

1703 - O czar Pedro I põe a primeira pedra da cidade de São Petersburgo, às margens do rio Neva.

1727 – Morre Catarina I da Rússia, esposa de Pedro I, o Grande.

1770 – Maria Antonieta, aos 14 anos, casa-se com o futuro rei Luís XVI de França, então com 15 anos de idade.

1778 – Morre Miguel Cabrera, pintor mexicano.

1811 – O futuro libertador do Chile e Peru, José de San Martín, é elevado ao posto de comandante, após a batalha de Albuera (Badajoz-Espanha), entre os exércitos espanhol e francês.

1850 - Inauguração do primeiro navio de guerra movido a vapor em Toulon (França). Ele foi chamado de Napoleão.

1875 – Violentos terremotos na Colômbia e na Venezuela causam a morte de mais de 16 mil pessoas.

1906 – Nasce Arturo Uslar Pietri, escritor venezuelano.

1918 – Nasce Juan Rulfo, escritor mexicano.

1922 – Publicação do primeiro número da revista de Buenos Aires Para ti, que alcançou grande popularidade na Argentina.

1923 – Nasce o norte-americano Merton Miller, Prêmio Nobel de Economia 1990.

1929 – Primeira entrega de prêmios anuais concedidos pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood. O prêmio foi uma estatueta banhada em ouro, que depois foi chamada de Oscar.

1930 – O general Leónidas Trujillo é eleito presidente da República Dominicana.

1966 – O Partido Comunista da China inicia a Revolução Cultural Chinesa, com o “Aviso de 16 de Maio”, anunciada por Mao Tsé-tung (na imagem).

1974 - A Índia anuncia que tem a bomba atômica.

1975 – A japonesa Junko Tabei é a primeira mulher a escalar o Everest.

1983 - Morre Mateo Alemán, ex-presidente do México.

1986 - O Conselho Superior das Forças Armadas Argentinas condena os comandantes militares Arturo Lami, Leopoldo Galtieri e Jorge Anaya, que tiveram responsabilidades durante a Guerra das Malvinas.

1986 – A OTAN aprova a produção de armas químicas pelos Estados Unidos.

1986 – Marrocos e Argélia rompem suas relações diplomáticas.

1989 - China e União Soviética se reconciliam em Pequim após 30 anos de conflito.

1990 – O primeiro ministro eleito húngaro, Joszef Antall, apresenta em Budapeste o primeiro governo democrático em quatro décadas.

1991 – O Panamá decide privatizar várias empresas estatais e dá início a uma profunda reforma econômica para normalizar as relações com as instituições financeiras internacionais.

1991 – China e União Soviética firmam um acordo que soluciona as discordâncias sobre a fronteira no setor oriental entre ambas as potências.

1997 – O presidente do Zaire, Mobuto Sese Seko, abandona o poder após mais de 30 anos de ditadura.

1999 – O Kuwait anuncia que, pela primeira vez na história do Emirado, as mulheres poderão votar e ser eleitas para o Parlamento e cargos municipais.

2001 – Os cientistas Francis Collins, Hamilton Smith, John Sulston, Craig Venter e Jean Weissenbach, cujas equipes lideram a investigação sobre o genoma humano, são agraciados com o Prêmio Príncipe de Austúrias de Investigação Científica e Técnica.

Nasceram neste dia…

1845 – Ilya Ilyich Mechnikov, microbiologista russo (m. 1916).

1905 - Henry Fonda, ator norte-americano (m. 1982).

http://pt.wikipedia.org/wiki/Henry_Fonda

Morreram neste dia…

583 – São Brandão, navegador irlandês (n. 484).

1830 – Jean-Baptiste Joseph Fourier, cientista francês (n. 1768).

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 50 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/16/trabalhando-com-poesia-440/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Quarta feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9982-7223

PENETRAÇÃO DO POEMA DAS SETE FACES – Elisa Lucinda

(A Carlos Drumond de Andrade)

Ele entrou em mim sem cerimônias
Meu amigo seu poema em mim se estabeleceu
Na primeira fala eu já falava como se fosse meu
O poema só existe quando pode ser do outro
Quando cabe na vida do outro
Sem serventia não há poesia não há poeta não há nada
Há apenas frases e desabafos pessoais
Me ouça, Carlos, choro toda vez que minha boca diz
A letra que eu sei que você escreveu com lágrimas
Te amo porque nunca nos vimos
E me impressiono com o estupendo conhecimento
Que temos um do outro
Carlos, me escuta
Você que dizem ter morrido
Me ressuscitou ontem à tarde
A mim a quem chamam viva
Meu coração volta a ser uma remington disposta
Aprendi outra vez com você
A ouvir o barulho das montanhas
A perceber o silêncio dos carros
Ontem decorei um poema seu
Em cinco minutos
Agora dorme, Carlos.

Publicado em Livros | Marcado com , , | Deixe um comentário

Literatura perde Carlos Fuentes, aos 83 anos

A literatura perdeu ontem a pena suave e competente do Escritor Panamenho, naturalizado Mexicano, Carlos Fuentes. Filho de pais diplomatas, o mais proeminente dos escritores mexicanos modernos, Carlos Fuentes nasceu no Panamá, em 11 de novembro de 1928.

Ele estudou na Suíça e Estados Unidos. Em seguida, viveu diferentes períodos em Quito, Montevideo, Rio de Janeiro, Washington, Santiago e Buenos Aires. Em sua adolescência, ele retornou ao México, onde se estabeleceu até 1965.

O tempo que passou em seu país marcou definitivamente o seu trabalho, imerso no debate intelectual sobre a filosofia do “Mexicano”. Seu primeiro livro, “O dia mascarado”, publicado em 1954 e, desde então fontes não parou de se preocupar com a identidade mexicana e os meios adequados para expressá-la.

Um marco importante neste clima de preocupação intelectual, foi a Fundação em 1955 junto com Emmanuel Carballo e Octavio Paz, da já lendária revista mexicana de literatura.

O impacto alcançado com seus primeiros romances (1959; a região mais transparente e a morte de Artemio Cruz, em 1962) o projetou como uma das figuras centrais do chamado “boom” do romance latino-americano.

Como outros intelectuais que participaram deste fenómeno, seu compromisso político e social passou a ser, desde então, uma característica fundamental de sua carreira intelectual: “O que um escritor pode fazer politicamente?”, disse em um ensaio para a revista tempo mexicano, em 1972: “Deve fazê-lo também como cidadão. Num país como o nosso, o escritor, o intelectual, não pode ser alheio à luta pela transformação política que, em última análise, é também uma transformação cultural.”

Fuentes era graduado em direito pela Universidade Autónoma do México e pelo Instituto de altos estudos internacionais de Genebra (Suíça). Foi delegado do México para as organismos internacionais com sede em Genebra, no centro de informações da ONU, no México, na direção de difusão Cultural da UNAM e na Secretaria de Relações Exteriores. Foi embaixador do México na França (de 1972 a 1976) e chefe da delegação do México na reunião do grupo dos 19 países participantes da Conferência sobre a cooperação económica internacional.

Figura central e indispensável do romance moderno em espanhol, entre os mais importantes títulos do trabalho de Fuentes estão: “A região mais transparente” (1959), “Espaço sagrado” (1967), “mudar de pele” (1967), “Terra nostra” (1975), “Cristóbal Nonato” (1987) e “Os anos com Laura Diaz”. Outros títulos seus de especial significado poderiam ser “água queimada” (1981); “Old gringo” (1985) e o recente “A cadeira da águia”. O próprio Fontes organizou seu trabalho em uma grande árvore intitulada “A idade do tempo”, onde seus romances ao lado de seus livros de histórias e sua prolífera obra de ensaísta (que vão desde o fundamental estudar “Novo romance latino-americano” até o recente “no presente pense” (2002). Sua obra está disposta em numerosos volumes, havendo inúmeros roteiros e peças teatrais de grande originalidade (notável são, por exemplo, sua obra “O homem de um olho é rei”, de 1971 e “Orquídeas e a luz da lua”, 1982).

Há quatro décadas, a vida de Carlos Fuentes era um périplo itinerante: Ele viveu algumas temporadas em Paris e lecionava em Princeton, Harvard, Columbia e Cambridge. Sua intensa vida acadêmica resumida no título do Professor nas universidades de Harvard (EUA) e Cambridge (Inglaterra), assim também como na longa lista de seus doutoramentos honoris causa (pelas universidades de Harvard, Cambridge, Warwick, Essex, Miami, Chicago…)

Alguns dos prêmios e reconhecimentos recebidos pelo escritor mexicano são: Prêmio biblioteca breve, o prémio nacional de literatura do México (México) Rómulo Gallegos Prize, prémio Alfonso Reyes, o prémio Miguel de Cervantes, o prémio de Menéndez y Pelayo em 1992, a Legião de Honra francesa em 1992, Prêmio Príncipe das Astúrias das letras de 1994, prêmio la Latinidad emitido pelas academias francesa e brasileira de línguas em 1999, a medalha de honra Belisario Domínguez (concedida pelo Congresso de seu país) e muitos outros.

Fontes trabalhava atualmente, nas mais importantes revistas e publicações literárias da América Latina, Estados Unidos e Europa.

Fonte: http://www.clubcultura.com/clubliteratura/clubescritores/carlosfuentes/perfil.htm (Tradução: Apio Vinagre)

http://diversao.terra.com.br/noticias/0,,OI5775891-EI25,00-Morre+o+escritor+mexicano+Carlos+Fuentes.html

Publicado em Notícias e política | Marcado com , , | Deixe um comentário

Trabalhando com Poesia

“… Tem dias que a gente se sente como quem partiu ou morreu, a gente estancou de repente ou foi o mundo então que cresceu… A gente quer ter voz ativa, no nosso destino mandar, mas eis que chega a roda viva e carrega o destino prá lá … Roda mundo, roda gigante, roda moinho, roda pião, o tempo rodou num instante nas voltas do meu coração… A gente vai contra a corrente até não poder resistir, na volta do barco é que sente o quanto deixou de cumprir, faz tempo que a gente cultiva a mais linda roseira que há, mas eis que chega a roda viva e carrega a roseira prá lá… Roda mundo, roda gigante, roda moinho, roda pião, o tempo rodou num instante nas voltas do meu coração… A roda da saia mulata, não quer mais rodar não senhor, não posso fazer serenata, a roda de samba acabou… A gente toma a iniciativa, viola na rua a cantar, mas eis que chega a roda viva e carrega a viola prá lá… Roda mundo, roda gigante, roda moinho, roda pião, o tempo rodou num instante nas voltas do meu coração… O samba, a viola, a roseira, que um dia a fogueira queimou, foi tudo ilusão passageira, que a brisa primeira levou… No peito a saudade cativa, faz força pro tempo parar, mas eis que chega a roda viva e carrega a saudade prá lá … Roda mundo, roda gigante, roda moinho, roda pião, o tempo rodou num instante nas voltas do meu coração… Roda mundo, roda gigante, roda moinho, roda pião, o tempo rodou num instante nas voltas do meu coração… Roda mundo, roda gigante, roda moinho, roda pião, o tempo rodou num instante nas voltas do meu coração… Roda mundo, roda gigante, roda moinho, roda pião, o tempo rodou num instante nas voltas do meu coração…” (Chico Buarque – Roda Viva – Comp.: Chico Buarque)

“… Meu caro amigo me perdoe, por favor, se eu não lhe faço uma visita, mas como agora apareceu um portador, mando notícias nessa fita, aqui na terra tão jogando futebol, tem muito samba, muito choro e rock’n roll, uns dias chove, noutros dias bate sol, mas o que eu quero é lhe dizer que a coisa aqui tá preta. Muita mutreta pra levar a situação, que a gente vai levando de teimoso e de pirraça e a gente vai tomando e também sem a cachaça, ninguém segura esse rojão… Meu caro amigo eu não pretendo provocar, nem atiçar suas saudades, mas acontece que não posso me furtar a lhe contar as novidades, aqui na terra tão jogando futebol, tem muito samba, muito choro e rock’n roll, uns dias chove, noutros dias bate sol, mas o que eu quero é lhe dizer que a coisa aqui tá preta. É pirueta pra cavar o ganha-pão, que a gente vai cavando só de birra, só de sarro e a gente vai fumando que, também, sem um cigarro, ninguém segura esse rojão… Meu caro amigo eu quis até telefonar, mas a tarifa não tem graça, eu ando aflito pra fazer você ficar a par de tudo que se passa, aqui na terra tão jogando futebol, tem muito samba, muito choro e rock’n roll, uns dias chove, noutros dias bate sol, mas o que eu quero é lhe dizer que a coisa aqui tá preta. Muita careta pra engolir a transação e a gente tá engolindo cada sapo no caminho e a gente vai se amando que, também, sem um carinho, ninguém segura esse rojão… Meu caro amigo eu bem queria lhe escrever, mas o correio andou arisco, se me permitem, vou tentar lhe remeter notícias frescas nesse disco, aqui na terra tão jogando futebol, tem muito samba, muito choro e rock’n roll, uns dias chove, noutros dias bate sol, mas o que eu quero é lhe dizer que a coisa aqui tá preta. A Marieta manda um beijo para os seus, um beijo na família, na Cecília e nas crianças, o Francis aproveita pra também mandar lembranças a todo o pessoal, adeus…” (Chico Buarque – Meu Caro Amigo – Comp.: Chico Buarque / Francis Hime)

“…Um dia, ele chegou tão diferente do seu jeito de sempre chegar, olhou-a de um jeito muito mais quente do que sempre costumava olhar e não maldisse a vida tanto quanto era seu jeito de sempre falar e nem deixou-a só num canto, pra seu grande espanto, convidou-a pra rodar e então ela se fez bonita como há muito tempo não queria ousar, com seu vestido decotado cheirando a guardado de tanto esperar, depois os dois deram-se os braços como há muito tempo não se usava dar e cheios de ternura e graça, foram para a praça e começaram a se abraçar e ali dançaram tanta dança que a vizinhança toda despertou e foi tanta felicidade que toda cidade se iluminou e foram tantos beijos loucos, tantos gritos roucos como não se ouvia mais, que o mundo compreendeu e o dia amanheceu em paz…” (Chico Buarque – Valsinha – Comp.: Chico Buarque / Vinícius de Morais)

“… Oh, musa do meu fado, oh, minha mãe gentil, te deixo consternado no primeiro abril, mas não sê tão ingrata, não esquece quem te amou e em tua densa mata se perdeu e se encontrou, ai, esta terra ainda vai cumprir seu ideal, ainda vai tornar-se um imenso Portugal… “Sabe, no fundo eu sou um sentimental, todos nós herdamos no sangue lusitano uma boa dosagem de lirismo ( além da sífilis, é claro), mesmo quando as minhas mãos estão ocupadas em torturar, esganar, trucidar, meu coração fecha os olhos e sinceramente chora…” Com avencas na caatinga, alecrins no canavial, licores na moringa, um vinho tropical e a linda mulata, com rendas do além Tejo, de quem numa bravata arrebata um beijo, ai, esta terra ainda vai cumprir seu ideal, ainda vai tornar-se um imenso Portugal… “Meu coração tem um sereno jeito e as minhas mãos o golpe duro e presto, de tal maneira que, depois de feito, desencontrado, eu mesmo me contesto, se trago as mãos distantes do meu peito, é que há distância entre intenção e gesto e se o meu coração nas mãos estreito, me assombra a súbita impressão de incesto, quando me encontro no calor da luta ostento a aguda empunhadura à proa, mas meu peito se desabotoa e se a sentença se anuncia bruta, mais que depressa a mão cega executa, pois que senão o coração perdoa”… Guitarras e sanfonas, jasmins, coqueiros, fontes, sardinhas, mandioca, num suave azulejo e o rio Amazonas, que corre Trás os Montes e numa pororoca deságua no Tejo, ai, esta terra ainda vai cumprir seu ideal, ainda vai tornar-se um império colonial, ai, esta terra ainda vai cumprir seu ideal, ainda vai tornar-se um império colonial…” (Chico Buarque – Fado Tropical – Comp.: Chico Buarque/ Ruy Guerra)

“Seja perseverante nas boas obras. Nada conseguiremos na vida sem perseverança. Para aprender piano, há necessidade de horas seguidas de estudo diário. O que é o estudo para o pianista, é a perseverança para qualquer outra atividade. Não se deixe arrastar pelo esmorecimento. Reaja com todas as forças que encontrar em seu coração, e terá a beleza da vida em redor de si mesmo.” (Minutos de Sabedoria – Página 238)

Bom dia pessoal,

O Município de Lauro de Freitas foi contemplado com recursos para a construção de 4 creches no município. Os convênios foram assinados pela Prefeita Moema Gramacho, ontem a tarde, durante o lançamento do Programa Brasil Carinhoso, pela Presidenta Dilma Roussef. Confira o informe contido no Blog do Ministério da educação:

Prefeitos assinam termo para a construção de 1,5 mil creches no país

Prefeitos de cidades das 27 unidades da Federação assinam nesta segunda-feira, 14, em Brasília, termos de compromisso com o Ministério da Educação para a construção de 1.512 unidades de creches e pré-escolas. A iniciativa faz parte da ação Brasil Carinhoso, lançada nesta segunda-feira, 14, pela presidenta da República, Dilma Rousseff, em cerimônia no Palácio do Planalto, com a presença dos ministros da Educação, Aloizio Mercadante; do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello; e da Saúde, Alexandre Padilha.

Essas medidas integram programa do governo federal, lançado em 2007, que presta assistência financeira suplementar ao Distrito Federal e aos municípios que assinaram o termo de adesão ao plano de metas Compromisso Todos pela Educação e elaboraram o Plano de Ações Articuladas (PAR). O objetivo é expandir o número de creches e pré-escolas no país. Os recursos destinam-se à construção e aquisição de equipamentos e mobiliário para as unidades de educação infantil.

Até 2010, foram firmados convênios com os municípios e o DF para a construção de 2.543 unidades. Em 2011, com a segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC-2), a meta passou a ser o financiamento, até 2014, de 6 mil escolas de educação infantil distribuídas em municípios das cinco regiões do país.

Na execução do programa, o governo federal libera os recursos de forma progressiva — 30% no momento da licitação, mais 50% no início da obra. Quando 80% das obras estão concluídas, são destinadas verbas para a aquisição do mobiliário escolar. À prefeitura cabe oferecer o terreno. Para uma escola que atenda 240 crianças, o terreno deve ter dimensão mínima de 40 por 70 metros quadrados; para atender 120 crianças, as medidas devem ser de 45 por 35 metros quadrados. A transferência de recursos para a execução de projeto aprovado no âmbito do PAC 2 ocorre por meio de termo de compromisso assinado pelos prefeitos.

Projetos arquitetônicos — As escolas construídas ou reformadas devem garantir condições de acessibilidade, com adequações que permitam o acesso e pleno atendimento a crianças com deficiência. Entre os itens indispensáveis estão a sinalização de entradas e saídas de todos os ambientes escolares, de acordo com orientações da Norma NBR 9050 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

O governo federal oferece dois tipos de projetos arquitetônicos para a construção das creches. O tipo B é o de uma escola com capacidade de atendimento a 240 crianças com até cinco anos de idade, em dois turnos, ou 120 crianças, em turno integral. Compreende oito salas pedagógicas, sala de informática, secretaria, pátio coberto, cozinha, refeitório, sanitário e fraldário, entre outros ambientes, todos adaptados para pessoas com deficiência.

O projeto tipo C tem capacidade para atender 120 crianças, em dois turnos, ou 60, em turno integral. São quatro salas pedagógicas. Os demais espaços são iguais aos do modelo do tipo B.

Prazos — A partir da assinatura do termo de compromisso, as prefeituras têm levado em média seis meses para licitar a obra e mais dois anos para construir. Disposto a garantir prazos menores, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), em parceria com o Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) e o Instituto Falcão Bauer da Qualidade, pretende realizar licitações para registro nacional de preços.

Com a racionalização dos processos construtivos e a inovação no uso de materiais e componentes, espera-se construir uma creche em até seis meses. Assim estados, Distrito Federal e municípios estariam dispensados de promover licitações e haveria mais controle de qualidade.

Assessoria de Comunicação Social

Confira os municípios contemplados com a construção de creches

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) Adauto Farias, Ana Porto, Carlos Eduardo, Carol Souza, Cintia Almeida, Dejanete Sacramento, Elaine Nobre, Joangela Costa, Niel Santos, Renata Burity, Sandra Golin, Sirlane Fonseca e Wil Carvalho. Paz, Saúde e muitas felicidades a todos (as), hoje e sempre.

Está disponível desde a tarde de segunda feira (14/05), o acesso ao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas, destinado à ocupação dos cargos de Nível Médio e Fundamental.

O certame que fora suspenso, em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

A data da prova será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/consultaLocalProvaMedio.php

Lista de candidatos (as) de A-F


Lista de candidatos (as) de G-M

Lista de candidatos (as) de N-Z

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Edital de convocação das provas

Relação de Inscrições deferidas

Gabaritos das provas, feitas no dia 06 de Maio de 2012, para cargos de Nível Superior – Clique na opção desejada para Visualização

Profissionais da Área de Educação

Outros Profissionais de Nível Superior

Profissionais da Área de Saúde – REPUBLICAÇÃO POR INCORREÇÃO DE EDITORAÇÃO DO GABARITO DA PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA, 08/05/2012.

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Hoje na História – 15 de Maio

Em 15 de maio de 1891, foi publicada a encíclica Rerum Novarum, de Leão XIII, que define a doutrina social da Igreja Católica. O Papa defendia direitos dos trabalhadores e definia o trabalho como a atividade destinada a prover às necessidades de sua conservação. Outro princípio importante era o direito à propriedade privada.

Em 15 de maio de 1922 Lançada a Klaxon, revista mensal de arte moderna, editada em São Paulo.

Em 15 de maio de 1949 Primeiro-ministro Robert Peel revoga Lei dos Cereais no Reino Unido

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/21831/hoje+na+historia+1949+-+primeiro-ministro+robert+peel+revoga+lei+dos+cereais+no+reino+unido.shtml

Em 15 de maio de 1957 O governo britânico anuncia a explosão de uma bomba nuclear na área de testes da ilha Christmas, no Pacífico.

Em 15 de maio de 1958 URSS lança o satélite artificial Sputnik III, de 1.327kg.

Em 15 de maio de 1960 URSS anuncia o lançamento de um satélite com uma cabina para astronautas.

Em 15 de maio de 1964 EUA suspendem o uso de aviões F-105, devido aos acidentes que vinham ocorrendo com estes aparelhos.

Em 15 de maio de 1965 Brasil decide enviar tropas à República Dominicana.

Em 15 de maio de 1966 Morre em Itajubá MG, aos 98 anos, o ex-presidente Venceslau Brás.

Em 15 de maio de 1975 Governo encaminha ao Congresso projeto de lei para a criação da Portobrás.

Em 15 de maio de 1980 O Comitê Olímpico da Alemanha Ocidental decide não participar dos Jogos de Moscou, elevando para 44 o número de países que aderiram ao boicote.

Em 15 de maio de 1992 Edith Cresson torna-se a primeira mulher a ocupar o cargo de primeira-ministra na França, em substituição a Michel Rocard

Em 15 de maio de 1994 O genocídio em Ruanda deixou 800 mil mortos em apenas 100 dias. Soldados e milicianos da temida Coalizão para a Defesa da República, além de civis da etnia hutu, mataram a população da etnia tutsi e hutus moderados.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=12816

Em 15 de maio de 1995 D. Lucas Moreira Neves é eleito presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Em 15 de maio de 1996 Após cinco anos de luta judicial, Sandra Regina Machado é reconhecida como filha de Pelé.

Em 15 de maio de 1996 Legistas identificam a ossada de uma militante do PC do B morta na região do Araguaia em 1972.

Em 15 de maio de 1998 – Morre Frank Sinatra, cantor e ator norte-americano.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Frank_Sinatra

Em 15 de maio de 2001 Japão anuncia gravidez da princesa Masako, casada havia oito anos com o príncipe-herdeiro Naroíto.

Em 15 de maio de 2001 Morre em Salvador o político Juraci Magalhães.

Outros fatos do dia 15 de maio

1536 – Ana Bolena, segunda esposa de Henrique VIII de Inglaterra, é considerada culpada de adultério, traição e incesto pelo Parlamento inglês.

1544 – Chega a Lima o primeiro vice-rei do Peru, Blasco Núñez de Vera, nomeado por Carlos I para restabelecer a ordem naquelas terras.

1756 – Inicia-se a Guerra dos Sete Anos.

1859 – Nasce Pierre Curie, cientista francês, prêmio Nobel de Física 1903.

1879 – É inaugurado em Paris o Congresso Internacional de Estudos do Canal Interoceânico, para discutir se o traçado projetado deveria atravessar o istmo do Panamá ou o território da Nicarágua.

1882 - Tratado feito entre Brasil e Bolívia para a construção da ferrovia Madeira-Mamoré.

1891 – Publicação da encíclica Rerum Novarum, de Leão XIII, que define a doutrina social da Igreja Católica.

1906 - O espanhol Manuel Magariño Castaños funda El Diario Español de Montevidéu, que atualmente é o jornal mais antigo da imprensa espanhola na América Ibérica.

1916 – Ocupação militar norte-americana da República Dominicana e do Haiti, que marcou a hegemonia dos Estados Unidos no Caribe.

1918 – Inauguração do correio aéreo entre Washington e Nova York.

1931 – Pio XI publica a encíclica “Quadragésimo Anno”, na qual denuncia a injustiça social.

1942 - Um forte terremoto em Guayaquil (Equador) causa a morte de centenas de pessoas.

1955 – O Tratado de Estado põe fim à ocupação da Áustria pelas quatro potências aliadas e, em troca de sua neutralidade, restabelece a sua plena soberania.

1957 – O Reino Unido realiza sua primeira experiência com uma bomba “H” na Ilha da Páscoa.

1963 – O major norte-americano Gordon Cooper dá 22 voltas na Terra a bordo da nave espacial “Faith VII”.

1971 – É implantado o Estado de guerra no Uruguai.

1974 – O general António de Spínola é nomeado presidente da república portuguesa pela Junta de Salvação Nacional.

1981 – François Mitterrand é proclamado presidente da República francesa pelo Congresso.

1984 – Costa Rica e Nicarágua firmam um acordo para reduzir as tensões na fronteira em uma reunião patrocinada pelo Grupo de Contadora.

1986 – Edén Pastora, o “Comandante 0″, abandona a luta armada contra o sandinismo e pede refúgio na Costa Rica.

1992 – O presidente da África do Sul, Frederik de Klerk, e o líder do Congresso Nacional Africano, Nelson Mandela, são agraciados com o Prêmio Príncipe de Austúrias de Cooperação Internacional.

1993 – Morre William Randolph Hearst, último integrante de um império jornalístico americano.

1994 – Abjasia consegue a independência através de um acordo de paz com a ex-república soviética da Geórgia.

2001 – Uma mulher colombiana morre ao acionar um colar com explosivos dado pelos guerrilheiros das FARC.

2001 – Aniversario de 53 anos da “Nakba”, dia do “desastre nacional” palestino, que deixou cinco mortos e 170 feridos.

Nasceram neste dia…

1906 – Humberto Delgado, militar e ativista político português (m. 1965).

1937 – Madeleine Albright, política norte-americana.

1982 – Jessica Sutta, cantora e dançarina do grupo Pussycat Dolls.

Morreram neste dia…

1174 – Nur ad-Din da Síria, (n. 1118)

1935 - Kazimir Malevich artista polaco-ucraniano (n. 1878).

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 49 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/15/trabalhando-com-poesia-439/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Terça feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

SAFENA – Elisa Lucinda

Sabe o que é um coração
amar ao máximo de seu sangue?
Bater até o auge de seu baticum?
Não, você não sabe de jeito nenhum.
Agora chega.
Reforma no meu peito!
Pedreiros, pintores, raspadores de mágoas
aproximem-se!
Rolos, rolas, tinta, tijolo
comecem a obra!
Por favor, mestre de Horas
Tempo, meu fiel carpinteiro
comece você primeiro passando verniz nos móveis
e vamos tudo de novo do novo começo.
Iansã, Oxum, Afrodite, Vênus e Nossa Senhora
apertem os cintos
Adeus ao sinto muito do meu jeito
Pitos ventres pernas
aticem as velas
que lá vou de novo na solteirice
exposta ao mar da mulatice
à honra das novas uniões
Vassouras, rodos, águas, flanelas e cercas
Protejam as beiras
lustrem as superfícies
aspirem os tapetes
Vai começar o banquete
de amar de novo
Gatos, heróis, artistas, príncipes e foliões
Façam todos suas inscrições.
Sim. Vestirei vermelho carmim escarlate
O homem que hoje me amar
Encontrará outro lá dentro.
Pois que o mate.

Publicado em Livros | Marcado com , , | Deixe um comentário

Trabalhando com Poesia

“…Oh, pedaço de mim, oh, metade afastada de mim, leva o teu olhar, que a saudade é o pior tormento, é pior do que o esquecimento, é pior do que se entrevar… Oh, pedaço de mim, oh, metade exilada de mim, leva os teus sinais, que a saudade dói como um barco, que aos poucos descreve um arco e evita atracar no cais… Oh, pedaço de mim, oh, metade arrancada de mim, leva o vulto teu, que a saudade é o revés de um parto, a saudade é arrumar o quarto do filho que já morreu… Oh, pedaço de mim, oh, metade amputada de mim, leva o que há de ti, que a saudade dói latejada, é assim como uma fisgada no membro que já perdi. Oh, pedaço de mim, oh, metade adorada de mim, lava os olhos meus, que a saudade é o pior castigo e eu não quero levar comigo, a mortalha do amor adeus…” (Chico Buarque – Pedaço de Mim – Comp.: Chico Buarque)

“… Esta canção não é mais que mais uma canção, quem dera fosse uma declaração de amor, romântica, sem procurar a justa forma do que lhe vem de forma assim tão caudalosa, te amo, te amo, eternamente te amo… Se me faltares, nem por isso eu morro, se é pra morrer, quero morrer contigo, minha solidão se sente acompanhada, por isso às vezes sei que necessito, teu colo, teu colo, eternamente teu colo… Quando te vi, eu bem que estava certo, de que me sentiria descoberto, a minha pele vais despindo aos poucos, me abres o peito quando me acumulas, de amores, de amores, eternamente de amores… Se alguma vez me sinto derrotado, eu abro mão do sol de cada dia, rezando o credo que tu me ensinaste, olho teu rosto e digo à ventania, Iolanda, Iolanda, eternamente Iolanda…” (Chico Buarque – Iolanda – Comp.: Pablo Milanés & Chico Buarque)

“… Já conheço os passos dessa estrada, sei que não vai dar em nada, seus segredos sei de cor… Já conheço as pedras do caminho e sei também que ali sozinho eu vou ficar, tanto pior… O que é que eu posso contra o encanto, desse amor que eu nego tanto, evito tanto e que no entanto, volta sempre a enfeitiçar, com seus mesmos tristes velhos fatos, que num álbum de retrato, eu teimo em colecionar… Lá vou eu de novo como um tolo, procurar o desconsolo, que cansei de conhecer, novos dias tristes, noites claras, versos, cartas, minha cara, ainda volto a lhe escrever, pra dizer que isso é pecado, eu trago o peito tão marcado de lembranças do passado e você sabe a razão… Vou colecionar mais um soneto, outro retrato em branco e preto, a maltratar meu coração… Vou colecionar mais um soneto, outro retrato em branco e preto, a maltratar meu coração…” (Chico Buarque – Retrato em branco e preto – Comp.: Chico Buarque)

“… Se você quiser encontrar paz e alegria neste mundo, espalhe em torno de si otimismo e bondade. Não se deixe ficar inativo na comodidade que nada produz. É pelo trabalho em benefício do próximo que armazenamos energias, a fim de vencer os embates da vida. Não pare jamais, não perca as oportunidades que se apresentam diariamente de fazer o bem, para que o bem venha abundante sobre você.” (Minutos de Sabedoria – Página 237)

Bom tarde pessoal,

O dia hoje amanheceu mais bonito, vestido de Azul, Vermelho e Branco e com o time de maior torcida em todo o Norte Nordeste brasileiro, mais uma vez campeão.

Quem foi ao Estádio Metropolitano de Pituaço teve a oportunidade de ver uma partida de futebol em seu sentido mais expressivo: Duas equipes lutando com garra e vontade de vencer o jogo e conquistar o título baiano de 2012. O Vitória começou melhor, marcando logo aos 4 minutos do primeiro tempo, com Neto Baiano, que aproveitou um vacilo de Rafael Donato e cabeceou para as redes guardadas por Marcelo Lomba, mas, 4 minutos depois o Bahia equilibrou as ações e empatou a partida com Fahel, que aproveitou cruzamento de Gabriel e fuzilou o goleiro Douglas.

O Jogo seguiu equilibrado, com chances de lado a lado, quando já nos acréscimos do primeiro tempo Gabriel cobrou falta e, numa falha magnífica do goleiro Douglas estabeleceu o 2×1 para o time tricolor. Veio o segundo tempo e, quem achava que já tinha visto tudo em emoção na partida foi levado a participar de mais 45 minutos de tensão, alegria, tristeza e euforia e, isso dos dois lados da disputa, logo no começo do segundo tempo Souza chutou uma bola na trave rubro negra, mas, quem viria a marcar novamente seria Neto Baiano, cobrando penalty cometido por Diones. O Vitória ainda marcaria o seu terceiro gol, dessa vez com Dinei, aproveitando cruzamento de Pedro Ken, que o encontrou livre de marcação na área tricolor. Era a segunda virada na partida, desta vez protagonizada pela equipe de Canabrava.

Mas estava escrito e, a estrela tricolor voltou a brilhar, coincidentemente, através de dois jogadores do Bahia que estavam envolvidos nos dois primeiros gols rubro negros, Donato, que falhou no gol de Neto cabeceou para o gol, em mais um cruzamento de Gabriel, sendo defendido parcialmente por Douglas e Diones, que cometeu o penalty no segundo gol do Vitória, chutou forte para decretar os números finais do placar. Era o gol do título, o 44º título baiano da equipe tricolor, em seus 80 anos de existência.

Dois destaques fundamentais na partida de ontem: O garoto Gabriel, absolutamente destacado como o craque do campeonato, autor de um gol e de duas assistências na partida e, Marcelo Lomba, um dos melhores goleiros brasileiros na atualidade, que mais uma vez salvou o time com defesas fantásticas.

A semana promete com as habituais gozações da torcida tricolor sobre os rubro negros, principalmente com o lançamento deste vídeo pela Nissan, dedicado aos Vices, definitivamente muito bem humorada e criativa. Rsrs

Confiram:

Assista os gols de Bahia 3 x 3 Vitória:

Em homenagem ao Esquadrão de aço, o seu hino, um dos mais lindos do Brasil!!

“…Somos da turma tricolor, somos a voz do campeão, somos do povo o clamor, ninguém nos vence em vibração… Vamos avante esquadrão, vamos serás o vencedor, vamos conquistar mais um tento, Bahia, Bahia, Bahia… Ouve essa voz que é seu alento, Bahia, Bahia, Bahia… Mais um, mais um Bahia, mais um, mais um título de glória… Mais um, mais um Bahia, é assim que se resume a sua história… Somos da Turma Tricolor…” #BBMP

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) da Amore Colchões, Beatriz Dias, Bel Araújo, dado Cerqueira, Dalva Sele, minha prima Eloane Santos, Genevalda Falcão, Jorneide Barreto, Kleber Batista, Luiz Pedro, Murilo Azevedo, ao companheiro Raul Pont, Rosane Capinan, Rosanna Tavares e Silvano Movaes. Paz, Saúde e muitas felicidades a todos (as), hoje e sempre.

Está disponível desde a tarde de hoje (14/05), o acesso ao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas, destinado à ocupação dos cargos de Nivel Médio e Fundamental.

O certame que fora suspenso , em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

A data da prova será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/consultaLocalProvaMedio.php

Lista de candidatos (as) de A-F


Lista de candidatos (as) de G-M

Lista de candidatos (as) de N-Z

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Edital de convocação das provas

Relação de Inscrições deferidas

Gabaritos das provas, feitas no dia 06 de Maio de 2012, para cargos de Nível Superior – Clique na opção desejada para Visualização

Profissionais da Área de Educação

Outros Profissionais de Nível Superior

Profissionais da Área de Saúde – REPUBLICAÇÃO POR INCORREÇÃO DE EDITORAÇÃO DO GABARITO DA PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA, 08/05/2012.

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Em função do dia corrido de hoje fico sem postar os fatos históricos relacionados ao 14 de maio. Espero que entendam.

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 48 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/14/trabalhando-com-poesia-438/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Segunda feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Uma excelente semana a todos (as),

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

AVISO DA LUA QUE MENSTRUA – ELISA LUCINDA

Moço, cuidado com ela!
Há que se ter cautela com esta gente que menstrua…
Imagine uma cachoeira às avessas:
cada ato que faz, o corpo confessa.
Cuidado, moço
às vezes parece erva, parece hera
cuidado com essa gente que gera
essa gente que se metamorfoseia
metade legível, metade sereia.
Barriga cresce, explode humanidades
e ainda volta pro lugar que é o mesmo lugar
mas é outro lugar, aí é que está:
cada palavra dita, antes de dizer, homem, reflita..
Sua boca maldita não sabe que cada palavra é ingrediente
que vai cair no mesmo planeta panela.
Cuidado com cada letra que manda pra ela!
Tá acostumada a viver por dentro,
transforma fato em elemento
a tudo refoga, ferve, frita
ainda sangra tudo no próximo mês.
Cuidado moço, quando cê pensa que escapou
é que chegou a sua vez!
Porque sou muito sua amiga
é que tô falando na “vera”
conheço cada uma, além de ser uma delas.
Você que saiu da fresta dela
delicada força quando voltar a ela.
Não vá sem ser convidado
ou sem os devidos cortejos..
Às vezes pela ponte de um beijo
já se alcança a “cidade secreta”
a Atlântida perdida.
Outras vezes várias metidas e mais se afasta dela.
Cuidado, moço, por você ter uma cobra entre as pernas
cai na condição de ser displicente
diante da própria serpente
Ela é uma cobra de avental
Não despreze a meditação doméstica
É da poeira do cotidiano
que a mulher extrai filosofando
cozinhando, costurando e você chega com a mão no bolso
julgando a arte do almoço: Eca!…
Você que não sabe onde está sua cueca?
Ah, meu cão desejado
tão preocupado em rosnar, ladrar e latir
então esquece de morder devagar
esquece de saber curtir, dividir.
E aí quando quer agredir
chama de vaca e galinha.
São duas dignas vizinhas do mundo daqui!
O que você tem pra falar de vaca?
O que você tem eu vou dizer e não se queixe:
VACA é sua mãe. De leite.
Vaca e galinha…
ora, não ofende. Enaltece, elogia:
comparando rainha com rainha
óvulo, ovo e leite
pensando que está agredindo
que tá falando palavrão imundo.
Tá, não, homem.
Tá citando o princípio do mundo!

Publicado em Livros | Marcado com , , | 1 comentário

Concurso Prefeitura de Lauro de Freitas – Liberado acesso aos locais de Prova para cargos de Nivel Médio e Fundamental

Está disponível desde a tarde de hoje (14), o acessoao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas, destinado à ocupação dos cargos de Nivel Médio e Fundamental.

O certame que fora suspenso , em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

A data da prova será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/consultaLocalProvaMedio.php

Lista de candidatos (as) de A-F


Lista de candidatos (as) de G-M

Lista de candidatos (as) de N-Z

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Edital de convocação das provas

Publicado em Notícias e política | 8 Comentários

Trabalhando com Poesia

“… Uma menina me ensinou quase tudo que eu sei, era quase escravidão, mas ela me tratava como um rei, ela fazia muitos planos, eu só queria estar ali, sempre ao lado dela, eu não tinha aonde ir.. Mas, egoísta que eu sou, me esqueci de ajudar a ela como ela me ajudou e, não quis me separar, ela também estava perdida e por isso se agarrava a mim também e, eu me agarrava a ela, porque eu não tinha mais ninguém… E eu dizia: Ainda é cedo, cedo, cedo, cedo, cedo… E eu dizia: Ainda é cedo, cedo, cedo, cedo, cedo… Ah eu dizia: Ainda é cedo, cedo, cedo, cedo, cedo… Ah eu dizia: Ainda é cedo… Sei que ela terminou o que eu não comecei e, o que ela descobriu, eu aprendi também, eu sei… Ela falou: “Você tem medo.”, aí eu disse: “Quem tem medo é você.”, falamos o que não devia, nunca ser dito por ninguém… Ela me disse: “Eu não sei mais o que eu sinto por você. Vamos dar um tempo, um dia a gente se vê.”… E eu dizia: Ainda é cedo, cedo, cedo, cedo, cedo… E eu dizia: Ainda é cedo, cedo, cedo, cedo, cedo… Ah eu dizia: Ainda é cedo, cedo, cedo, cedo, cedo… Ah eu dizia: Ainda é cedo…” (Legião Urbana – Ainda é cedo – Comp.: Ico-Ouro Preto / Dado Villa-Lobos / Renato Russo / Marcelo Bonfá)

“… Sexo verbal não faz meu estilo, palavras são erros e os erros são seus, não quero lembrar, que eu erro também… Um dia pretendo tentar descobrir, porque é mais forte quem sabe mentir, não quero lembrar que eu minto também… Eu sei! Eu sei!…Feche a porta do seu quarto, porque se toca o telefone, pode ser alguém, com quem você quer falar, por horas e horas e horas… A noite acabou, talvez tenhamos que fugir sem você, mas não, não vá agora, quero honras e promessas, lembranças e histórias… Somos pássaro novo longe do ninho… Eu sei! Eu sei!…” (Legião Urbana– Eu sei – Comp.: Renato Russo)

“… Parece cocaína, mas é só tristeza, talvez tua cidade muitos temores nascem do cansaço e da solidão, descompasso, desperdício, herdeiros são agora da virtude que perdemos… Há tempos tive um sonho, não me lembro, não me lembro… Tua tristeza é tão exata e hoje o dia é tão bonito, já estamos acostumados a não termos mais nem isso… Os sonhos vêm e os sonhos vão e o resto é imperfeito… Dissestes que se tua voz tivesse força igual à imensa dor que sentes, teu grito acordaria, não só a tua casa, mas a vizinhança inteira… E há tempos, nem os santos têm ao certo a medida da maldade… E há tempos são os jovens que adoecem e há tempos, o encanto está ausente e, há ferrugem nos sorrisos, só o acaso estende os braços, a quem procura abrigo e proteção, meu amor!… Disciplina é liberdade, compaixão é fortaleza, ter bondade é ter coragem… Lá em casa tem um poço, mas a água é muito limpa…” (Legião Urbana– Há Tempos – Comp.: Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá)

“… Tire suas mãos de mim! Eu não pertenço a você. Não é me dominando assim, que você vai me entender… Eu posso estar sozinho, mas eu sei muito bem aonde estou, você pode até duvidar, acho que isso não é amor… Será só imaginação? Será que nada vai acontecer? Será que é tudo isso em vão? Será que vamos conseguir vencer?… Nos perderemos entre monstros da nossa própria criação, serão noites inteiras, talvez por medo da escuridão e ficaremos acordados, imaginando alguma solução, prá que esse nosso egoísmo não destrua nosso coração… Será só imaginação? Será que nada vai acontecer? Será que é tudo isso em vão? Será que vamos conseguir vencer? Brigar prá quê? Se é sem querer… Quem é que vai nos proteger? Será que vamos ter que responder, pelos erros a mais, eu e você?…” (Legião Urbana– Será – Comp.: Dado Villa-Lobos / Renato Russo / Marcelo Bonfá)

“… Todos os dias quando acordo, não tenho mais o tempo que passou, mas tenho muito tempo, temos todo o tempo do mundo… Todos os dias, antes de dormir, lembro e esqueço como foi o dia, sempre em frente… Não temos tempo a perder! Nosso suor sagrado, é bem mais belo que esse sangue amargo e, tão sério… E Selvagem! Selvagem! Selvagem!… Veja o sol dessa manhã tão cinza, a tempestade que chega é da cor dos teus olhos castanhos… Então me abraça forte e diz mais uma vez, que já estamos distantes de tudo, temos nosso próprio tempo… Temos nosso próprio tempo… Temos nosso próprio tempo… Não tenho medo do escuro, mas deixe as luzes acesas, agora, o que foi escondido foi o que se escondeu e, o que foi prometido, ninguém prometeu, nem foi tempo perdido… Somos tão jovens… Tão Jovens!… Tão Jovens!…” (Legião Urbana – Tempo Perdido – Comp.: Ico-Ouro Preto / Dado Villa-Lobos / Renato Russo / Marcelo Bonfá)

“… Estátuas e cofres e paredes pintadas, ninguém sabe o que aconteceu, ela se jogou da janela do quinto andar, nada é fácil de entender… Dorme agora, é só o vento lá fora… Quero colo! Vou fugir de casa! Posso dormir aqui com vocês? Estou com medo, tive um pesadelo, só vou voltar depois das três… Meu filho vai ter nome de santo, quero o nome mais bonito… É preciso amar as pessoas, como se não houvesse amanhã, porque se você parar pra pensar, na verdade não há… Me diz, por que que o céu é azul? Explica a grande fúria do mundo, são meus filhos que tomam conta de mim… Eu moro com a minha mãe, mas meu pai vem me visitar, eu moro na rua, não tenho ninguém, eu moro em qualquer lugar… Já morei em tanta casa, que nem me lembro mais, eu moro com os meus pais… É preciso amar as pessoas, como se não houvesse amanhã, porque se você parar pra pensar, na verdade não há… Sou uma gota d’água, sou um grão de areia…Você me diz que seus pais não te entendem, mas você não entende seus pais… Você culpa seus pais por tudo, isso é absurdo, são crianças como você, o que você vai ser, quando você crescer?…” (Legião Urbana– Pais e filhos – Comp.: Dado Villa-Lobos / Renato Russo / Marcelo Bonfá )

“… De tarde quero descansar, chegar até a praia e ver se o vento ainda esta forte e vai ser bom subir nas pedras, sei que faço isso pra esquecer, eu deixo a onda me acertar e o vento vai levando tudo embora… Agora está tão longe ver, a linha do horizonte me distrai, dos nossos planos é que tenho mais saudade, quando olhávamos juntos na mesma direção, aonde está você agora, alem de aqui dentro de mim… Agimos certo sem querer, foi só o tempo que errou, vai ser difícil sem você, porque você esta comigo o tempo todo e, quando vejo o mar, existe algo que diz que a vida continua e se entregar é uma bobagem… Já que você não está aqui, o que posso fazer é cuidar de mim… Quero ser feliz ao menos, lembra que o plano era ficarmos bem… Olha só o que eu achei: Cavalos-marinhos… Sei que faço isso pra esquecer, eu deixo a onda me acertar e o vento vai levando tudo embora…” (Legião Urbana– Vento no Litoral – Comp.: Renato Russo)

“… Ainda que eu falasse a língua dos homens e, falasse a língua dos anjos, sem amor eu nada seria… É só o amor! É só o amor, que conhece o que é verdade, o amor é bom, não quer o mal, não sente inveja ou se envaidece… O amor é o fogo que arde sem se ver; é ferida que dói e não se sente; é um contentamento descontente; é dor que desatina sem doer… Ainda que eu falasse a língua dos homens e falasse a língua dos anjos, sem amor eu nada seria… É um não querer mais que bem querer; é solitário andar por entre a gente; é um não contentar-se de contente; é cuidar que se ganha em se perder… É um estar-se preso por vontade; é servir a quem vence, o vencedor; é um ter com quem nos mata a lealdade, tão contrário a si é o mesmo amor… Estou acordado e todos dormem, todos dormem, todos dormem… Agora vejo em parte, mas então veremos face a face… É só o amor! É só o amor! Que conhece o que é verdade… Ainda que eu falasse a língua dos homens e, falasse a língua dos anjos, sem amor eu nada seria…” {Legião Urbana– Monte Castelo – Comp.: Renato Russo (recortes do Apóstolo Paulo e de Camões).}

“…Se fiquei esperando meu amor passar, já me basta que então, eu não sabia amar… E me via perdido e vivendo em erro, sem querer me machucar de novo, por culpa do amor… Mas você e eu podemos namorar e, era simples: ficamos fortes… Quando se aprende a amar, o mundo passa a ser seu, quando se aprende a amar, o mundo passa a ser seu… Sei rimar romã com travesseiro, quero a minha nação soberana, com espaço, nobreza e descanso… Se fiquei esperando meu amor passar, já me basta que estava então longe de sereno e, fiquei tanto tempo duvidando de mim, por fazer amor, por fazer sentido… Começo a ficar livre, espero? Acho que sim! De olhos fechados não me vejo e, você sorriu pra mim… “Cordeiro de Deus, que tirai os pecados do mundo, tende piedade de nós… Cordeiro de Deus, que tirai os pecados do mundo, tende piedade de nós… Cordeiro de Deus, que tirai os pecados do mundo, dai-nos a paz.” (Legião Urbana– Se fiquei esperando meu amor passar – Comp.: Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá)

“… Já não sei dizer se ainda sei sentir, o meu coração, já não me pertence, já não quer mais me obedecer, parece agora estar tão cansado quanto eu… Até pensei que era mais, por não saber, que ainda sou capaz de acreditar, me sinto tão só e dizem que a solidão, até que me cai bem… Às vezes faço planos, as vezes quero ir, pra algum país distante, voltar a ser feliz… Já não sei dizer o que aconteceu, se tudo que sonhei foi mesmo um sonho meu, se meu desejo então já se realizou, o que fazer depois? Pra onde é que eu vou?… Eu vi você voltar pra mim… Eu vi você voltar pra mim… Eu vi você voltar pra mim…” (Legião Urbana– Mauricio – Comp.: Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá)

“… Você já reparou que é um herói? O trabalho diário, as conduções difíceis, a luta constantes, tudo isso faz de você um herói. Então, não desanime, porque os heróis superam as dificuldades com alegria. Jamais se irrite! Olhe para todos com bons olhos, procurando distribuir a coragem e alegria que habitam em você. Você é um herói, comporte-se como um herói.” (Minutos de Sabedoria – Página 158)

Bom dia pessoal,

O futebol da Bahia vive dias de glória. Após duas belas partidas, os times do Bahia e do Vitória integram o seleto grupo dos oito melhores da Copa do Brasil. O Vitória, na noite de quarta feira, no estádio do Engenhão venceu o Botafogo pelo placar de 2×1, após começar perdendo a partida, com gols de Pedro Ken e Tartá.

Ontem a noite, junto a sua apaixonada torcida, o Bahia venceu a equipe da Portuguesa pelo placar de 2×0, com gols de Fabinho e Junior. Time jogou com tranquilidade, sendo exigido muito pouco pelo time paulista e, quando o foi, sua defesa demonstrou tranquilidade. Junior, que fazia uma péssima partida, tendo chutado apenas uma bola em 51 minutos marcou um golaço no segundo tempo e saiu aplaudido de campo. Falcão poupou, a partir do segundo gol Titi e Gabriel, peças importantes para a decisão de domingo, que também deve ter o retorno de Fahel e Souza, poupados na partida de ontem.

Na próxima fase da competição (quartas de final) o time de Vitória enfrenta o Coritiba e o Tricolor de Aço enfrentará o também tricolor Grêmio de Futebol Portoalegrense.

Caso sigam avançando na competição os times baianos podem protagonizar um inédito BA x VI na final da Copa do Brasil. Sucesso a ambos!

No próximo domingo chega ao fim o Campeonato Baiano da competição e, mais uma vez, o maior clássico do Norte e Nordeste do Brasil decide a competição. O Vitória, segundo lugar na classificação geral da competição, luta para firmar uma hegemonia no futebol local, construída nas últimas duas décadas, quando conquistou a maioria dos títulos baianos. Do outro lado do gramado estará o Bahia, Melhor time da competição, com nove pontos de vantagem frente ao segundo colocado, melhor ataque do país até o momento e detentor da maioria dos títulos baianos, com 17 a mais que seu principal adversário, além de dois títulos nacionais. Será certamente uma partida apaixonante e de muita emoção não só para os atletas, mas, também para os mais de 32 mil torcedores (as) que estarão no estádio e os milhares que acompanharão pela TV em todo o país. Que vença o melhor (os números não deixam dúvidas!!). BBMP

Assista os gols de Bahia 2 x 0 Portuguesa:

Hoje é o dia Municipal do Reggae em Lauro de Freitas. Hoje a tarde apresentamos formalmente o texto da Lei, proposta por mim, em parceria com o ex Superintendente de Promoção da Igualdade Racial Eriosvaldo Menezes, aprovada pela Câmara e Sancionada pela Prefeita Moema Gramacho. No Domingo a tarde a CBRI – Conexão Brasil Rastafari Itinga promove em parceria com a Sociedade Tupã e em Convênio com a SEGOV/SUPPIR o XII Tributo a Bob Marley, cuja morte completa 31 anos hoje. #MarleyVive

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) Amália Maia, Carlito Sampaio, Cristina casamenteira, Fábio Vieira, Genilson Coutinho, Gilmar Mendonça, José Uilton, Junio Oliveira, Jéssica FreitasKenioo Bahia, Mayrwe Sacramento, Nilza Santos Rafael Pinheiro, Rosiene Lopes e Samara Pires. Paz, Saúde e muitas felicidades a todos (as), hoje e sempre.

A Universidade do Estado da Bahia, Organizadora do Concurso Público promovido pela Prefeitura de Lauro de Freitas, divulgou, na tarde de segunda (07), os Gabaritos referentes às provas realizadas na tarde de ontem (06/05/2012).

Confira os Gabaritos das Provas feitas no Último domingo (Nivel Superior)

Profissionais da Área de Educação

Profissionais da Área de Saúde – REPUBLICAÇÃO POR INCORREÇÃO DE EDITORAÇÃO DO GABARITO DA PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA, 08/05/2012.

Outros Profissionais de Nível Superior

Eventuais recursos aos gabaritos devem ser interpostos, nos termos definidos no Edital e, nos prazos definidos no Comunicado contido no link abaixo:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/docs/informeRecursoGabarito.pdf

Deverão ser disponibilizados no dia 14 de maio (Segunda) os cartões de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público (Nivel Médio e fundamental), realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas. Assim que disponibilizados, divulgaremos aqui neste espaço.

O certame que foi suspenso, em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

Após a etapa realizada ontem (06), a data das provas para ensino Médio e fundamental será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

A Convocação para as provas do dia 20/05 foram publicadas ontem a noite no Diário Oficial de ontem a noite. Confira:

http://ba.portaldatransparencia.com.br/prefeitura/laurodefreitas/doe/?pagina=abre_documentos&arquivo=_repositorio/_publicacoes/_documentos/230/337/_dop/4215C3E6-0052-A90A-A6AE9E349C1F235B10052012115134.pdf&mime_type=application/pdf

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Inscrições Deferidas e Comunicado

* Edital de convocação das provas

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Hoje na História – 11 de Maio

Em 11 de Maio de 330 - É fundada Constantinopla, nova capital do Império Romano. o imperador Constantino oferece uma nova capital ao império romano: a Nova Roma. Esta cidade adotaria o nome de Constantinopla após a morte do imperador e seria sob este nome que entraria para a história.

O império romano havia atingido sua maior extensão no século anterior. Tornara-se difícil de governar e tinha dificuldades para resistir à pressão dos Bárbaros. Em 293, o imperador Diocleciano desloca a sede do governo para quatro cidades próximas às fronteiras mais expostas – Mediolanum (Milão), Nicomédia, Sirmium e Treves (Trier).

Instaura um governo colegiado para melhor proteger as fronteiras, mas sua tentativa fracassou. Seu sucessor, Constantino, estabelece-se em Nicomédia, (hoje Izmit, no mar de Mármara) depois de restabelecer a unidade do império.
Constantino busca um lugar propício para uma nova capital. Em 324 lança seus olhares sobre a cidade de Bizâncio. A escolha era judiciosa. Bizâncio havia sido fundada mil anos antes, em 667 a.C., por colonos vindos de Megare, entre os estreitos que separam a Europa da Ásia.

Leia mais em:

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/21750/hoje+na+historia+330+-+e+fundada+constantinopla+nova+capital+do+imperio+romano.shtml

Em 11 de Maio de 1852 Inauguradas as primeiras linhas de telégrafo no Brasil.

Em 11 de Maio de 1927 É fundada a Academia das Artes e Ciências Cinematográfica de Hollywood – A Academia das Artes e Ciências Cinematográficas Hollywood (Academy of Motion Picture Arts and Sciences) é uma organização norte-americana inicialmente criada para promover a indústria do cinema. Esta instituição foi fundada no dia 11 de maio de 1927 em Los Angeles, na Califórnia, pelo produtor norte-americano Louis B. Meyer. A corporação é mundialmente conhecida pela entrega anual do Oscar, um prêmio dado aos melhores filmes de Hollywood, de acordo com as categorias especificadas. A Academia representa 14 entidades filiadas da indústria cinematográfica, desde atores e diretores até produtores e escritores. Só são considerados membros os profissionais que se distinguem por seu trabalho no âmbito cinematográfico.

Em 11 de Maio de 1939 nascia, no Rio de Janeiro, Carlos Eduardo Lyra Barbosa, cantor, compositor e violonista. Entre suas composições mais famosas estão “Maria Ninguém”, “Minha Namorada”, “Ciúme”, “Lobo bobo”, “Menina”, “Maria moita” e “Se é tarde me perdoa”. Em sua carreira musical, ele fez parcerias com o compositor Roberto Menescal. Também participou da primeira geração da bossa nova ao lado de Ronaldo Bôscoli, Tom Jobim, Vinícius de Moraes e João Gilberto.

Durante o regime militar, Lyra optou pelo autoexílio. Tocou com Stan Getz nos Estados Unidos e gravou dois discos no México. Em seu retorno ao Brasil, após três discos lançados sem o mesmo impacto de seus antecessores, ele produziu Herói do Medo, um disco de letras propositalmente dúbias, que tentavam lembrar que, enquanto a multidão driblava a consciência com os gols da seleção e os capítulos da novela na TV, gente era torturada e morta na luta pela democracia. Esse disco foi censurado, e Lyra partiu para um novo autoexílio. Em 1974, foi para Los Angeles, retornando dois anos depois. Em 1984, realizou o show 25 Anos de Bossa Nova, que rendeu um disco homônimo ao vivo, em 1987.

Enquanto esteve no exílio no México, ele se casou com a atriz e modelo norte-americana Katherine Lee Revell, radicada no Brasil como Kate Lyra. Com ela teve sua única filha, Kay Lyra, cantora popular de formação clássica. Em 2004, seu casamento de 34 anos com Kate chegou ao fim.

Em 2008, Carlos Lyra participou do espetáculo Bossa Nova 50 anos, na Praia de Ipanema, no Rio de Janeiro. Também fizeram parte do evento Roberto Menescal, Leila Pinheiro, Emílio Santiago, Zimbo Trio, Leny Andrade, Fernanda Takai, Maria Rita, João Donato entre outros. No mesmo ano, publicou o livro “Eu e a bossa”.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Carlos_Lyra

Em 11 de Maio de 1949, Israel conseguiu integrar as Nações Unidas, tendo ficado com o número de membro 59. Este feito ocorreu um ano depois de Israel ter sido proclamado um Estado, a 14 de maio de 1948, um êxito que resultou na Guerra da Independência israelita, depois de o país ter sido invadido pelo Egito, Jordânia, Síria, Líbano e Iraque.

Foi durante os primeiros meses de 1949 quando, por intermédio da ONU, Israel manteve negociações diretas com cada um dos países invasores, exceto com o Iraque pela sua recusa em negociar. O resultado das reuniões foi o selar do fim dos confrontos.

Depois de fazer parte da ONU como Estado-Membro, Israel abriu as suas portas, garantindo o direito aos judeus de se instalarem no território, para assim poderem adquirir a cidadania. Desta forma, nos primeiros quatro meses de independência, cerca de 50.000 imigrantes mudaram-se para o país.

Em 11 de Maio de 1953 Morre Raul Pederneiras, desenhista e caricaturista brasileiro.

Em 11 de Maio de 1955 A exemplo do Chile, a Argentina anuncia a rejeição de uma proposta britânica para submeter à Corte Internacional de Justiça a disputa sobre territórios antárticos.

Em 11 de Maio de 1960 a Agência de Medicamentos e Alimentos dos Estados Unidos propõe a venda da primeira pílula contracetiva. Finalmente, foi proposta a sua comercialização a 23 de junho do mesmo ano.

A pílula contracetiva é um comprimido hormonal que se administra por via oral e que tem como objetivo alterar o ciclo menstrual para impedir a ovulação e, consequentemente, uma possível gravidez.

Este medicamento representou um dos avanços mais importantes na contraceção, visto que transformou a vida sexual das mulheres da década de 60 e 70.

Em 9 de maio de 1965, A sonda soviética Lunik 5 chega à Lua.

Em 11 de Maio de 1965 EUA aumentam contingente no Vietnam para 46.500 homens.

Em 11 de Maio de 1965 Presidente Humberto Castelo Branco inaugura a usina hidrelétrica de Furnas.

Em 11 de Maio de 1979 – Eunice Michiles torna-se a primeira mulher a ocupar uma cadeira no Senado na história republicana brasileira.

Em 11 de Maio de 1981 morria, em Miami (EUA), o jamaicano Robert Nesta Marley, mundialmente conhecido como Bob Marley. Considerado um ídolo a altura de Elvis Presley ou John Lennon, ele é o mais famoso músico de reggae de todos os tempos. Nascido no dia 6 de fevereiro de 1945, em Nine Mile, ele teve uma adolescência difícil, em uma favela em Kingston, capital jamaicana. Por conta desta experiência, Bob Marley desenvolveu um ponto de vista bastante crítico sobre os problemas sociais e seu trabalho faz muitas referências à questão da pobreza e da opressão.

Bob foi casado com Rita Marley, mãe de quatro de seus 12 filhos (dois deles adotados). Entre eles estão Ziggy e Stephen Marley, que deram sequência ao legado musical do pai na banda Melody Makers. Outros filhos, Kymani, Julian e Damian (Jr. Gong) também seguiram no meio musical.

Bob Marley, provavelmente, é mais conhecido pelo seu trabalho com o grupo The Wailers, que contava com os excelentes músicos Bunny Wailer e Peter Tosh. Em 1971, Bob assinou com o selo Island Records. Quatro anos depois, com “No Woman, No Cry”, ele ganhou fama mundial.

No ano seguinte, em 1976, o músico, sua esposa e seu empresário sofreram um atentado a bala, na casa de Bob Marley, em Kingston. O tiroteio teria motivações políticas, já que alguns dias depois estava agendado um show gratuito de Bob Marley em evento que foi interpretado como gesto de apoio ao então primeiro-ministro Michael Manley.

Em julho de 1977, Bob Marley descobriu uma ferida no dedão de seu pé direito, que não cicatrizava e que resultou na queda de sua unha. Marley descobriu que estava com um tipo de câncer de pele, e os médicos o aconselharam a amputar o dedo. O músico se recusou por conta dos seus princípios rastafáris em que não se deve cortar ou amputar qualquer parte do corpo. Alguns anos de morrer, em 1977, Marley teria se convertido aos cristianismo e decidido que seu corpo deveria ser cuidado. A esta altura, contudo, o câncer havia se espalhado – estava no seu cérebro, pulmão e estômago. Durante uma turnê no verão de 1980, Marley desmaiou enquanto corria no Central Park, em Nova York. Depois disso, foi fazer um tratamento na Alemanha, que acabou não dando resultado. Por conta da doença, o astro da música morreu aos 36 anos, no dia 11 de maio de 1981, em Miami, nos Estados Unidos. Após a sua morte, a data de seu aniversário, no dia 6 de fevereiro, foi decretada feriado nacional na Jamaica.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Bob_Marley

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=26752

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=12718

Em 11 de Maio de 1984 Em 11 de Maio de 1984 Albert Sabin anuncia a descoberta de uma nova vacina, capaz de imunizar bebês de menos de seis meses contra sarampo.

Em 11 de Maio de 1994 - A Agência Internacional de Energia Atômica informa que havia no mundo 430 usinas nucleares.

Em 11 de Maio de 1995 Extraditado o piloto Jorge Bandeira de Melo, supostamente envolvido no esquema de PC Farias e Fernando Collor de Melo.

Em 11 de Maio de 1997 O supercomputador da IBM Deep Blue fez história no xadrez vencendo Gary Kasparov, o campeão do mundo considerado como o melhor jogador da história. O mestre russo aceitou a derrota depois de 19 movimentos no sexto jogo do torneio, perdendo por 2,5 perante 3,5. Foi a primeira derrota de um mestre mundial perante uma máquina num torneio. O Deep Blue, que consegue analisar 200 milhões de movimentos de xadrez por segundo, já se enfrentou a Kasparov numa ocasião anterior, mas o homem conseguiu vencer a máquina. Antes do seu encontro, Kasparov nunca tinha perdido um encontro profissional.

Em 11 de Maio de 1998 A Índia anuncia que o Paquistão realizou três testes atômicos subterrâneos no deserto de Pokhran. Os testes causam revolta internacional, e a Índia passa a integrar o grupo das potências nucleares do mundo. Um balão do Greenpeace sobrevoou o Taj Mahal para protestar contra os testes nucleares.

Em 11 de Maio de 1998 Europa oficializa moeda única, o euro, adotada progressivamente a partir de 1º de janeiro de 1999.

Em 11 de Maio de 2001 Parlamentares alemães propõem legalizar a prostituição, garantindo às profissionais benefícios previdenciários.

Em 11 de Maio de 2004 Insurgentes iraquianos degolam um prisioneiro americano e divulgam as imagens pela internet.

Em 11 de Maio de 2004 Lojas cubanas que só vendiam em dólar são foram fechadas pelo governo.

Em 11 de Maio de 2007 Dia da canonização de Frei Galvão pelo Papa Bento XVI.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Frei_Galv%C3%A3o

Outros Fatos referentes ao dia 11 de Maio

1819 – Uma frota espanhola sai de El Callao para sufocar o movimento de independência que surgia nas colônias da América.

1849 – Morre Francisco Ortega, poeta e político mexicano.

1873 – Guerra de Cuba: morre nos campos de Jimaguayú o patriota Ignácio Agramonte, que lutou pela independência do país.

1898 – Guerra de Cuba: a frota norte-americana bombardeia a cidade de Cárdenas.

1904 - Nasce Salvador Dalí, pintor espanhol.

1911 – Revolução no México: é firmada a paz entre os revolucionários e o presidente Porfirio Díaz.

1916 – Nasce Camilo José Cela, escritor espanhol, ganhador do Prêmio Nobel de 1989.

1928 - As primeiras emissões regulares de TV são realizadas em Nova York.

1930 – Morre Julio Romero de Torres, pintor espanhol.

1936 – Nasce Carlos Lyra, compositor e músico brasileiro.

1941 – Segunda Guerra Mundial: Londres sofre o mais duro bombardeio aéreo.

1944 – Começa a ofensiva aliada na Itália.

1946 - Morre Pedro Henríquez Oreña, escritor dominicano.

1952 – José Remón ganha as eleições presidenciais no Panamá.

1960 – Os serviços secretos israelenses capturam o criminoso de guerra Adolf Eichmann em Buenos Aires e lhe conduzem a Israel.

1960 – Morre John D. RockRedação Terraller, industrial norte-americano.

1971 - Um acordo comercial de livre intercâmbio entre a Comunidade Econômica Européia e Israel é firmado.

1976 – O embaixador da Bolívia, general Zenteno Anaya, é assassinado em Paris por desconhecidos. Os principais suspeitos são integrantes da Brigada Internacional Che Guevara.

1981 – A Costa Rica rompe relações diplomáticas com Cuba.

1983 – Violentos conflitos em Santiago do Chile ocorrem entre manifestantes e a polícia, na jornada nacional de protesto contra a ditadura de Pinochet. Duas pessoas morreram e nove ficaram feridas.

1984 – Ardito Barletta é eleito presidente do Panamá.

1985 – Um incêndio destrói uma tribuna do campo de futebol de Bradford City, no norte da Inglaterra. Cerca de 52 pessoas morreram.

1989 – O general Andrés Rodríguez é proclamado presidente do Paraguai. Quatro dias depois, ele toma posse do cargo e promete dRedação Terrander um sistema democrático.

1989 – Cuba e Venezuela restabelecen suas relações diplomáticas, após dez anos sem contato.

1991 – A Angola se converte formalmente em um país com sistema pluripartidário.

1998 – Adolfo Waitzman, compositor de origem argentina.

1960 – Adolf Eichmann, um dos organizadores do Holocausto, é sequestrado na Argentina por uma equipe de agentes secretos israelitas da Mossad.

2001 – A edição em português da Wikipédia é lançada.

Nasceram neste dia…

483 – Justiniano I, imperador bizantino (m. 565).

1895 – Jiddu Krishnamurti, filósofo e místico indiano (m. 1986).

1894 – Martha Graham, dançarina e coreógrafa norte-americana (m. 1991).

Morreram neste dia…

1610 - Matteo Ricci, missionário jesuíta italiano (n. 1552).

1937 - Afonso Costa, político e líder português (n. 1871).

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 46 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/11/trabalhando-com-poesia-437/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Sexta feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que o Alá de Oxalá nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Um excelente final de semana a todos (as) e até segunda-feira

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

Vozes d’Àfrica – Castro Alves

Deus! ò Deus! onde estàs que não respondes?
Em que mundo, em qu’estrela tu t’escondes
Embuçado nos cèus?
Há dois mil anos te mandei meu grito,
Que embalde desde então corre o infinito…
Onde estàs, Senhor Deus?…

Qual Prometeu tu me amarraste um dia
Do deserto na rubra penedia
— Infinito: galé! …
Por abutre — me deste o sol candente,
E a terra de Suez — foi a corrente
Que me ligaste ao pé…

O cavalo estafado do Beduíno
Sob a vergasta tomba ressupino
E morre no areal.
Minha garupa sangra, a dor poreja,
Quando o chicote do simoun dardeja
O teu braço eternal.

Minhas irmãs são belas, são ditosas…
Dorme a Ásia nas sombras voluptuosas
Dos harèns do Sultão.
Ou no dorso dos brancos elefantes
Embala-se coberta de brilhantes
Nas plagas do Hindustão.

Por tenda tem os cimos do Himalaia…
Ganges amoroso beija a praia
Coberta de corais …
A brisa de Misora o céu inflama;
E ela dorme nos templos do Deus Brama,
— Pagodes colossais…

A Europa é sempre Europa, a gloriosa! …
A mulher deslumbrante e caprichosa,
Rainha e cortesã.
Artista — corta o mármor de Carrara;
Poetisa — tange os hinos de Ferrara,
No glorioso afã! …

Sempre a làurea lhe cabe no litígio…
Ora uma c’roa, ora o barrete frígio
Enflora-lhe a cerviz.
Universo após ela — doudo amante
Segue cativo o passo delirante
Da grande meretriz.

………………………………

Mas eu, Senhor!… Eu triste abandonada
Em meio das areias esgarrada,
Perdida marcho em vão!
Se choro… bebe o pranto a areia ardente;
talvez… p’ra que meu pranto, ó Deus clemente!
Não descubras no chão…

E nem tenho uma sombra de floresta…
Para cobrir-me nem um templo resta
No solo abrasador…
Quando subo ás Pirâmides do Egito
Embalde aos quatro céus chorando grito:
‘Abriga-me, Senhor!…’

Como o profeta em cinza a fronte envolve,
Velo a cabeça no areal que volve
O siroco feroz…
Quando eu passo no Saara amortalhada…
Ai! dizem: ‘Lá vai África embuçada
No seu branco albornoz. . . ‘

Nem vêem que o deserto é meu sudário,
Que o silêncio campeia solitàrio
Por sobre o peito meu.
Lá no solo onde o cardo apenas medra
Boceja a Esfinge colossal de pedra
Fitando o morno cèu.

De Tebas nas colunas derrocadas
As cegonhas espiam debruçadas
O horizonte sem fim …
Onde branqueia a caravana errante,
E o camelo monòtono, arquejante
Que desce de Efraim

…………………………………

Não basta inda de dor, ó Deus terrível?!
É, pois, teu peito eterno, inexaurìvel
De vingança e rancor?…
E que é que fiz, Senhor? que torvo crime
Eu cometi jamais que assim me oprime
Teu glàdio vingador?!
………………………………….

Foi depois do dilúvio… um viadante,
Negro, sombrio, pálido, arquejante,
Descia do Arará…
E eu disse ao peregrino fulminado:
‘Cão! … serás meu esposo bem-amado…
— Serei tua Eloá. . . ‘

Desde este dia o vento da desgraça
Por meus cabelos ululando passa
O anátema cruel.
As tribos erram do areal nas vagas,
E o Nômada faminto corta as plagas
No rápido corcel.

Vi a ciência desertar do Egito…
Vi meu povo seguir — Judeu maldito —
Trilho de perdição.
Depois vi minha prole desgraçada
Pelas garras d’Europa — arrebatada —
Amestrado falcão! …

Cristo! embalde morreste sobre um monte
Teu sangue não lavou de minha fronte
A mancha original.
Ainda hoje são, por fado adverso,
Meus filhos — alimária do universo,
Eu — pasto universal…

Hoje em meu sangue a América se nutre
Condor que transformara-se em abutre,
Ave da escravidão,
Ela juntou-se ás mais… irmã traidora
Qual de Josè os vis irmãos outrora
Venderam seu irmão.

Basta, Senhor! De teu potente braço
Role através dos astros e do espaço
Perdão p’ra os crimes meus!
Há dois mil anos eu soluço um grito…
escuta o brado meu lá no infinito,
Meu Deus! Senhor, meu Deus!!…

Tragédia no lar – Castro Alves

Na Senzala, úmida, estreita,
Brilha a chama da candeia,
No sapé se esgueira o vento.
E a luz da fogueira ateia.

Junto ao fogo, uma africana,
Sentada, o filho embalando,
Vai lentamente cantando
Uma tirana indolente,
Repassada de aflição.
E o menino ri contente…
Mas treme e grita gelado,
Se nas palhas do telhado
Ruge o vento do sertão.

Se o canto pára um momento,
Chora a criança imprudente …
Mas continua a cantiga …
E ri sem ver o tormento
Daquele amargo cantar.
Ai! triste, que enxugas rindo
Os prantos que vão caindo
Do fundo, materno olhar,
E nas mãozinhas brilhantes
Agitas como diamantes
Os prantos do seu pensar …

E voz como um soluço lacerante
Continua a cantar:

“Eu sou como a garça triste
“Que mora à beira do rio,
“As orvalhadas da noite
“Me fazem tremer de frio.

“Me fazem tremer de frio
“Como os juncos da lagoa;
“Feliz da araponga errante
“Que é livre, que livre voa.

“Que é livre, que livre voa
“Para as bandas do seu ninho,
“E nas braúnas à tarde
“Canta longe do caminho.

“Canta longe do caminho.
“Por onde o vaqueiro trilha,
“Se quer descansar as asas
“Tem a palmeira, a baunilha.

“Tem a palmeira, a baunilha,
“Tem o brejo, a lavadeira,
“Tem as campinas, as flores,
“Tem a relva, a trepadeira,

“Tem a relva, a trepadeira,
“Todas têm os seus amores,
“Eu não tenho mãe nem filhos,
“Nem irmão, nem lar, nem flores”.

A cantiga cessou. . . Vinha da estrada
A trote largo, linda cavalhada
De estranho viajor,
Na porta da fazenda eles paravam,
Das mulas boleadas apeavam
E batiam na porta do senhor.

Figuras pelo sol tisnadas, lúbricas,
Sorrisos sensuais, sinistro olhar,
Os bigodes retorcidos,
O cigarro a fumegar,
O rebenque prateado
Do pulso dependurado,
Largas chilenas luzidas,
Que vão tinindo no chão,
E as garruchas embebidas
No bordado cinturão.

A porta da fazenda foi aberta;
Entraram no salão.

Por que tremes mulher? A noite é calma,
Um bulício remoto agita a palma
Do vasto coqueiral.
Tem pérolas o rio, a noite lumes,
A mata sombras, o sertão perfumes,
Murmúrio o bananal.

Por que tremes, mulher? Que estranho crime,
Que remorso cruel assim te oprime
E te curva a cerviz?
O que nas dobras do vestido ocultas?
É um roubo talvez que aí sepultas?
É seu filho … Infeliz! …

Ser mãe é um crime, ter um filho – roubo!
Amá-lo uma loucura! Alma de lodo,
Para ti – não há luz.
Tens a noite no corpo, a noite na alma,
Pedra que a humanidade pisa calma,
— Cristo que verga à cruz!

Na hipérbole do ousado cataclisma
Um dia Deus morreu… fuzila um prisma
Do Calvário ao Tabor!
Viu-se então de Palmira os pétreos ossos,
De Babel o cadáver de destroços
Mais lívidos de horror.

Era o relampejar da liberdade
Nas nuvens do chorar da humanidade,
Ou sarça do Sinai,
— Relâmpagos que ferem de desmaios…
Revoluções, vós deles sois os raios,
Escravos, esperai! …

…………………………………………………………

Leitor, se não tens desprezo
De vir descer às senzalas,
Trocar tapetes e salas
Por um alcouce cruel,
Que o teu vestido bordado
Vem comigo, mas … cuidado …
Não fique no chão manchado,
No chão do imundo bordel.

Não venhas tu que achas triste
Às vezes a própria festa.
Tu, grande, que nunca ouviste
Senão gemidos da orquestra
Por que despertar tu’alma,
Em sedas adormecida,
Esta excrescência da vida
Que ocultas com tanto esmero?
E o coração – tredo lodo,
Fezes d’ânfora doirada
Negra serpe, que enraivada,
Morde a cauda, morde o dorso
E sangra às vezes piedade,
E sangra às vezes remorso?…

Não venham esses que negam
A esmola ao leproso, ao pobre.
A luva branca do nobre
Oh! senhores, não mancheis…
Os pés lá pisam em lama,
Porém as frontes são puras
Mas vós nas faces impuras
Tendes lodo, e pus nos pés.

Porém vós, que no lixo do oceano
A pérola de luz ides buscar,
Mergulhadores deste pego insano
Da sociedade, deste tredo mar.
Vinde ver como rasgam-se as entranhas
De uma raça de novos Prometeus,
Ai! vamos ver guilhotinadas almas
Da senzala nos vivos mausoléus.

— Escrava, dá-me teu filho!
Senhores, ide-lo ver:
É forte, de uma raça bem provada,
Havemos tudo fazer.

Assim dizia o fazendeiro, rindo,
E agitava o chicote…
A mãe que ouvia
Imóvel, pasma, doida, sem razão!
À Virgem Santa pedia
Com prantos por oração;
E os olhos no ar erguia
Que a voz não podia, não.

— Dá-me teu filho! repetiu fremente
o senhor, de sobr’olho carregado.
— Impossível!…
— Que dizes, miserável?!
— Perdão, senhor! perdão! meu filho dorme…
Inda há pouco o embalei, pobre inocente,
Que nem sequer pressente
Que ides…
— Sim, que o vou vender!
— Vender?!. . . Vender meu filho?!

Senhor, por piedade, não
Vós sois bom antes do peito
Me arranqueis o coração!
Por piedade, matai-me! Oh! É impossível
Que me roubem da vida o único bem!
Apenas sabe rir é tão pequeno!
Inda não sabe me chamar? Também
Senhor, vós tendes filhos… quem não tem?

Se alguém quisesse os vender
Havíeis muito chorar
Havíeis muito gemer,
Diríeis a rir — Perdão?!
Deixai meu filho… arrancai-me
Antes a alma e o coração!

— Cala-te miserável! Meus senhores,
O escravo podeis ver …

E a mãe em pranto aos pés dos mercadores
Atirou-se a gemer.
— Senhores! basta a desgraça
De não ter pátria nem lar, –
De ter honra e ser vendida
De ter alma e nunca amar!

Deixai à noite que chora
Que espere ao menos a aurora,
Ao ramo seco uma flor;
Deixai o pássaro ao ninho,
Deixai à mãe o filhinho,
Deixai à desgraça o amor.

Meu filho é-me a sombra amiga
Neste deserto cruel!…
Flor de inocência e candura.
Favo de amor e de mel!

Seu riso é minha alvorada,
Sua lágrima doirada
Minha estrela, minha luz!
É da vida o único brilho
Meu filho! é mais… é meu filho
Deixai-mo em nome da Cruz!…

Porém nada comove homens de pedra,
Sepulcros onde é morto o coração.
A criança do berço ei-los arrancam
Que os bracinhos estende e chora em vão!

Mudou-se a cena. Já vistes
Bramir na mata o jaguar,
E no furor desmedido
Saltar, raivando atrevido.
O ramo, o tronco estalar,
Morder os cães que o morderam…
De vítima feita algoz,
Em sangue e horror envolvido
Terrível, bravo, feroz?

Assim a escrava da criança ao grito
Destemida saltou,
E a turba dos senhores aterrada
Ante ela recuou.

— Nem mais um passo, cobardes!
Nem mais um passo! ladrões!
Se os outros roubam as bolsas,
Vós roubais os corações! …

Entram três negros possantes,
Brilham punhais traiçoeiros…
Rolam por terra os primeiros
Da morte nas contorções.

Um momento depois a cavalgada
Levava a trote largo pela estrada
A criança a chorar.
Na fazenda o azorrague então se ouvia
E aos golpes – uma doida respondia
Com frio gargalhar! …

O Navio Negreiro – Castro Alves

I

‘Stamos em pleno mar… Doudo no espaço
Brinca o luar — dourada borboleta;
E as vagas após ele correm… cansam
Como turba de infantes inquieta.
‘Stamos em pleno mar… Do firmamento
Os astros saltam como espumas de ouro…
O mar em troca acende as ardentias,
— Constelações do líquido tesouro…
‘Stamos em pleno mar… Dois infinitos
Ali se estreitam num abraço insano,
Azuis, dourados, plácidos, sublimes…
Qual dos dous é o céu? qual o oceano?…
‘Stamos em pleno mar. . . Abrindo as velas
Ao quente arfar das virações marinhas,
Veleiro brigue corre à flor dos mares,
Como roçam na vaga as andorinhas…
Donde vem? onde vai? Das naus errantes
Quem sabe o rumo se é tão grande o espaço?
Neste saara os corcéis o pó levantam,
Galopam, voam, mas não deixam traço.
Bem feliz quem ali pode nest’hora
Sentir deste painel a majestade!
Embaixo — o mar em cima — o firmamento…
E no mar e no céu — a imensidade!
Oh! que doce harmonia traz-me a brisa!
Que música suave ao longe soa!
Meu Deus! como é sublime um canto ardente
Pelas vagas sem fim boiando à toa!
Homens do mar! ó rudes marinheiros,
Tostados pelo sol dos quatro mundos!
Crianças que a procela acalentara
No berço destes pélagos profundos!
Esperai! esperai! deixai que eu beba
Esta selvagem, livre poesia
Orquestra — é o mar, que ruge pela proa,
E o vento, que nas cordas assobia…
………………………………………………….
Por que foges assim, barco ligeiro?
Por que foges do pávido poeta?
Oh! quem me dera acompanhar-te a esteira
Que semelha no mar — doudo cometa!
Albatroz! Albatroz! águia do oceano,
Tu que dormes das nuvens entre as gazas,
Sacode as penas, Leviathan do espaço,
Albatroz! Albatroz! dá-me estas asas.

II

Que importa do nauta o berço,
Donde é filho, qual seu lar?
Ama a cadência do verso
Que lhe ensina o velho mar!
Cantai! que a morte é divina!
Resvala o brigue à bolina
Como golfinho veloz.
Presa ao mastro da mezena
Saudosa bandeira acena
As vagas que deixa após.
Do Espanhol as cantilenas
Requebradas de langor,
Lembram as moças morenas,
As andaluzas em flor!
Da Itália o filho indolente
Canta Veneza dormente,
— Terra de amor e traição,
Ou do golfo no regaço
Relembra os versos de Tasso,
Junto às lavas do vulcão!
O Inglês — marinheiro frio,
Que ao nascer no mar se achou,
(Porque a Inglaterra é um navio,
Que Deus na Mancha ancorou),
Rijo entoa pátrias glórias,
Lembrando, orgulhoso, histórias
De Nelson e de Aboukir.. .
O Francês — predestinado —
Canta os louros do passado
E os loureiros do porvir!
Os marinheiros Helenos,
Que a vaga jônia criou,
Belos piratas morenos
Do mar que Ulisses cortou,
Homens que Fídias talhara,
Vão cantando em noite clara
Versos que Homero gemeu …
Nautas de todas as plagas,
Vós sabeis achar nas vagas
As melodias do céu! …

III

Desce do espaço imenso, ó águia do oceano!
Desce mais … inda mais… não pode olhar humano
Como o teu mergulhar no brigue voador!
Mas que vejo eu aí… Que quadro d’amarguras!
É canto funeral! … Que tétricas figuras! …
Que cena infame e vil… Meu Deus! Meu Deus! Que horror!

IV

Era um sonho dantesco… o tombadilho
Que das luzernas avermelha o brilho.
Em sangue a se banhar.
Tinir de ferros… estalar de açoite…
Legiões de homens negros como a noite,
Horrendos a dançar…
Negras mulheres, suspendendo às tetas
Magras crianças, cujas bocas pretas
Rega o sangue das mães:
Outras moças, mas nuas e espantadas,
No turbilhão de espectros arrastadas,
Em ânsia e mágoa vãs!
E ri-se a orquestra irônica, estridente…
E da ronda fantástica a serpente
Faz doudas espirais …
Se o velho arqueja, se no chão resvala,
Ouvem-se gritos… o chicote estala.
E voam mais e mais…
Presa nos elos de uma só cadeia,
A multidão faminta cambaleia,
E chora e dança ali!
Um de raiva delira, outro enlouquece,
Outro, que martírios embrutece,
Cantando, geme e ri!
No entanto o capitão manda a manobra,
E após fitando o céu que se desdobra,
Tão puro sobre o mar,
Diz do fumo entre os densos nevoeiros:
“Vibrai rijo o chicote, marinheiros!
Fazei-os mais dançar!…”
E ri-se a orquestra irônica, estridente. . .
E da ronda fantástica a serpente
Faz doudas espirais…
Qual um sonho dantesco as sombras voam!…
Gritos, ais, maldições, preces ressoam!
E ri-se Satanás!…

V

Senhor Deus dos desgraçados!
Dizei-me vós, Senhor Deus!
Se é loucura… se é verdade
Tanto horror perante os céus?!
Ó mar, por que não apagas
Co’a esponja de tuas vagas
De teu manto este borrão?…
Astros! noites! tempestades!
Rolai das imensidades!
Varrei os mares, tufão!
Quem são estes desgraçados
Que não encontram em vós
Mais que o rir calmo da turba
Que excita a fúria do algoz?
Quem são? Se a estrela se cala,
Se a vaga à pressa resvala
Como um cúmplice fugaz,
Perante a noite confusa…
Dize-o tu, severa Musa,
Musa libérrima, audaz!…
São os filhos do deserto,
Onde a terra esposa a luz.
Onde vive em campo aberto
A tribo dos homens nus…
São os guerreiros ousados
Que com os tigres mosqueados
Combatem na solidão.
Ontem simples, fortes, bravos.
Hoje míseros escravos,
Sem luz, sem ar, sem razão. . .
São mulheres desgraçadas,
Como Agar o foi também.
Que sedentas, alquebradas,
De longe… bem longe vêm…
Trazendo com tíbios passos,
Filhos e algemas nos braços,
N’alma — lágrimas e fel…
Como Agar sofrendo tanto,
Que nem o leite de pranto
Têm que dar para Ismael.
Lá nas areias infindas,
Das palmeiras no país,
Nasceram crianças lindas,
Viveram moças gentis…
Passa um dia a caravana,
Quando a virgem na cabana
Cisma da noite nos véus …
… Adeus, ó choça do monte,
… Adeus, palmeiras da fonte!…
… Adeus, amores… adeus!…
Depois, o areal extenso…
Depois, o oceano de pó.
Depois no horizonte imenso
Desertos… desertos só…
E a fome, o cansaço, a sede…
Ai! quanto infeliz que cede,
E cai p’ra não mais s’erguer!…
Vaga um lugar na cadeia,
Mas o chacal sobre a areia
Acha um corpo que roer.
Ontem a Serra Leoa,
A guerra, a caça ao leão,
O sono dormido à toa
Sob as tendas d’amplidão!
Hoje… o porão negro, fundo,
Infecto, apertado, imundo,
Tendo a peste por jaguar…
E o sono sempre cortado
Pelo arranco de um finado,
E o baque de um corpo ao mar…
Ontem plena liberdade,
A vontade por poder…
Hoje… cúm’lo de maldade,
Nem são livres p’ra morrer. .
Prende-os a mesma corrente
— Férrea, lúgubre serpente —
Nas roscas da escravidão.
E assim zombando da morte,
Dança a lúgubre coorte
Ao som do açoute… Irrisão!…
Senhor Deus dos desgraçados!
Dizei-me vós, Senhor Deus,
Se eu deliro… ou se é verdade
Tanto horror perante os céus?!…
Ó mar, por que não apagas
Co’a esponja de tuas vagas
Do teu manto este borrão?
Astros! noites! tempestades!
Rolai das imensidades!
Varrei os mares, tufão! …

VI

Existe um povo que a bandeira empresta
P’ra cobrir tanta infâmia e cobardia!…
E deixa-a transformar-se nessa festa
Em manto impuro de bacante fria!…
Meu Deus! meu Deus! mas que bandeira é esta,
Que impudente na gávea tripudia?
Silêncio. Musa… chora, e chora tanto
Que o pavilhão se lave no teu pranto! …
Auriverde pendão de minha terra,
Que a brisa do Brasil beija e balança,
Estandarte que a luz do sol encerra
E as promessas divinas da esperança…
Tu que, da liberdade após a guerra,
Foste hasteado dos heróis na lança
Antes te houvessem roto na batalha,
Que servires a um povo de mortalha!…
Fatalidade atroz que a mente esmaga!
Extingue nesta hora o brigue imundo
O trilho que Colombo abriu nas vagas,
Como um íris no pélago profundo!
Mas é infâmia demais! … Da etérea plaga
Levantai-vos, heróis do Novo Mundo!
Andrada! arranca esse pendão dos ares!
Colombo! fecha a porta dos teus mares!

A Volta da Primavera – Castro Alves

Aime, et tu renaítras; fais-toi fleur pour éclore,
Après avoir souffert, il faut souffrir encore;
Il faut aimer sans cesse, après avoir aimé.

A. DE MUSSET

AI! Não maldigas minha fronte pálida,
E o peito gasto ao referver de amores.
Vegetam louros — na caveira esquálida
E a sepultura se reveste em flores.

Bem sei que um dia o vendaval da sorte
Do mar lançou-me na gelada areia.
Serei… que importa? o D. Juan da morte
Dá-me o teu seio — e tu serás Haidéia!

Pousa esta mão — nos meus cabelos úmidos!…
Ensina à brisa ondulações suaves!
Dá-me um abrigo nos teus seios túmidos!
Fala!… que eu ouço o pipilar das aves!

Já viste às vezes, quando o sol de maio
Inunda o vale, o matagal e a veiga?
Murmura a relva: “Que suave raio!”
Responde o ramo: “Como a luz é meiga!”

E, ao doce influxo do clarão do dia,
O junco exausto, que cedera à enchente,
Levanta a fronte da lagoa fria…
Mergulha a fronte na lagoa ardente …

Se a natureza apaixonada acorda
Ao quente afago do celeste amante,
Diz!… Quando em fogo o teu olhar transborda,
Não vês minh’alma reviver ovante?

É que teu riso me penetra n’alma —
Como a harmonia de uma orquestra santa —
É que teu riso tanta dor acalma…
Tanta descrença!… Tanta angústia!… Tanta!

Que eu digo ao ver tua celeste fronte,
“O céu consola toda dor que existe.
Deus fez a neve — para o negro monte!
Deus fez a virgem — para o bardo triste!

Publicado em Livros | Marcado com , , | 1 comentário

Seleção Pública da Secretaria de Saúde de Lauro de Freitas convoca para Provas e divulga locais de sua realização

Uma boa notícia para os participantes da Seleção Pública realizada pela Secretaria de Saúde do Município de Lauro de freitas: As provas objetivas que selecionarão Agentes Comunitários de Saúde para os diversos distritos do Município e, Agentes de Combate a Endemias que atuarão também em todo o território do Município serão realizadas neste domingo, 13/05/2012.

O Edital de convocação, bem como os locais de realização das provas de todos os candidatos estão disponíveis para Download no site da Exatus Promotores de Evento e Consultorias e serão publicados no Diário Oficial do Município, que vai ao ar na noite de hoje.

DATA DA PROVA: 13/05/2012
HORÁRIO DE ABERTURA DOS PORTÕES: 07 HORAS
HORÁRIO DE FECHAMENTO DOS PORTÕES: 07HS30MIN
PREVISÃO DE HORÁRIO DE INÍCIO DAS PROVAS: 08 HORAS


Acesse AQUI o Edital de Convocação das Provas deste domingo.


Verifique AQUi o seu local de prova neste domingo.

Fonte: http://www.exatuspr.com.br/?sub=mostra_concursos&id=373

edital convocacao lauro de freitas – Seleção Pública Saúde

Salas de realização de Prova Seleção Pública Saúde

Publicado em Notícias e política | Marcado com , , , | 14 Comentários

Trabalhando com Poesia

“… Quando tudo está perdido, sempre existe um caminho, quando tudo está perdido, sempre existe uma luz, mas não me diga isso… Hoje a tristeza não é passageira, hoje fiquei com febre a tarde inteira e quando chegar a noite, cada estrela parecerá uma lágrima… Queria ser como os outros e rir das desgraças da vida, ou fingir estar sempre bem, ver a leveza das coisas com humor, mas não me diga isso, é só hoje e, isso passa… Só me deixe aqui quieto, isso passa, amanhã é um outro dia. Não é?… Eu nem sei porque me sinto assim, vem de repente um anjo triste perto de mim… E essa febre que não passa e meu sorriso sem graça, não me dê atenção, mas obrigado por pensar em mim… Quando tudo está perdido, sempre existe uma luz, quando tudo está perdido, sempre existe um caminho, quando tudo está perdido, eu me sinto tão sozinho, quando tudo está perdido, não quero mais ser quem eu sou, mas não me diga isso, não me dê atenção e obrigado por pensar em mim… Não me diga isso, não me dê atenção e obrigado por pensar em mim…” (Legião Urbana – A Via Láctea – Comp.: Renato Russo / Marcelo Bonfá)

“… Achei um 3×4 teu e não quis acreditar que tinha sido há tanto tempo atrás, um bom exemplo de bondade e respeito, do que o verdadeiro amor é capaz… A minha escola não tem personagem, a minha escola tem gente de verdade, alguém falou do fim-do-mundo, o fim-do-mundo já passou, vamos começar de novo: Um por todos, todos por um… O sistema é mau, mas minha turma é legal, viver é foda, morrer é difícil, te ver é uma necessidade, vamos fazer um filme… O sistema é mau, mas minha turma é legal, viver é foda, morrer é difícil, te ver é uma necessidade, vamos fazer um filme… E hoje em dia, como é que se diz: “Eu te amo”?… E hoje em dia, como é que se diz: “Eu te amo.”?… Sem essa de que: “Estou sozinho.”, somos muito mais que isso, somos pingüim, somos golfinho, homem, sereia e beija-flor, leão, leoa e leão-marinho… Eu preciso e quero ter carinho, liberdade e respeito, chega de opressão… Quero viver a minha vida em paz, quero um milhão de amigos, quero irmãos e irmãs, deve de ser cisma minha, mas a única maneira ainda de imaginar a minha vida, é vê-la como um musical dos anos trinta e no meio de uma depressão, te ver e ter beleza e fantasia… E hoje em dia, como é que se diz: “Eu te amo”? E hoje em dia, como é que se diz: “Eu te amo”? E hoje em dia, como é que se diz: “Eu te amo”? E hoje em dia, vamos Fazer um filme… Eu te amo… Eu te amo… Eu te amo…” (Legião Urbana– Vamos fazer um filme – Comp.: Renato Russo)

“… Gosto de ver você dormir, que nem criança com a boca aberta, o telefone chega sexta-feira, aperto o passo por causa da garoa, me empresta um par de meias, a gente chega na sessão das dez, hoje eu acordo ao meio-dia, amanhã é a sua vez… Vem cá, meu bem, que é bom lhe ver, o mundo anda tão complicado, que hoje eu quero fazer tudo por você… Temos que consertar o despertador e separar todas as ferramentas, que a mudança grande chegou, com o fogão e a geladeira e a televisão, não precisamos dormir no chão, até que é bom, mas a cama chegou na terça e na quinta chegou o som… Sempre faço mil coisas ao mesmo tempo e até que é fácil acostumar-se com meu jeito, agora que temos nossa casa é a chave que sempre esqueço… Vamos chamar nossos amigos, a gente faz uma feijoada, esquece um pouco do trabalho e fica de bate-papo, temos a semana inteira pela frente, você me conta como foi seu dia e a gente diz um pro outro: – Estou com sono, vamos dormir!… Vem cá, meu bem, que é bom lhe ver, o mundo anda tão complicado, que hoje eu quero fazer tudo por você… Quero ouvir uma canção de amor, que fale da minha situação, de quem deixou a segurança de seu mundo, por amor, por amor…” (Legião Urbana– O mundo anda tão complicado – Comp.: Renato Russo)

“… Sempre precisei de um pouco de atenção, acho que não sei quem sou, só sei do que não gosto e destes dias tão estranhos, fica a poeira se escondendo pelos cantos, esse é o nosso mundo: o que é demais nunca é o bastante e a primeira vez é sempre a última chance, ninguém vê onde chegamos, os assassinos estão livres, nós não estamos… Vamos sair, mas não temos mais dinheiro, os meus amigos todos estão procurando emprego, voltamos a viver como há dez anos atrás e a cada hora que passa envelhecemos dez semanas… Vamos lá, tudo bem, eu só quero me divertir, esquecer, dessa noite ter um lugar legal pra ir… Já entregamos o alvo e a artilharia, comparamos nossas vidas e esperamos que um dia nossas vidas possam se encontrar… Quando me vi, tendo de viver, comigo apenas e com o mundo, você me veio como um sonho bom e me assustei, não sou perfeito, eu não esqueço!… A riqueza que nós temos, ninguém consegue perceber e, de pensar nisso tudo, eu, homem feito tive medo e não consegui dormir… Vamos sair, mas não temos mais dinheiro, os meus amigos todos estão procurando emprego, voltamos a viver como há dez anos atrás e a cada hora que passa envelhecemos dez semanas… Vamos lá, tudo bem, eu só quero me divertir, esquecer, dessa noite, ter um lugar legal pra ir… Já entregamos o alvo e a artilharia, comparamos nossas vidas e mesmo assim, não tenho pena de ninguém,,,” (Legião Urbana– Teatro dos Vampiros – Comp.: Renato Russo)

“… Não seja impaciente! Não tenha pressa em chegar ao fim. Deixe que o tempo amadureça os frutos, de modo que possa colhê-los amadurecidos. Caminhe com segurança e constância, porque tudo nos chegará na hora exata e mais oportuna. Os frutos amadurecidos à força não são tão saborosos quanto os que amadurecem naturalmente. Saiba esperar com paciência e não desanime..” (Minutos de Sabedoria – Página 236)

Bom dia pessoal,

O futebol da Bahia vive dias de decisão. Após empatarem em 0x0 no último domingo, no estádio de Canabrava, Bahia e Vitória se enfrentam no próximo domingo, com a equipe tricolor tendo a vantagem do empate a seu favor para levar o título baiano de 2012.

Antes disso, as duas equipes têm partidas importantes e difíceis, no meio da semana, pelas Oitavas de final Copa do Brasil.

Hoje é dia da torcida do time de Canabrava torcer. A equipe joga no Rio de Janeiro contra o Botafogo pela Copa do Brasil e precisa vencer ou empatar em mais de um gol para se classificar. Empate em 1×1 leva partida aos penalties. 0x0 ou triunfo carioca elimina o time baiano.

amanhã a equipe tricolor enfrenta a Portuguesa, partida sobre a qual tecerei comentários no “Trabalhando com Poesia” de amanhã.

A Universidade do Estado da Bahia, Organizadora do Concurso Público promovido pela Prefeitura de Lauro de Freitas, divulgou, na tarde de segunda (07), os Gabaritos referentes às provas realizadas na tarde de ontem (06/05/2012).

Confira osGabaritos das provas de Nível Superior – Clique na opção desejada para Visualização

Profissionais da Área de Educação

Outros Profissionais de Nível Superior

Profissionais da Área de Saúde – REPUBLICAÇÃO POR INCORREÇÃO DE EDITORAÇÃO DO GABARITO DA PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA, 08/05/2012.

Eventuais recursos aos gabaritos devem ser interpostos, nos termos definidos no Edital e, nos prazos definidos no Comunicado contido no link abaixo:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/docs/informeRecursoGabarito.pdf

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) André Brito, Cristiano Pereira, Daniela Prata, Eliane Rocha, Fabio Dantas, Jefferson Sizino, Nelson Santos e Patrícia Anastácio. Paz, Saúde e felicidades a todos (as).

Deverão ser disponibilizados em breve os cartões de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público (Nivel Médio e fundamental), realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas. Assim que disponibilizados, divulgaremos aqui neste espaço.

O certame que foi suspenso, em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

Após a etapa realizada ontem (06), a data das provas para ensino Médio e fundamental será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Inscrições Deferidas e Comunicado

* Edital de convocação das provas

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Hoje na História – 09 de Maio

Em 09 de Maio de 1386 – É assinada a Aliança Luso-Britânica entre Portugal e o Reino Unido, a mais antiga aliança entre nações em vigor atualmente.

Em 09 de Maio de 1605 É publicada a primeira parte de Don Quijote de la Mancha, o trabalho mais famoso de Miguel de Cervantes. Escritor espanhol, Miguel de Cervantes Saavedra publicou a primeira parte de “O Engenhoso Fidalgo D. Quixote de la Mancha”. Em 1615 editou a segunda parte: “O Engenhoso Cavaleiro D. Quixote de la Mancha”.

A maioria dos críticos literários considera-a uma obra de arte, visto que o protagonista, D. Quixote, é uma personagem atípica, cavaleiresca e cortês, mas com um toque de loucura que desmistifica as personagens literárias da sua época. O livro está escrito com uma pitada de humor e é considerado o primeiro romance moderno da história.

“D. Quixote” é uma das obras mais destacadas da literatura universal e é um dos livros mais traduzidos no mundo inteiro.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=29908

Em 09 de Maio de 1883 nasceu José Ortega y Gasset, catedrático de Psicologia, Lógica e Ética da Escola Superior do Magistério de Madrid e de Metafísica pela Universidade Central de Madrid. Na Alemanha, estudou o Idealismo que serviu de base ao seu primeiro projeto de regeneração ética e social de Espanha.

Em 1921 analisou a crise política em que vivia a sociedade espanhola em “España Invertebrada” e “El Tema de Nuestro Tiempo”, como necessidade de recuperar a sua teoria da razão vital. Surge uma nova sensibilidade no século XX, exemplificada na arte nova como “La Deshumanización del Arte” (1925).

Em 1930, publica “La Rebelión de las Masas”, um título reconhecido internacionalmente. Em 1936, foi na capital portuguesa que escreveu as suas últimas obras como “El Velázquez”, “Sobre la Razón Histórica”, “El Leibniz”, “El Hombre y la Gente” o “Epílogo” que foram publicados a título póstumo.

Em 09 de Maio de 1934 – O casal Oliva e Elzire Dionne tem quíntuplos no Canadá.

Em 09 de Maio de 1945 – II Guerra Mundial: EUA detêm Hermann Goering, chefe da Gestapo e virtual sucessor de Hitler.

Em 09 de Maio de 1955 Alemanha Ocidental é formalmente admitida como o 15º membro da OTAN.

Em 09 de Maio de 1960 URSS ameaça com foguetes bases usadas por aviões americanos para voos de espionagem sobre seu território.

Em 09 de Maio de 1961 Dean Rusk, secretário de Estado americano, anuncia à OTAN que seu país poria cinco submarinos Polaris a serviço da organização.

Em 09 de Maio de 1967 Brasil assina o tratado contra armas nucleares.

Em 9 de maio de 1967, O boxeador Cassius Clay, chamado de Mohammed Ali, ganhou por três vezes o cinturão mundial dos pesos pesados. Lutou também contra a segregação racial nos Estados Unidos. Ele foi um dos símbolos da oposição à Guerra do Vietnã. perdeu seu título mundial ao se negar a prestar serviço militar.

Em 09 de Maio de 1970 Países latino-americanos firmam a Declaração de Montevidéu sobre Direitos Marítimos, que sustentava a tese das 200 milhas de mar territorial.

Em 09 de Maio de 1972 Regime Militar: Promulgada emenda que estabelece eleições indiretas para governadores.

Em 09 de Maio de 1978 – O ex primeiro-ministro italiano Aldo Moro, sequestrado pelas Brigadas Vermelhas, é encontrado morto em Roma. Aldo Moro, considerado o político democrata-cristão mais capaz depois da Segunda Guerra Mundial, foi Presidente da República durante cinco mandatos e levou a cabo reformas importantes no país. Considerado o candidato favorito para as eleições que deveriam celebrar-se em Dezembro de 1978, dias depois de assinar a participação do partido comunista na coligação do governo, Moro foi sequestrado a 16 de Março pelos membros das Brigadas Vermelhas. O grupo terrorista pedia a troca do ex primeiro-ministro por 15 companheiros que se encontravam a meio de um julgamento em Turim. O governo italiano chefiado por Giulio Andreotti rejeitou a negociação com o grupo terrorista e, após 54 dias de reclusão, no dia 9 de Maio de 1978 o corpo sem vida de Aldo Moro repleto de balas foi encontrado no assento de trás de um carro no centro de Roma.

Em 09 de Maio de 1979 EUA e URSS estabelecem SALT-2, novo projeto de tratado sobre limitação de armas estratégicas.

Em 09 de Maio de 1985 – Cheia rompe barragem no vale do Jacuípe, na Bahia, forçando a retirada dos dez mil moradores da região.

Em 09 de Maio de 1993 Juan Carlos Wasmosy é eleito presidente do Paraguai, com apoio dos militares.

Em 09 de Maio de 1994 – Nelson Mandela, torna-se o primeiro presidente negro da África do Sul.

Em 09 de Maio de 1995 Oriente Médio: Israel anuncia confisco de 127 hectares de terras de palestinos em Jerusalém.

Em 09 de Maio de 1996 Os líderes dos partidos do governo no Senado derrubam o projeto que transferia para a justiça comum o julgamento de crimes praticados por policiais militares.

Em 09 de Maio de 2002 Militares britânicos encontram um grande arsenal do grupo terrorista Al Qaeda, em cavernas da província de Patkika, no Afeganistão.

Em 09 de Maio de 2004 Akhmad Kadirov, presidente da Tchetchênia, é assassinado no estádio de Grozni, capital da república.

Outros Fatos referentes ao dia 09 de Maio

1502 – Cristóvão Colombo sai da cidade de Cádiz para realizar sua quarta viagem às Américas.

1551 – É criada a Universidade de Lima, no Peru.

1926 – Os norte-americanos Richard E.Byrd e Floyd Bennet sobrevoam, pela primeira vez, o Pólo Norte.

1927 – A cidade de Camberra é eleita sede do governo da Austrália.

1936 – O dirigivel alemão Hindenburg realiza o vôo Frankfurt-Nova York.

1940 – Segunda Grande Guerra Mundial: Tropas britânicas ocupam a Islândia e as ilhas Feroe.

1940 – Hitler autoriza a eutanásia na Alemanha.

1943 – Um incêndio destrói a Biblioteca Nacional do Peru.

1946 – O rei Vittorio Emmanuel III da Itália abdica em favor de seu filho Umberto II. Três semanas depois, um plebiscito decide pela implantação da República, e a família real é obrigada a deixar o país.

1950 – O ministro francês do Exterior, Robert Schuman, declara que, em cinco anos, será criada uma organização comum na Europa. Posteriormente, surgiu a Comunidade Econômica Européia.

1950 – A França convida a Alemanha para juntar-se à ela no domínio de atividades econômicas muito importantes para a Europa: o carvão e o aço.

1962 – Francisco J. Orlich Bolmarich assume a presidência da Costa Rica.

1968 – Violentos conflitos entre polícia, operários e estudantes ocorrem em Paris, deixando mais de mil pessoas feridas.

1970 – O boxeador mexicano Vicente Saldívar conquista o título de campeão mundial de peso pluma.

1972 – O presidente norte-americano Richard Nixon ordena o bloqueio dos portos do Vietnã do Norte.

1984 – O governo do Haiti proíbe qualquer tipo de atividade política que não seja do partido oficial.

1985 – Um Desfile Militar ocorre em Moscou em comemoração aos 40 anos da vitória da URSS sobre a Alemanha, na Segunda Guerra Mundial.

1989 – Cerca de 200 soldados das tropas do Panamá ocupam a Junta Nacional de Escrutínio, revoltados com a publicação dos primeiros resultados das eleições, que acabaram anuladas.

1993 – O Partido Colorado vence as primeiras eleições presidenciais e legislativas no Paraguai em 40 anos.

1995 – Na Costa Rica, o tribunal máximo da república declarou inconstitucional a obrigatoriedade do diploma de jornalista, pois impossibilita exercer um direito – a liberdade de expressão – assegurado a todos.

1996 – O escritor de novelas peruano-espanhol Mário Vargas Llosa recebe o Prêmio da Paz da Associação de Editores e Livreiros da Alemanha.

Nasceram neste dia…

1860 – James Matthew Barrie, escritor britânico (m. 1937).

1936 – Glenda Jackson, atriz britânica.

1946 – Candice Bergen, atriz estado-unidense.

Morreram neste dia…

1707 – Dietrich Buxtehude, compositor e organista teuto-dinamarquês (n. 1637).

1805 – Friedrich Schiller, poeta, filósofo e historiador alemão (n. 1759).

1903 – Paul Gauguin, pintor francês (n. 1848).

1998 – Adolfo Waitzman, compositor de origem argentina.

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 45 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/09/trabalhando-com-poesia-436/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Quarta feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

Ode ao Dous de Julho – Castro Alves

Era no Dous de Julho. A pugna imensa
Travara-se nos cerros da Bahia…
O anjo da morte pálido cosia
Uma vasta mortalha em Pirajá.
‘Neste lençol tão largo, tão extenso,
‘Como um pedaço roto do infinito…
O mundo perguntava erguendo um grito:
‘Qual dos gigantes morto rolará?!…

Debruçados do céu… a noite em os astros
Seguiam da peleja o incerto fado…
Era a tocha – o fuzil avermelhado!
Era o circo de Roma – o vasto chão!
Por palmas – o troar da artilharia!
Por feras – os canhões negros rugiam!
Por atletas – dous povos se batiam!
Enorme anfiteatro – era a amplidão!

Não! Não eram dous povos, que abalavam
Naquele instante o solo ensangüentado…
Era o porvir – em frente do passado,
A liberdade – em frente à escravidão,
Era a luta das águias – e do abutre,
A revolta do pulso – contra os ferros,
O pugilato da razão – contra os erros,
O duelo da treva – e do clarão!…

No entanto a luta recrescia indômita…
As bandeiras – como águias eriçadas –
Se abismavam com as asas desdobradas
Na selva escura da fumaça atroz…
Tonto de espanto, cego de metralha,
O arcanjo do triunfo vacilava…
E a glória desgrenhada acalentava
O cadáver sangrento dos heróis!…
…………………………………………..
…………………………………………..
Mas quando a branca estrela matutina
Surgiu do espaço… e as brisas forasteiras
No verde leque das gentis palmeiras
Foram cantar os hinos do arrebol,
Lá do campo deserto da batalha
Uma voz se elevou clara e divina:
Eras tu – Liberdade peregrina!
Esposa do porvir – noiva do sol!…

Eras tu que, com os dedos ensopados
No sangue dos avós mortos na guerra,
Livre sangravas a colúmbia terra,
Sangravas livre a nova geração!
Tu que erguias, subida na pirâmide,
Formada pelos mortos de cabrito,
Um pedaço de gládio – no infinito…
Um trapo de bandeira – n’amplidão!…

Adormecida – Castro Alves

Ses longs cheveux épars la couvrent tout entière
La croix de son collier repose dans sa main,-
Comme pour témoigner qu’elle a fait sa prière.
Et qu’elle va la faire en s’éveillant demain.

A. DE MUSSET

Uma noite, eu me lembro… Ela dormia
Numa rede encostada molemente…
Quase aberto o roupão… solto o cabelo
E o pé descalço do tapete rente.

‘Stava aberta a janela. Um cheiro agreste
Exalavam as silvas da campina…
E ao longe, num pedaço do horizonte,
Via-se a noite plácida e divina.

De um jasmineiro os galhos encurvados,
Indiscretos entravam pela sala,
E de leve oscilando ao tom das auras,
Iam na face trêmulos – beijá-la.

Era um quadro celeste!…A cada afago
Mesmo em sonhos a moça estremecia…
Quando ela serenava… a flor beijava-a…
Quando ela ia beijar-lhe… a flor fugia…

Dir-se-ia que naquele doce instante
Brincavam duas cândidas crianças…
A brisa, que agitava as folhas verdes,
Fazia-lhe ondear as negras tranças!

E o ramo ora chegava ora afastava-se…
Mas quando a via despeitada a meio,
P’ra não zangá-la… sacudia alegre
Uma chuva de pétalas no seio…

Eu, fitando esta cena, repetia
Naquela noite lânguida e sentida:
‘Ó flor! – tu és a virgem das campinas!
‘Virgem! – tu és a flor da minha vida!…’

Publicado em Livros | Marcado com , , | Deixe um comentário

A Casa Grande e o STF – Por Emiliano José *

Emiliano José

A Casa Grande não descansa. A ela não bastaram os quase 400 anos de escravidão. Não se conforma com as mudanças do mundo, não aceita que os negros sejam livres e muito menos que reclamem igualdade. Não se aquietou com a Lei Áurea, surgida como consequência da luta dos negros e de abolicionistas, levada a cabo durante o período colonial e intensificada durante o século XIX, sob o Império. E não se aquieta até os dias de hoje. Gostaria de ver os negros sempre em condição subalterna. Pudesse, a Casa Grande adoraria vê-los ainda como escravos.

A decisão do STF, nos últimos dias, ratificando as políticas de ação afirmativa, de modo específico as cotas para negros nas universidades, evidencia um passo adiante na compreensão de um novo Brasil, a aceitação das novas políticas desenvolvidas a partir do governo Lula em relação aos negros, e uma derrota de grande magnitude do Partido da Casa Grande (PCG). Vamos nos entender: o PCG é amplo. Espraia-se por elites brancas bem situadas, promove tertúlias constantes, cheias de humor racista, e por vezes tenta até manobras de flanco teóricas com argumentos aparentemente progressistas.

Mas, o PCG não quer enganar ninguém: só quer mostrar que é desenganadamente racista. Um de seus tentáculos mais coerentes tem sido o Partido Democratas (DEM). Forte, não se poderia dizer. Anda combalido, procurando, sofregamente, na escuridão, com uma lanterna na mão, à Diógenes, quase confundo com Demóstenes, como soerguer-se diante de tantas derrotas.

Mas, se não é forte, é de coerência exemplar quando se trata de racismo. Esse trunfo ninguém pode lhe negar, por injusto. Tanto que foi ao STF para tentar acabar com a política de cotas, indiscutível conquista dos negros, que tem trazido ganhos extraordinários para a juventude afrodescendente. Fosse um partido do Império, seguramente o DEM seria a vanguarda dos parlamentares que votaram contra a Lei Áurea, cujo conteúdo, causas e consequências não estão aqui em discussão pela exiguidade do espaço. Foram 83 deputados a favor, nove contra, na histórica sessão da Câmara Federal, de 13 de maio de 1888.

As cotas e as políticas afirmativas nada mais são do que medidas destinadas a corrigir a concentração de renda e de conhecimento, a diminuir progressivamente o fosso que separa os negros do restante da sociedade brasileira. A Casa Grande e seu partido não gostam de ouvir isso. Querem os negros em seu “devido lugar”, sempre com os piores salários, suportando os maiores índices de desemprego, enfrentando sempre o preconceito cotidiano, a violência policial, mão de obra barata à disposição da sociedade branca, sempre distante do conhecimento letrado. O DEM sabia o que queria quando foi ao STF. Ele expressa com clareza o pensamento escravocrata atual no Brasil.

Como ocorreu nos períodos colonial e imperial, as conquistas atuais dos negros são consequência da luta. Os afrodescendentes vem crescendo em sua consciência e organização. A isso se somou um novo projeto político, iniciado com o governo Lula, em 2003, que assimilou muitas das bandeiras do movimento negro. São enormes as conquistas já obtidas, como é gigantesca, ainda, a caminhada a percorrer para chegarmos a uma sociedade que supere a desigualdade, que faça um encontro verdadeiro entre todas as culturas do povo brasileiro. As cotas são parte dessa caminhada, reafirmadas agora pelo STF.

A decisão que consagra as cotas, 124 anos depois da Lei Áurea, é um passo importante na direção da reparação dos crimes cometidos na longa noite da escravidão no Brasil, último país das Américas a acabar com essa ignomínia. A democracia, no Brasil, reclama a igualdade em sentido amplo, e particularmente entre negros e o restante da sociedade. Em 1946, na Convenção Nacional do Negro Brasileiro, foi feita a primeira apresentação formal de ações afirmativas, há coisa de 66 anos. O STF, com tal decisão, mostra-se contemporâneo do nosso tempo, e dá uma segura resposta às pretensões conservadoras do DEM e do PCG. A democracia caminha, apesar do racismo e do obscurantismo ainda presentes entre nós. A luta continua. A história não acabou.

*Artigo publicado originalmente na edição desta segunda-feira, 07, no jornal A Tarde. Emiliano José é jornalista, escritor e suplente pelo (PT/BA).

Fonte: http://emilianojose.com.br

Publicado em Notícias e política | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Trabalhando com Poesia

“… Quem me dera ao menos uma vez, ter de volta todo o ouro que entreguei a quem, conseguiu me convencer que era prova de amizade, se alguém levasse embora até o que eu não tinha… Quem me dera ao menos uma vez, esquecer que acreditei que era por brincadeira, que se cortava sempre um pano-de-chão, de linho nobre e pura seda… Quem me dera ao menos uma vez, explicar o que ninguém consegue entender, que o que aconteceu ainda está por vir e o futuro não é mais como era antigamente… Quem me dera ao menos uma vez, provar que quem tem mais do que precisa ter, quase sempre se convence que não tem o bastante, fala demais por não ter nada a dizer… Quem me dera ao menos uma vez, que o mais simples fosse visto, como o mais importante, mas nos deram espelhos e vimos um mundo doente… Quem me dera ao menos uma vez, entender como um só Deus ao mesmo tempo é três e esse mesmo Deus foi morto por vocês, sua maldade, então, deixaram Deus tão triste… Eu quis o perigo e até sangrei sozinho, entenda! Assim pude trazer você de volta pra mim, quando descobri que é sempre só você, que me entende do iní­cio ao fim e, é só você que tem a cura pro meu vício de insistir, nessa saudade que eu sinto de tudo que eu ainda não vi… Quem me dera ao menos uma vez, acreditar por um instante em tudo que existe e acreditar que o mundo é perfeito e que todas as pessoas são felizes… Quem me dera ao menos uma vez, fazer com que o mundo saiba que seu nome está em tudo e mesmo assim, ninguém lhe diz ao menos, obrigado… Quem me dera ao menos uma vez, como a mais bela tribo, dos mais belos índios, não ser atacado por ser inocente… Eu quis o perigo e até sangrei sozinho, entenda! Assim pude trazer você de volta pra mim, quando descobri que é sempre só você, que me entende do início ao fim e, é só você que tem a cura pro meu vício de insistir nessa saudade que eu sinto, de tudo que eu ainda não vi… Nos deram espelhos e vimos um mundo doente… Tentei chorar e não consegui…” (Legião Urbana – indios – Comp.: Renato Russo)

“… Tenho andado distraído, impaciente e indeciso e, ainda estou confuso, só que agora é diferente: sou tão tranquilo e tão contente… Quantas chances desperdicei, quando o que eu mais queria era provar pra todo o mundo que eu não precisava provar nada pra ninguém… Me fiz em mil pedaços, pra você juntar e queria sempre achar explicação pro que eu sentia… Como um anjo caído fiz questão de esquecer, que mentir pra si mesmo e sempre a pior mentira… Mas, não sou mais tão criança a ponto de saber tudo… Já não me preocupo se eu não sei por que, às vezes, o que eu vejo, quase ninguém vê e eu sei que você sabe, quase sem querer, que eu vejo o mesmo que você… Tão correto e tão bonito, o infinito é realmente um dos deuses mais lindos!… Sei que, às vezes uso palavras repetidas, mas quais são as palavras que nunca são ditas?… Me disseram que você estava chorando e foi então que eu percebi, como lhe quero tanto… Já não me preocupo se eu não sei por que, ás vezes, o que eu vejo, quase ninguém vê e eu sei que você sabe, quase sem querer, que eu quero o mesmo que você…” (Legião Urbana– Quase sem querer – Comp.: Dado Villa Lobos / Renato Russo / Renato Rocha)

“… Quando o sol bater na janela do teu quarto, lembra e vê, que o caminho é um só… Porque esperar? Se podemos começar tudo de novo, agora mesmo, a humanidade é desumana, mas ainda temos chance, o sol nasce pra todos, só não sabe quem não quer… Quando o sol bater na janela do teu quarto, lembra e vê, que o caminho é um só… Até bem pouco tempo atrás, poderíamos mudar o mundo, quem roubou nossa coragem?… Tudo é dor e toda dor vem do desejo de não sentimos dor… Quando o sol bater na janela do teu quarto, lembra e vê, que o caminho é um só…” (Legião Urbana– Quando o sol bater na janela do seu quarto – Comp.: Renato Russo / Dado Villa-Lobos / Marcelo Bonfá)

“… Não existem pessoas realmente más. Ou são enfermas ou não têm conhecimento da grande lei de que recebemos exatamente aquilo que damos. quem é enfermo precisa ser curado. Quem pratica o mal precisa ser elucidado. Mas de modo algum podemos agir com ódio e maldade. Procure ensinar aos outros pelo seu próprio exemplo, compreendendo que a maldade é uma situação transitória do homem.” (Minutos de Sabedoria – Página 235)

Boa tarde pessoal,

Dias com chuva, desde a tarde de ontem. Previsão da Climatempo para hoje apontam a precipitação em torno de 23 mm. Equipes em alerta nas secretarias que compõem o Sistema Municipal de defesa Civil.

A Universidade do Estado da Bahia, Organizadora do Concurso Público promovido pela Prefeitura de Lauro de Freitas, divulgou, na tarde de segunda (07), os Gabaritos referentes às provas realizadas na tarde de ontem (06/05/2012).

Confira AQUI os Gabaritos das Provas feitas no Último domingo (Nivel Superior)

Eventuais recursos aos gabaritos devem ser interpostos, nos termos definidos no Edital e, nos prazos definidos no Comunicado Confira Aqui:

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) Gilmara Brandão, Andreia Lopes, Mye Komatsu, Eduardo Galvão e a companheira de lutas petistas Paula Grejianin. Paz, Saúde e felicidades a todos (as).

Está disponível, desde a tarde de segunda (30), o acesso ao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas.

O certame que fora suspenso, em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

Após a etapa realizada ontem (06), a data das provas para ensino Médio e fundamental será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Inscrições Deferidas e Comunicado

* Edital de convocação das provas

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Hoje na História – 08 de Maio

Em 08 de Maio de 1350 Pelo Tratado de Brétigny, assinado nesta data, o rei da França João II cedeu à Inglaterra numerosos territórios franceses, entre eles Aquitânia, no Sudeste da França. O Tratado de Brétigny também pôs fim ao primeiro período da Guerra dos Cem Anos. Os termos do acordo foram em geral favoráveis à Inglaterra: Eduardo III da Inglaterra renunciou ao trono da França em troca dos territórios de Aquitânia, Loira, Los Pirenéus, o Maciço Central, Calais e seus arredores, também impôs um resgate de três milhões de escudos pela liberdade do rei João II da França, que posteriormente voltou à sua prisão inglesa pouco antes de sua morte para não fazer frente ao pagamento de seu enorme resgate.

Em 08 de Maio de 1794 – Morre Antoine Lavoisier, o pai da Química moderna

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/21690/hoje+na+historia+1794+%96+morre+antoine+lavoisier+o+pai+da+quimica+moderna.shtml

Em 08 de Maio de 1828 Nasce na Suíça Jean Henri Dunant, conhecido por ser o criador da Cruz Vermelha, movimento humanitário que busca defender a vida e a dignidade de vítimas de conflitos, sejam eles internacionais ou internos a cada país. preocupado com a solidariedade mundial. Foi o ganhador do primeiro Prêmio Nobel da Paz, em 1901, por ter fundado a Cruz Vermelha Internacional e criado a Convenção de Genebra. A Cruz Vermelha é uma organização que até hoje ajuda pessoas doentes no mundo inteiro.

http://elisonaldohistoria.blogspot.com.br/2012/05/hoje-na-historia_08.html

Em 08 de Maio de 1886 foi criada a Coca-Cola, uma das mais famosas bebidas do mundo. Inventada pelo farmacêutico John Pemberton, ela é produzida em mais de 201 países pela empresa The Coca-Cola. Na época de sua invenção, a Coca-Cola era um remédio patenteado que, mais tarde, foi comprado pelo empresário Asa Griggs Candler, que soube usar as ferramentas do marketing para dominar o mercado de refrigerantes no século XX. A Coca-Cola foi criada a partir de uma mistura de folhas de coca e sementes de cola. Ela era inicialmente vendida como um medicamento para aliviar dores de cabeça e náuseas. Contudo, Pemberton começou a vender o produto em sua farmácia também para aliviar a sede. O preço de cada vidrinho da bebida era de apenas cinco centavos de dólar. Aos poucos a Coca-Cola foi se tornando famosa. Pouco tempo depois, Pemberton vendeu a sua fórmula para comercialização por US$ 2.300 na época.

Em 08 de Maio de 1950 – Alto Comissariado Aliado promulga lei que impede o rearmamento alemão.

Em 08 de Maio de 1950 – Morre, no Rio de Janeiro, o cientista Vital Brasil, criador do soro antiofídico.

Em 08 de Maio de 1954 França, Reino Unido, EUA, URSS, China, Vietnam, Laos, Camboja e Viet Minh começam a discutir a questão da Indochina em conferência em Genebra.

Em 08 de Maio de 1955 Morre Ataulfo de Paiva, ministro do Supremo Tribunal Federal de 1934 a 1937.

Em 08 de Maio de 1966 A República Popular da China explode sua terceira bomba nuclear.

Em 08 de Maio de 1967 Centenário da Retirada de Laguna. O centenário da Retirada de Laguna, um dos episódios mais famosos da Guerra do Paraguai (1864 a 1870), foi lembrado em uma solenidade realizada junto ao monumento de Laguna e Dourados, na Praia Vermelha, no Rio de Janeiro.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=12687

Em 08 de Maio de 1972 – O presidente Nixon ordena a colocação de minas em portos do Vietnam do Norte e a intensificação do bombardeio das rotas de suprimentos.

Em 08 de Maio de 1981 François Maurice Adrien Marie Mitterrand foi um advogado e político francês, além de Presidente da República Francesa desde 8 de maio de 1981 a 17 de maio 1995. É o mandatário que mais tempo permaneceu no cargo (14 anos). No dia seguinte de sua posse, aproveitando a favorável corrente de opinião, dissolveu o Parlamento e propôs muitas reformas de caráter social. O campo da rádio e da televisão foi liberalizado e criou-se um imposto que gravou as grandes fortunas. No terreno social aumentou significativamente o salário mínimo e a ajuda familiar, e os imigrantes sem papéis foram massivamete regularizados para favorecer sua inserção no mercado de trabalho. Da mesma forma, foi instaurada uma quinta semana de férias pagas e a semana de trabalho ficou establecida em 39 horas. Adiantou-se a idade de aposentadoria para 60 anos. Em relação aos direitos civis, foi derrogada a pena de morte e livrada de pena a homossexualidade.

Em 08 de Maio de 1983 morria, aos 74 anos, em Woodland, na Califórnia, John Fante, um romancista ítalo-americano, caracterizado pelo seu humor corrosivo. Nascido no dia 8 de abril de 1909, em Denver, nos EUA, ele publicou seu primeiro romance “Espere a Primavera, Bandini”, em 1938. No ano seguinte, escreveu seu mais célebre livro, “Pergunte ao Pó”. Além de seus livros, Fante também foi autor de roteiros para Hollywood. Em 1955, ele descobriu que tinha diabetes. A doença o deixou cego em 1978, mas mesmo assim ele publicou seu último livro, “Sonhos de Bunker Hill” para esposa, Joyce.

Em 08 de Maio de 1984 A URSS e logo outros países socialistas anunciam boicote aos Jogos Olímpicos de Los Angeles, alegando não haver segurança para seus atletas.

Em 08 de Maio de 1991 – Demitida a ministra da Economia, Zélia Cardoso de Melo, a ser substituída pelo embaixador do Brasil em Washington, Marcílio Marques Moreira.

Em 08 de Maio de 1996 Aprovada na África do Sul uma constituição que garante o direito de greve e proíbe a discriminação racial, a prisão sem julgamento e a incitação à violência.

Em 08 de Maio de 2000 Responsáveis pelo Projeto Genoma Humano anunciam o sequenciamento do ADN do cromossomo 21, cujo defeito leva à síndrome de Dowm..

Em 08 de Maio de 2004 Polícia alemã prende jovem de dezoito anos criador do vírus Sasser, que atacou milhões de computadores conectados à internet.

Em 08 de Maio de 2009 Brasil tem primeiro caso de transmissão interna da Gripe Suína.

Em 08 de Maio de 2009 Jacob Zuma toma posse como novo presidente da África do Sul.

Outros Fatos referentes ao dia 08 de maio

1627 – Sebastião Caboto descobre o Rio Paraná.

1686 – Isaac Newton termina o prefácio de sua obra Philosophiae Naturalis Principia Matematica.

1790 – A Assembléia Nacional Francesa pede à Academia de Ciências a formulação de um sistema decimal de pesos e medidas.

1863 – É estabelecida a Constituição Federal da Colômbia, que fica em vigor no país durante 23 anos.

1894 – Rafael Iglesias Castro toma posse do cargo de presidente da Costa Rica.

1902 - O vulcão La Montagne Pelée entra em erupção na Martinica, causando a morte de 30 mil pessoas.

1919 - É implantado nos Países Baixos o direito ao voto feminino.

1920 – Revolução no México: o presidente Carranza deixa a capital.

1933 – Mahatma Gandhi inicia uma greve de fome contra a opressão britânica na Índia.

1941 – É proclamada a República na Grécia.

1943 - É criada a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO), em Hot Springs (EUA). O obejtivo é combater a fome no mundo.

1949 – As rádios A Voz da América e a BBC aumentam sua potência para chegar à URSS.

1951 – Um terremoto em El Salvador causa a morte de mais de mil pessoas.

1957 – O presidente norte-americano Dwight Eisenhower aceita a proposta soviética de criar uma zona parcialmente desmilitarizada na Europa.

1971 – Uma série de atentados antibritânicos ocorrem na Irlanda, após os acordos das facções do IRA.

1984 – A URSS se nega a participar dos Jogos Olímpicos de Los Angeles. Treze países seguem seu exemplo.

1988 – François Mitterrand é reeleito presidente da França.

1996 – A Assembléia Constituinte da África do Sul aprova a nova Constituição.

Nasceram neste dia…

1828 – Nasce Jean Henri Dunant, suíço fundador da Cruz Vermelha Internacional, ganhador do primeiro Prêmio Nobel da Paz, em 1901.

1829 – Louis Moreau Gottschalk, compositor e pianista norte-americano (m. 1869).

1851 – José Gomes Pinheiro Machado, na imagem, político brasileiro, senador e propagandista da República (m. 1915).

1884 – Harry Truman, político e ex-presidente norte-americano (m. 1972).

1899 – Friedrich von Hayek, economista austríaco.

1903 – Fernando Costadin, ator cômico francês.

1906 – Roberto Rossellini, cineasta italiano.

Morreram neste dia…

1797 – O francês Francis Noel Babeuf, precursor do comunismo, morre na guilhotina.

1936 – Oswald Spengler, filósofo e historiador alemão.

1782 – Marquês de Pombal, estadista português (n. 1699).

1873 – Morre John Stuart Mill, filósofo e economista inglês.

1880 – Morre Gustave Flaubert, novelista francês.

1988 – Robert A. Heinlein, escritor de ficção científica estadunidense (n. 1907).

1999 - Sir Dirk Bogarde, ator britânico.

2000 – John O’Connor, arcebispo de Nova York.

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 43 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/08/trabalhando-com-poesia-435/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Terça feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Boa semana a todos (as),

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

Amemos! – Castro Alves

DAMA NEGRA

“Por isso, dobrada ou não a sua barraca,
com o declínio do dia,
não pergunte pela alegria;
Contente-vos com o amor!
Neste mundo de mentiras,
Eu, a minha fome, a minha dor;
Se os meus sonhos são seus sonhos,
Se suas lágrimas são as minhas lágrimas.”

V. HUGO.

Por que tardas, meu anjo! oh! vem comigo.
Serei teu, serás minha… É um doce abrigo
A tenda dos amores!
Longe a tormenta agita as penedias…
Aqui, ao som de errantes harmonias,
Se adormece entre flores.
Quando a chuva atravessa o peregrino,
Quando a rajada a galopar sem tino
Açoita-lhe na face,
E em meio à noite, em cima dos rochedos,
Rasga-se o coração, ferem-se os dedos,
E a dor cresce e renasce…
A porta dos amores entreaberta
É a cabana erguida em plaga incerta,
Que ampara do tufão…
O lábio apaixonado é um lar em chamas
E os cabelos, rolando em espadanas,
São mantos de paixão.
Oh! amar é viver… Deste amor santo
– Taça de risos, beijos e de prantos
Longos sorvos beber…
No mesmo leito adormecer cantando…
Num longo beijo despertar sonhando…
Num abraço morrer.
Oh! amar é ser Deus!… Olhar ufano
O céu azul, os astros, o oceano
E dizer-lhes: “Sois meus!”
Fazer que o mundo se transforme em lira,
Dizer ao tempo: “Não… Tu és mentira,
Espera que eu sou Deus!”
Amemos! pois. Se sofres terei prantos,
Que hão de rolar por terra tantos, tantos,
Como chora um irmão.
Hei de enxugar teus olhos com meus beijos,
Escutarás os doces rumorejes
D’ave do coração.
Depois… hei de encostar-te no meu peito,
Velar por ti – dormida sobre o leito –
Bem como a luz no altar.
Te embalarei com uma canção sentida,
Que minha mãe cantava enternecida
Quando ia me embalar.
Amemos, pois! P’ra ti eu tenho nalma
Beijos, prantos, sorrisos, cantos, palmas…
Um abismo de amor…
Sorriso de uma irmã, prantos maternos,
Beijos de amante, cânticos eternos,
E as palmas do cantor!
Ah! fora belo unidos em segredo,
Juntos, bem juntos… trêmulos de medo,
De quem entra no céu,
Desmanchar teus cabelos delirante,
Beijar teu colo!… Oh! vamos minha amante,
Abre-me o seio teu.
Eu quero teu olhar de áureos fulgores,
Ver desmaiar na febre dos amores,
Fitos fitos… em mim.
Eu quero ver teu peito intumescido,
Ao sopro da volúpia arfar erguido
O oceano de cetim
Não tardes tanto assim… Esquece tudo…
Amemos, porque amar é um santo escudo,
Amar é não sofrer.
Eu não posso ser de outra… Tu és minha,
Almas que Deus uniu na balça edênea
Hão de unidas viver.
Meu Deus!… Só eu compreendo as harmonias,
De tua alma sublime as melodias
Que tens no coração.
Vem! Serei teu poeta, teu amante…
Vamos sonhar no leito delirante
No templo da paixão.

A Uma Taça Feita de Um Crânio Humano

Não recues! De mim não foi-se o espírito…
Em mim verás – pobre caveira fria –
Único crânio que, ao invés dos vivos,
Só derrama alegria.

Vivi! amei! bebi qual tu: Na morte
Arrancaram da terra os ossos meus.
Não me insultes! empina-me!… que a larva
Tem beijos mais sombrios do que os teus.

Mais val guardar o sumo da parreira
Do que ao verme do chão ser pasto vil;
– Taça – levar dos Deuses a bebida,
Que o pasto do réptil.

Que este vaso, onde o espírito brilhava,
Vá nos outros o espírito acender.
Ai! Quando um crânio já não tem mais cérebro
…Podeis de vinho o encher!

Bebe, enquanto inda é tempo! Uma outra raça,
Quando tu e os teus fordes nos fossos,
Pode do abraço te livrar da terra,
E ébria folgando profanar teus ossos.

E por que não? Se no correr da vida
Tanto mal, tanta dor aí repousa?
É bom fugindo à podridão do lodo
Servir na morte enfim p’ra alguma coisa!…

Lord Byron (tradução de Castro Alves)

Teus olhos (Barcarola) – Castro Alves

Teus olhos são negros, negros,
Como as noites sem luar…
São ardentes, são profundos,
Como o negrume do mar;
Sobre o barco dos amores,
Da vida boiando à flor,
Douram teus olhos a fronte
Do Gondoleiro do amor.
Tua voz é a cavatina
Dos palácios de Sorrento,
Quando a praia beija a vaga,
Quando a vaga beija o vento;
E como em noites de Itália,
Ama um canto o pecador,
Bebe a harmonia em teus cantos
O Gondoleiro do amor.
Teu sorriso é uma aurora,
Que o horizonte enrubesceu,
— Rosa aberta com biquinho
Das aves rubras do céu.
Nas tempestades da vida
Das rajadas no furor,
Foi-se a noite, tem auroras
O Gondoleiro do amor.
Teu seio é vaga dourada
Ao tíbio clarão da lua,
Que, ao murmúrio das volúpias, Arqueja, palpita nua;
Como é doce, em pensamento,
Do teu colo no langor
Vogar, naufragar, perder-se
O Gondoleiro do amor! …
Teu amor na treva é — um astro,
No silêncio uma canção,
É brisa — nas calmarias,
É abrigo — no tufão;
Por isso eu te amo, querida,
Quer no prazer, quer na dor,
Rosa! Canto! Sombra! Estrela!
Do Gondoleiro do amor.
Recife, janeiro de 1867.

Quando eu Morrer… Castro Alves

Quando eu morrer… não lancem meu cadáver
No fosso de um sombrio cemitério…
Odeio o mausoléu que espera o morto
Como o viajante desse hotel funéreo.

Corre nas veias negras desse mármore
Não sei que sangue vil de messalina,
A cova, num bocejo indiferente,
Abre ao primeiro o boca libertina.

Ei-la a nau do sepulcro — o cemitério…
Que povo estranho no porão profundo!
Emigrantes sombrios que se embarcam
Para as plagas sem fim do outro mundo.

Tem os fogos — errantes — por santelmo.
Tem por velame — os panos do sudário…
Por mastro — o vulto esguio do cipreste,
Por gaivotas — o mocho funerário…

Ali ninguém se firma a um braço amigo
Do inverno pelas lúgubres noitadas…
No tombadilho indiferentes chocam-se
E nas trevas esbarram-se as ossadas…

Como deve custar ao pobre morto
Ver as plagas da vida além perdidas,
Sem ver o branco fumo de seus lares
Levantar-se por entre as avenidas!…

Oh! perguntai aos frios esqueletos
Por que não têm o coração no peito…
E um deles vos dirá “Deixei-o há pouco
De minha amante no lascivo leito.”

Outro: “Dei-o a meu pai”. Outro: “Esqueci-o
Nas inocentes mãos de meu filhinho”…
…Meus amigos! Notai… bem como um pássaro
O coração do morto volta ao ninho!…

Publicado em Livros | Marcado com , , | Deixe um comentário

Concurso Prefeitura de Lauro de Freitas: Divulgados os Gabaritos das provas realizadas em 06/05/2012

A Universidade do Estado da Bahia, Organizadora do Concurso Público promovido pela Prefeitura de Lauro de Freitas, divulgou esta tarde os Gabaritos referentes às provas realizadas na tarde de ontem (06/05/2012).

A primeira etapa de provas, referentes ao concurso público da Prefeitura de Lauro de Freitas, com mais de 18 mil inscritos para nível superior, ocorreu com tranqüilidade neste domingo (6). O certame, organizado pela Universidade do Estado da Bahia (Uneb), foi realizado em 27 estabelecimentos de ensino em todo o município. “Foi um trabalho árduo, mas contamos com apoio integral da Prefeitura. Não registramos nenhum problema” – relatou a coordenadora do Centro de Processos Seletivos da Uneb, Romilda Costa Almeida.

A prefeita Moema Gramacho parabenizou a Uneb pela competência, agilidade e estrutura colocada à disposição do concurso. “Tudo transcorreu em plena normalidade. A cidade mostrou que está preparada. No próximo dia 20, faremos a prova de nível médio e faço um apelo aos inscritos para que se desloquem mais cedo para os locais de prova”. Moema também destacou a atuação da Polícia Militar, da Guarda Municipal e dos agentes de trânsito.

Por orientação da prefeita, os secretários municipais ficaram à disposição da Uneb nos locais de maior concentração de candidatos. Também foi montado esquema de policiamento dentro e próximo às instituições de ensino, com apoio da Guarda Municipal. A Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte reforçou o número de agentes para evitar congestionamento e reforçou as linhas de transporte dentro do município.

Os portões foram abertos às 12h30 e fechado às 13h35, com tolerância de cinco minutos. Foram envolvidos 1300 funcionários da Uneb na organização do concurso. O resultado final sai até 19 de junho. A candidata ao cargo de enfermeira, Monique Leal, 28 anos, ficou satisfeita com a prova. “Eu achei organizado, foi tudo tranquilo”. Para ela, que fez o certame na Unime, dois outros concursos – da Petrobras e da Polícia Federal – concorreram com o de Lauro de Freitas neste domingo.

A secretária municipal de Administração, Inglid Leila, considerou que o saldo foi muito positivo. “O concurso teve ampla divulgação, os horários foram cumpridos e os candidatos tiveram toda a segurança”. O concurso oferece 608 vagas para os níveis fundamental, médio e superior, sendo 51 destinadas a pessoas com deficiência, que puderam fazer as provas em salas especiais.

A prova para os níveis fundamental e médio serão realizada dia 20. A Uneb foi contratada pela prefeitura em abril, após suspensão do concurso que seria realizado pela Libri, empresa vencedora da licitação.

Gabaritos das provas de Nível Superior – Clique na opção desejada para Visualização

Profissionais da Área de Educação

Outros Profissionais de Nível Superior

Profissionais da Área de Saúde – REPUBLICAÇÃO POR INCORREÇÃO DE EDITORAÇÃO DO GABARITO DA PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA, 08/05/2012.


Veja AQUi o informe sobre interposição de recursos aos gabaritos

Fonte: Departamento de Comunicação – DECOM
3288-860 ou 3288-8764
9609-1188 ou 9609-1614

http://www.laurodefreitas.ba.gov.br
http://www.imprensalauro.com.br
http://www.twitter.com/imprensalauro
http://www.transparencialaurodefreitas.ba.gov.br
http://www.flickr.com/imprensalauro

http://www.youtube.com.br/imprensalauro

Créditos das imagens: João Raimondo – DECOM/PMLF

Publicado em Notícias e política | Marcado com , , , | 25 Comentários

Trabalhando com Poesia

“… Não sou escravo de ninguém, ninguém, senhor do meu domínio, sei o que devo defender e, por valor eu tenho e temo o que agora se desfaz. Viajamos sete léguas, por entre abismos e florestas, por Deus nunca me vi tão só, é a própria fé o que destrói, estes são dias desleais. Eu sou metal, raio, relâmpago e trovão, eu sou metal, eu sou o ouro em seu brasão, eu sou metal, me sabe o sopro do dragão… Reconheço meu pesar, quando tudo é traição, o que venho encontrar é a virtude em outras mãos, minha terra é a terra que é minha e sempre será, minha terra tem a lua, tem estrelas e sempre terá… Quase acreditei na sua promessa e o que vejo é fome e destruição, perdi a minha sela e a minha espada, perdi o meu castelo e minha princesa… Quase acreditei, quase acreditei e, por honra, se existir verdade, existem os tolos e existe o ladrão e há quem se alimente do que é roubo, mas vou guardar o meu tesouro, caso você esteja mentindo, olha o sopro do dragão… É a verdade o que assombra, o descaso que condena, a estupidez, o que destrói, eu vejo tudo que se foi e o que não existe mais, tenho os sentidos já dormentes, o corpo quer, a alma entende… Esta é a terra de ninguém, sei que devo resistir, eu quero a espada em minhas mãos… Eu sou metal, raio, relâmpago e trovão, eu sou metal, eu sou o ouro em seu brasão, eu sou metal, me sabe o sopro do dragão… Não me entrego sem lutar, tenho ainda coração, não aprendi a me render, que caia o inimigo então… Tudo passa, tudo passará… E nossa história não estará pelo avesso, assim, sem final feliz, teremos coisas bonitas pra contar e até lá, vamos viver, temos muito ainda por fazer, não olhe pra trás, apenas começamos, o mundo começa agora, apenas começamos…” (Legião Urbana – Metal contra as nuvens – Comp.: Renato Russo)

“… Perdi vinte em vinte e nove amizades, por conta de uma pedra em minhas mãos, me embriaguei morrendo vinte e nove vezes, estou aprendendo a viver sem você, Já que você não me quer mais… Passei vinte e nove meses num navio e vinte e nove dias na prisão e aos vinte e nove, com o retorno de Saturno, decidi começar a viver… Quando você deixou de me amar, aprendi a perdoar e a pedir perdão… E vinte e nove anjos me saudaram e tive vinte e nove amigos outra vez…” (Legião Urbana– Vinte e nove – Comp.: Renato Russo)

“… E mesmo sem te ver, acho até que estou indo bem, só apareço, por assim dizer, quando convém aparecer, ou quando quero, quando quero… Desenho toda a calçada, acaba o giz, tem tijolo de construção, eu rabisco o sol, que a chuva apagou, quero que saibas, que me lembro, queria até que pudesses me ver, és parte ainda, que me faz forte e, pra ser honesto, só um pouquinho infeliz… Mas tudo bem, tudo bem, tudo bem… Mas tudo bem, tudo bem, tudo bem… Lá vem, lá vem, lá vem de novo, acho que estou gostando de alguém e é de ti, que não me esquecerei… Quando quero… Tudo bem, tudo bem, tudo bem… Quando quero… Tudo bem, tudo bem, tudo bem… Quando quero… Eu rabisco o sol, que a chuva apagou… Mas tudo bem… Acho que estou gostando de alguém… Tudo bem, tudo bem, tudo bem…” (Legião Urbana– Giz – Comp.: Renato Russo / Dado Villa-Lobos / Marcelo Bonfá )

“… “Quem alimenta O ódio atira fogo ao próprio coração”, escreveu André Luís. Se alguém o magoou, se o ofendeu com calúnias, não o imite, repetindo os mesmos erros. Coloque-se acima dele, sabendo relevar e, procure esquecer, porque o pensamento negativo da raiva atrai, para nós, a onda de maldade que nosso infeliz adversário lança contra nós. Para ser feliz, saiba relevar e esquecer.” (Minutos de Sabedoria – Página 234)

Bom dia pessoal,

Como foram de final de semana? Espero que muito bem.

Mais uma semana se inicia e, desejo a cada um (a) de vocês que ela seja de muita paz e de produtividade. Chegamos hoje à milésima postagem em nosso Blog e, que bom que coincidiu exatamente com o “Trabalhando com Poesia”, uma das razões da manutenção do blog. Obrigado a cada um (a) de vocês por apoiar a sua permanencia no ar. Abraços.

Tivemos, na tarde de ontem, a primeira etapa do nosso concurso, na qual cerca de 18 mil pessoas fizeram provas para cargos de Nível Superior. Para desespero daqueles que vivem a buscar uma forma de criticar e espinafrar a nossa administração, as atividades ocorreram de forma tranquila, sem qualquer incidente digno de relato. Os parabéns à Secretária Inglid Leila e equipe, bem como à Prefeita e Secretários (as), que se mantiveram em plantão durante todo o dia de ontem, acompanhando o desenrolar da situação.

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) Ezequiel Barros, Edvaldo Alves, Saulo Silva, Kláudia Cardoso, Paulo PC, Ana Maria Bruni, Luciana e Bia Machado. Paz, Saúde e felicidades a todos (as).

Está disponível, desde a tarde de segunda (30), o acesso ao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas.

O certame que fora suspenso, em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

Após a etapa realizada ontem (06), a data das provas para ensino Médio e fundamental será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Inscrições Deferidas e Comunicado

* Edital de convocação das provas

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Hoje na História – 07 de Maio

Em 7 de maio de 1824 – estreava a 9a. Sinfonia do maestro Ludwig Van Beethoven.

Em 7 de maio de 1833 em Hamburgo, nasceu Johannes Brahms, compositor e pianista erudito.

Em 7 de maio de 1840 – Nasceu o compositor Pyolr Ilyich Tchaikovsky.

Aos que curtem música clássica:

Em 7 de maio de 1880 – Faleceu Duque de Caxias, às vinte horas e trinta minutos. Seu nome completo é Luís Alves de Lima e Silva, atualmente Patrono do Exército Brasileiro.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Duque_de_Caxias

Em 7 de maio de 1900 – Foi inaugurado a primeira linha de bonde elétrico em São Paulo-Capital, do Centro ao bairro da Barra Funda.

Em 7 de maio de 1919 – Na cidade de Toldos-Argentina nasceu Evita Peron, primeira dama esposa do Presidente Peron.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Eva_Per%C3%B3n

Em 7 de maio de 1945 – Acabava a 2a. Guerra Mundial. Forças alemães na Itália, Holanda, Dinamarca e noroeste da Alemanha se rendem depois que Hitler se refugia numa fortaleza militar e se suicida. O assédio da União Soviética cresce, e seu exército ocupa Berlim. No dia 7 de maio de 1945, a Alemanha assina a sua rendição. A guerra na Europa chegava ao fim.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=21028

Em 7 de maio de 1947 – Para conter o avanço das ideias socialistas o Presidente Gal. Eurico Gaspar Dutra, cassou o Registro Legal do PCB, colocando o partido na ilegalidade.

Em 7 de maio de 1960 O governo dos EUA admite que o avião U-2 derrubado pela União Soviética estava equipado para fazer espionagem.

Em 7 de maio de 1963 É lançado de Cabo Canaveral o segundo satélite artificial de comunicações da ATT, o Telstar II.

Em 7 de maio de 1966 O presidente Johnson anuncia a intenção de propor à ONU uma proibição de que qualquer nação estenda sua soberania à Lua ou outro corpo celeste.

Em 7 de maio de 1969 O presidente Artur da Costa e Silva decreta a desapropriação de 16.439 hectares, no Rio Grande do Sul, para a reforma agraria.

Em 7 de maio de 1973 – O jornal The Washington Post, recebeu o Prêmio Pulitzer por sua investigação no escândalo Watergate.

Em 7 de maio de 1975 O pugilista brasileiro Miguel de Oliveira conquista o título mundial dos médios ligeiros em Mônaco.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Miguel_de_Oliveira

Em 7 de maio de 1990 – Faleceu a cantora brasileira Elisete Cardoso (A Divina) como era chamada.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php

Em 7 de maio de 1990 A embaixada do Brasil em Beirute é atingida por obuses durante um duelo de artilharia entre cristãos e muçulmanos.

Em 7 de maio de 2003 – Chegou ao cargo de Ministro do Supremo, Dr. Joaquim Barbosa. Ele que filho de um pedreiro, que trabalhou na limpeza do Tribunal, estudou formou-se, enfrentou todos os tipos de discriminações sociais e raciais. Para os afros descendentes um exemplo a ser seguido, de dignidade, de respeito e de personalidade.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Joaquim_Barbosa

Em 7 de maio de 2008 Dmitri Medvedev toma posse como presidente da Rússia e nomeia Vladimir Putin como premiê.

Em 7 de maio de 2008 Estado de Israel comemora os 60 anos de sua criação.

Em 7 de maio de 2009 Brasil confirma quatro primeiros casos de gripe suína em seu território

Outros Fatos referentes ao dia 07 de maio

1800 – Morre Nicola Puccini, compositor italiano.

1831 – A Espanha e a Argentina firmam um acordo sobre a extradição de criminosos.

1870 – O patriota cubano Domingo Goicuria morre fuzilano em Havana.

1873 – Morre José Antonio Páez, primeiro presidente da Venezuela.

1901 – Nasce Gary Cooper, ator norte-americano de cinema.

1910 – O cometa Halley passa pela Terra.

1915 – Primeira Guerra Mundial: um submarino alemão afunda, no mar de Irlanda, o transatlântico Lusitania dos Estados Unidos, causando a morte de 1,2 mil pessoas. A Alemanha e os Estados Unidos rompem relações diplomáticas.

1950 – O general Somoza assume o cargo da presidência da Nicarágua, após o falecimento do presidente Román y Reyes.

1988 – O Papa João Paulo II começa sua viagem à América Latina no Uruguai. Visita também a Bolívia, o Peru e Paraguai.

1989 – Comícios gerais tomam conta da Bolívia. A igualdade nos votos entre Hugo Banzer e Gonzalo Sánchez de Lozada obriga o Parlamento a designar o futuro presidente entre os candidatos mais votados.

1992 – Morre Pedro Gómez Valderrama, diplomata, político e escritor colombiano.

1995 – Jacques Chirac é eleito presidente da República da França.

1998 – A empresa automobilística alemã Daimler Benz se une à norte-americana Chrysler.

2001 – O ladrão inglês Ronald Biggs, escondido no Brasil, volta ao Reino Unido.

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 42 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/07/trabalhando-com-poesia-434/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Segunda feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Boa semana a todos (as),

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

O “Adeus” de Teresa – Castro Alves

A vez primeira que eu fitei Teresa,
Como as plantas que arrasta a correnteza,
A valsa nos levou nos giros seus
E amamos juntos E depois na sala
“Adeus” eu disse-lhe a tremer co’a fala

E ela, corando, murmurou-me: “adeus.”

Uma noite entreabriu-se um reposteiro. . .
E da alcova saía um cavaleiro
Inda beijando uma mulher sem véus
Era eu Era a pálida Teresa!
“Adeus” lhe disse conservando-a presa

E ela entre beijos murmurou-me: “adeus!”

Passaram tempos sec’los de delírio
Prazeres divinais gozos do Empíreo
… Mas um dia volvi aos lares meus.
Partindo eu disse – “Voltarei! descansa!…”
Ela, chorando mais que uma criança,

Ela em soluços murmurou-me: “adeus!”

Quando voltei era o palácio em festa!
E a voz d’Ela e de um homem lá na orquestra
Preenchiam de amor o azul dos céus.
Entrei! Ela me olhou branca surpresa!
Foi a última vez que eu vi Teresa!

E ela arquejando murmurou-me: “adeus!”

A Duas Flores – Castro Alves

São duas flores unidas,
São duas rosas nascidas
Talvez do mesmo arrebol,
Vivendo no mesmo galho,
Da mesma gota de orvalho,
Do mesmo raio de sol.

Unidas, bem como as penas
Das duas asas pequenas
De um passarinho do céu…
Como um casal de rolinhas,
Como a tribo de andorinhas
Da tarde no frouxo véu.

Unidas, bom como os prantos,
Que em parelha descem tantos
Das profundezas do olhar…
Como o suspiro e o desgosto,
Como as covinhas do rosto,
Como as estrelas do mar.

Unidas… Ai quem pudera
Numa eterna primavera
Viver, qual vive esta flor.
Juntar as rodas da vida,
Na rama verde e florida,
Na verde rama do amor!

Publicado em Livros | Marcado com , , | Deixe um comentário

Trabalhando com Poesia

“… Eu sou o passageiro, eu rodo sem parar, eu rodo pelos subúrbios escuros, eu vejo estrelas saindo no céu, é o claro e o vazio do céu, mas essa noite tudo soa tão bem… Entre no meu carro, nós vamos rodar, seremos passageiros à noite e, veremos a cidade em trapos e, veremos o vazio do céu, sob os cacos dos subúrbios aqui, mas essa noite tudo soa tão bem… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá, lá-lá… Olha o passageiro, como, como ele roda, olha o passageiro, roda sem parar… Ele olha pela janela e, o que ele vê? Ele vê sinais no céu e, ele vê as estrelas que saem e, ele vê a cidade em trapos e, ele vê o caminho do mar… E tudo isso foi feito pra mim e você, tudo isso foi feito pra mim e você, simplesmente pertence a mim e você, então vamos rodar e ver o que é meu… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá, lá-lá… Olha o passageiro, que roda sem parar, ele está seguro ali, conhece o mundo pelo vidro do carro… E isso tudo ele sabe que é seu, ele vê o vazio do céu e, ele vê as estrelas sair e, ele vê a cidade dormir… E tudo isso é meu e seu e, tudo isso é meu e seu, então vamos rodar e rodar e rodar e rodar… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá, lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá, lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá, lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá… Cantando lá-lá, lá-lá, lá-lá-lá-lá, lá-lá…” (Capital Inicial – O passageiro – Comp.: ggy Pop / Ricky Gardiner (versão: Bozzo Barretti / Dinho Ouro Preto)

”… Vocês esperam uma intervenção divina, mas não sabem que o tempo agora está contra vocês… Vocês se perdem no meio de tanto medo, de não conseguir dinheiro pra comprar sem se vender e, vocês armam seus esquemas ilusórios, continuam só fingindo que o mundo ninguém fez, mas acontece que tudo tem começo, se começa um dia acaba, eu tenho pena de vocês… E as ameaças de ataque nuclear, bombas de nêutrons, não foi Deus quem fez, alguém, alguém um dia vai se vingar, vocês são vermes, pensam que são reis, não quero ser como vocês… Eu não preciso mais, eu já sei o que eu tenho que saber e agora tanto faz… Três crianças sem dinheiro e sem moral, não ouviram a voz suave que era uma lágrima e se esqueceram de avisar pra todo mundo, ela talvez tivesse um nome e era: Fátima… E de repente o vinho virou água e, a ferida não cicatrizou e, o limpo se sujou e, no terceiro dia ninguém ressuscitou…” (Capital Inicial – Fátima – Comp.: Flávio Lemos e Renato russo)

“…Meu caminho é cada manhã, não procure saber onde estou, meu destino não é de ninguém e, eu não deixo os meus passos no chão! se você não entende não vê, se não me vê não entende, não procure saber onde estou, se o meu jeito te surpreende… Se o meu corpo virasse sol, se a minha mente virasse sol, mas só chove, chove, chove, chove… Se um dia eu pudesse ver, meu passado inteiro e, fizesse parar de chover, nos primeiros erros, meu corpo viraria sol, minha mente viraria sol, mas só chove, chove, chove, chove… Se um dia eu pudesse ver, meu passado inteiro e, fizesse parar de chover, nos primeiros erros, meu corpo viraria sol, minha mente viraria sol, mas só chove, chove, chove, chove… Meu corpo virasse sol, se a minha mente virasse sol, mas só chove, chove, chove, chove…Meu corpo viraria sol, minha mente viraria sol, mas só chove, chove, chove, chove…” (Capital Inicial – Primeiros erros– Comp.: Kiko Zambianchi)

“…Cai a noite na cidade, vinda de lugar nenhum e o dia vai embora, indo pra lugar algum… Não sentia fome, não sentia frio, sentado num canto de um quarto vazio… Quando a chuva cai nas noites mais solitárias, lembre-se que sempre… Sombras e pensamentos de um sonho só esperança, nas paredes ecoavam o silêncio e a lembrança… Entre ruas desertas, ele está só de passagem, na vertigem e tontura surgiam todo tipo de imagem… Quando a chuva cai, nas noites mais solitárias, lembre-se que sempre estarei aqui… Quando a chuva cai, nas noites mais solitárias, lembre-se que sempre… Se virou e alcançou o céu e a última estrela, nada deixava passar, tudo lembrava ela… Quando a chuva cai, nas noites mais solitárias, lembre-se que sempre estarei aqui… Quando a chuva cai, nas noites mais solitárias, lembre-se que sempre……” (Capital Inicial – Cai a noite – Comp.: Loro Jones / Mark Rossi)

“…Eu sigo você onde você for, eu preciso de você pra aliviar a minha dor, já estive aqui e ouço a sua voz me dizendo que há um oceano entre nós… Eu sigo você onde você for, eu preciso de você pra aliviar a minha dor… Te incomoda que eu fale assim? O que mais você quer mudar em mim? Te incomoda que eu fale assim? O que mais você quer mudar em mim?… Você me quer incondicionalmente? Ou me quer mais um pouco diferente?… Você me quer incondicionalmente? Ou me quer mais um pouco diferente?… Eu já estive aqui e ouço a sua voz me dizendo que há um oceano entre nós… Que tipo de poder te satisfaz? Por que você quer que sejamos tão iguais?… Te incomoda que eu fale assim? O que mais você quer mudar em mim?… Você me quer incondicionalmente? Ou me quer mais um pouco diferente?… Você me quer incondicionalmente? Ou me quer mais um pouco diferente?… Te incomoda que eu fale assim? O que mais você quer mudar em mim?… Você me quer incondicionalmente? Ou me quer mais um pouco diferente?… Você me quer incondicionalmente? Ou me quer mais um pouco diferente?…” (Capital Inicial – Incondicionalmente – Comp.: Dinho/ Mingau)

“Contribua com sua parcela, para tornar mais belo este mundo. Um pequenino gesto, uma ação insignificante podem melhorar muito o ambiente em que nos encontramos, elevar o entusiasmo de quem está desanimado, reanimar aquele que está desiludido. Um simples aperto de mão confiante faz renascer, por vezes, a coragem de quem estava por fraquejar. Contribua com algo de seu, para tornar mais belo este.” (Minutos de Sabedoria – Página 233)

Bom dia pessoal,

Mais uma semana se inicia e, essa de forma diferente, com expediente de apenas três dias, para a alegria de muita gente.

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) Márcia Brito, Barreto, Airton Simas, Ana Spinola e Vanessa Nunes. Paz, Saúde e felicidades a todos (as).

Essa semana o Supremo Tribunal Federal, em duas importantes votações volta a fazer história no processo constitucional brasileiro. Não obstante os diversos posicionamentos em relação ao que intitulam de ativismo exacerbado do judiciário, quero crer que o STF tem ocupado de forma correta o espaço que tem sido deixado pela omissão do poder legislativo federal. O Congresso Nacional tem pecado por omissão em assuntos importantes e a alta corte tem se posicionado, quando provocada e, convenhamos, tem dado um show de apresentação de teses importantes no novo doutrinamento constitucional brasileiro. O posicionamento da mais alta corte judiciária brasileira merece uma boa dose de debates dos operadores do direito, sejam os atuais ou os futuros, pois, está a se desenhar um sistema constitucional bastante afinado com a nova ordem social em construção. Os julgamentos quanto à descriminalização da interrupção da gravidez, nos casos dos fetos anencefálicos, a questão da reserva de cotas étnicas nas Universidades Públicas, a devolução da posse das terras no Sul do estado da Bahia aos Pataxó e a validação como constitucionais os critérios do acesso ao Programa Universidade para todos – PROUNI, são apenas alguns exemplos de bons e educativos julgados do Supremo. Recomendamos a leitura dos votos dos Ministros e Ministras.

Está disponível, desde a tarde de segunda (30), o acesso ao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas.

O certame que fora suspenso , em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

As datas das provas serão as seguintes:

CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR : 6/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 5 horas

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas


Confira AQUI o seu local de Prova:

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Inscrições Deferidas e Comunicado

* Edital de convocação das provas

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Em função do dia corrido fico devendo os fatos históricos do dia de hoje. Espero que entendam.

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 42 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/05/04/trabalhando-com-poesia-433/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Sexta feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que o Alá de Oxalá nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Bom final de semana a todos (as) e até segunda feira

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

Os ombros suportam o mundo – Carlos Drummond de Andrade

Chega um tempo em que não se diz mais: meu Deus.
Tempo de absoluta depuração.
Tempo em que não se diz mais: meu amor.
Porque o amor resultou inútil.
E os olhos não choram.
E as mãos tecem apenas o rude trabalho.
E o coração está seco.
Em vão mulheres batem à porta, não abrirás.
Ficaste sozinho, a luz apagou-se,
mas na sombra teus olhos resplandecem enormes.
És todo certeza, já não sabes sofrer.
E nada esperas de teus amigos.
Pouco importa venha a velhice, que é a velhice?
Teus ombros suportam o mundo
e ele não pesa mais que a mão de uma criança.
As guerras, as fomes, as discussões dentro dos edifícios
provam apenas que a vida prossege
e nem todos se libertaram ainda.
Alguns, achando bárbaro o espetáculo,
prefeririam (os delicados) morrer.
Chegou um tempo em que não adianta morrer.
Chegou um tempo em que a vida é uma ordem.
A vida apenas, sem mistificação.

José – Carlos Drummond de Andrade

E agora, José?
A festa acabou,
a luz apagou,
o povo sumiu,
a noite esfriou,
e agora, José?
e agora, você?
você que é sem nome,
que zomba dos outros,
você que faz versos,
que ama, protesta?
e agora, José?
Está sem mulher,
está sem discurso,
está sem carinho,
já não pode beber,
já não pode fumar,
cuspir já não pode,
a noite esfriou,
o dia não veio,
o bonde não veio,
o riso não veio,
não veio a utopia
e tudo acabou
e tudo fugiu
e tudo mofou,
e agora, José?
E agora, José?
Sua doce palavra,
seu instante de febre,
sua gula e jejum,
sua biblioteca,
sua lavra de ouro,
seu terno de vidro,
sua incoerência,
seu ódio – e agora?
Com a chave na mão
quer abrir a porta,
não existe porta;
quer morrer no mar,
mas o mar secou;
quer ir para Minas,
Minas não há mais.
José, e agora?
Se você gritasse,
se você gemesse,
se você tocasse
a valsa vienense,
se você dormisse,
se você cansasse,
se você morresse…
Mas você não morre,
você é duro, José!
Sozinho no escuro
qual bicho-do-mato,
sem teogonia,
sem parede nua
para se encostar,
sem cavalo preto
que fuja a galope,
você marcha, José!
José, para onde?

Amar – Carlos Drummond de Andrade

Que pode uma criatura senão,
entre criaturas, amar?
amar e esquecer,
amar e malamar,
amar, desamar, amar?
sempre, e até de olhos vidrados, amar?
Que pode, pergunto, o ser amoroso,
sozinho, em rotação universal, senão
rodar também, e amar?
amar o que o mar traz à praia,
e o que ele sepulta, e o que, na brisa marinha,
é sal, ou precisão de amor, ou simples ânsia?
Amar solenemente as palmas do deserto,
o que é entrega ou adoração expectante,
e amar o inóspito, o áspero,
um vaso sem flor, um chão de ferro,
e o peito inerte, e a rua vista em sonho, e uma ave de rapina.
Este o nosso destino: amor sem conta,
distribuído pelas coisas pérfidas ou nulas,
doação ilimitada a uma completa ingratidão,
e na concha vazia do amor a procura medrosa,
paciente, de mais e mais amor.
Amar a nossa falta mesma de amor, e na secura nossa
amar a água implícita, e o beijo tácito, e a sede infinita.

Publicado em Livros | Marcado com , , | Deixe um comentário

Trabalhando com Poesia

“…Uuuu… Você é tão acostumada a sempre ter razão… Huuum… Você é tão articulada, quando fala não pede atenção… O poder de dominar é tentador, eu já não sinto nada, sou todo torpor… É tão certo quanto o calor do fogo! É tão certo quanto o calor do fogo! Eu já não tenho escolha e participo do seu jogo, participo… Não consigo dizer se é bom ou mal, assim como o ar me parece vital, onde quer que eu vá, o que quer que eu faça, sem você, não tem graça!… Uuu… Você sempre surpreende e eu tento entender… Huum… Você nunca se arrepende, você gosta e sente até prazer… Mas se você me perguntar, eu digo sim, eu continuo, porque a chuva não cai só sobre mim… Vejo os outros, todos estão tentando e é tão certo quanto o calor do fogo, eu já não tenho escolha e participo do seu jogo, participo… Não consigo dizer se é bom ou mal, assim como o ar me parece vital, onde quer que eu vá, o que quer que eu faça, sem você, não tem graça!… É tão certo quanto o calor do fogo! É tão certo quanto o calor do fogo! Eu já não tenho escolha e participo do seu jogo… É tão certo quanto o calor do fogo! É tão certo quanto o calor do fogo! Eu já não tenho escolha, eu participo do seu jogo, do seu jogo…” (Capital Inicial – Fogo – Comp.: Dinho Ouro Preto / Bozzo Barretti)

”… Os velhos olhos vermelhos voltaram, dessa vez com o mundo nas costas e a cidade nos pés… Pra que sofrer se nada é pra sempre? Pra que correr? se nunca me vejo de frente… Parei de pensar e comecei a sentir… Nada como um dia após dia, uma noite, um mês, os velhos olhos vermelhos voltaram de vez… Os velhos olhos vermelhos enganam, sem querer… Parecem claros, frios, distantes, não têm nada a perder… Por que se preocupar por tão pouco? Por que chorar? se amanhã tudo muda de novo… Parei de pensar e comecei a sentir… Nada como um dia após dia, uma noite, um mês, os velhos olhos vermelhos voltaram de vez… Parei de pensar e comecei a sentir… Nada como um dia após dia, uma noite, um mês, os velhos olhos vermelhos voltaram de vez… Os velhos olhos vermelhos… Os velhos olhos vermelhos…” (Capital Inicial – Olhos Vermelhos – Comp.: Dinho Ouro Preto / Alvin L)

“…Eu não sei o que eu tô fazendo, mas, eu tenho que fazer! Aquela noite que eu te conheci, eu acho que nunca vou esquecer… Um momento quase perfeito, inocente em seus defeitos… Tudo que é bom dura pouco e não acaba cedo… Agora, pra sempre, foi embora, mas eu nunca disse adeus… Agora, pra sempre, foi embora, mas eu nunca disse… Eu disse vambora, tô meio tonto, preciso respirar lá fora, me leve para a sua casa, eu quero dormir, onde você mora, eu passando mal e você ria… Tanto barulho eu não entendia, mas concordava sem saber, com tudo o que você dizia, se me pedisse pra pular de um prédio, eu diria sim, qualquer coisa pra você gostar de mim… Agora, pra sempre, foi embora, mas eu nunca disse adeus… Agora, pra sempre, foi embora, mas eu nunca disse… Eu perdi o rumo e comecei a delirar, acho que prometi até parar de beber e de fumar, de repente a noite acaba e todo mundo some e me lembrei, que eu esqueci de perguntar o seu nome… Sem endereço, nem direção, por onde começar? Qualquer coisa pra poder te encontrar… Agora, pra sempre, foi embora, mas eu nunca disse adeus… Agora, pra sempre, foi embora, mas eu nunca disse adeus… Agora, pra sempre, foi embora, mas eu nunca disse adeus… Agora, pra sempre, foi embora, mas eu nunca disse… Eu não como, eu não rio, eu não sei o que é adormecer… Me desculpe se eu fechar os olhos e desaparecer… Agora, pra sempre, foi embora, mas eu nunca disse adeus… Agora, pra sempre, foi embora, mas eu nunca disse…” (Capital Inicial – Eu não disse adeus– Comp.: Dinho Ouro Preto / Alvin L)

“Domine sua agitação! Só as criaturas calmas podem ser totalmente eficientes. A agitação cansa e produz tudo mal feito. A pressa é inimiga da perfeição. A calma é o segredo daqueles que realizam tudo bem feito. Quanto mais trabalho, maior deve ser nossa calma. Domine sua agitação, permaneça sereno, e tudo lhe sairá bem.” (Minutos de Sabedoria – Página 232)

Bom dia pessoal,

Mais uma semana se inicia e, essa de forma diferente, com expediente de apenas três dias, para a alegria de muita gente.

Os parabéns de hoje para os (as) amigos (as) Priscila Filgueiras, Cláudia calazans, edilton Oliveira, Dinasilda Silva, Angelo Peterson, Carlos Espinheira, Nilson Aragão, Giovani Pipolo, Ailton Costa, Uiara Lopes e a galera do Portal do Servidor. Paz, Saúde e felicidades a todos (as).

Está disponível desde a tarde de hoje (30), o acessoao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas.

O certame que fora suspenso , em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

As datas das provas serão as seguintes:

CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR : 6/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 5 horas

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/consultaLocalProva.php

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Inscrições Deferidas e Comunicado

* Edital de convocação das provas

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Hoje na História

Em 02 de Maio de 1519 morria, em Amboise, na França, Leonardo di ser Piero da Vinci, artista florentino. Por conta de suas inúmeras contribuições em praticamente todos os campos do conhecimento humano, Leonardo da Vinci é apontado com um dos homens mais brilhantes da história.

http://www.seuhistory.com/hoje-na-historia.html?

Em 02 de Maio de 1716 John Law recebe aval para inaugurar o Banco Geral da França

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/21558/hoje+na+historia+1974+-++john+law+recebe+aval+para+inaugurar+o+banco+geral+da+franca.shtml

Em 02 de Maio de 1949 – Arthur Miller ganha o Prêmio Pulitzer pela peça A morte do caixeiro-viajante.

Em 02 de Maio de 1957 morre Joseph Raymond McCarthy foi um político norte-americano que exerceu o Direito em Wisconsin até que foi nomeado juiz de um tribunal no qual permaneceu até 1939.

Em 02 de Maio de 1960, Oito anos após sua condenação por um homicídio, em 1948, Caryl Chessman é executado na prisão de San Quentin, na Califórnia

Em 02 de Maio de 1967 O sociólogo brasileiro Gilberto Freire é agraciado com o Prêmio Aspen, no Colorado, EUA.

Em 02 de Maio de 1980 O papa João Paulo II chega ao Zaire, primeira etapa de uma visita que incluiria também Congo, Quênia, Gana, Alto Volta e Costa do Marfim.

Em 02 de Maio de 1982, O cruzador argentino Belgrano é posto a pique por um submarino britânico, com a perda de 321 vidas.

Em 02 de Maio de 1985 O Conselho Monetário Nacional aprova a criação da cédula de cem mil cruzeiros, com a efígie do presidente Kubitschek.

Em 02 de Maio de 1989, Em Volta Redonda RJ, bomba destrói monumento a operários mortos num confronto com o Exército.

Em 02 de Maio de 2000 MST lança nova ofensiva, em doze estados da federação, invadindo prédios públicos.

Em 02 de Maio de 2000 Desabrocha em Londres a flor da Amorphophallus titanium, de Sumatra, que exala um forte cheiro, semelhante ao de corpos em decomposição.

Em 02 de Maio de 2008 Sob novo governo de Raúl castro, computadores chegam pela primeira vez às lojas cubanas.

Outros Fatos históricos relacionados ao dia 02 de Maio

1500 – A esquadra de Cabral parte da baía de Cabrália (Brasil) continuando sua viagem para as Índias. A nau comandada por Gaspar de Lemos retorna para Portugal levando a notícia do descobrimento da nova terra.

1598 – França e Espanha assinam o Tratado de Vervine, que põe fim à guerra entre os países.

1660 – Nasce Alessandro Scarlatti, músico italiano.

1772 – Nasce Friedrich Novalis, poeta alemão.

1857 – Morre Alfred de Musset, poeta francês.

1884 - Morre Adelino Fontoura, ator, jornalista e poeta brasileiro. Foi o único patrono na Academia Brasileira de Letras sem um livro publicado.

1890 – Equador e Peru firmam o Tratado de Garcia Herrera, que aprova os limites das suas fronteiras.

1904 – Nasce Harry Lills, conhecido como Bing Crosby, cantor e ator norte-americano.

1913 – O general otomano Toptani proclama a autonomia da Albânia.

1925 – Nasce John Neville, ator britânico.

1926 – Começa a guerra civil na Nicarágua, que causa a saída do presidente Emiliano Chamorro.

1927 – É fundada a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, que entrega o prêmio Oscar.

1929 – Nasce Edouard Balladur, primeiro ministro francês.

1933 – Os sindicatos livres são proibidos na Alemanha.

1937 – O Egito é admitido na Sociedade das Nações.

1938 – Eduardo Santos, candidato liberal, é eleito presidente da Colômbia.

1948 – O continente americano torna-se precursor na adoção de instrumentos internacionais destinados à proteção dos direitos e das liberdades fundamentais. Foi a primeira região do mundo a adotar uma declaração sobre a matéria, proclamada durante a IX Conferência Interamericana.

1953 - O rei Husein da Jordânia é coroado.

1957 – Morre Joseph Mc Carthy, político norte-americano.

1959 – Nasce Zoe Valdés, poetisa e escritora cubana.

1965 – O presidente dos Estados Unidos, Lyndon Johnson, anuncia que 14 mil soldados permanecerão na República Dominicana para impedir que o país se converta em um Estado comunista.

1968 – Começa a revolta estudantil do Maio Francês.

1978 – A Junta Militar Argentina designa o tenente general Jorge Rafael Videla para exercer o cargo de presidente da nação até 29 de março de 1981.

1982 – Inicia formalmente as hostilidades entre forças britânicas e argentinas no Atlântico Sul, pela ocupação das ilhas Malvinas.

1984 – O Papa João Paulo II começa sua 21ª viagem apostólica, com escala no Alasca, onde se encontrará com o presidente norte-americano, Ronald Reagan.

1989 – O Partido Colorado obtém 74% dos votos nas eleições do Paraguai. Os partidos da oposição denunciam fraude eleitoral.

1992 – A CE e a EFTA fazem um acordo para a criação do Espaço Econômico Europeu (EEE), mercado único que concentrará a metade do comércio mundial.

1992 – Morre Stéfano D’Arrigo, escritor italiano.

1994 – Um ciclone em Bangladesh causa a morte de 200 pessoas, deixa mais de 6 mil feridas e 300 desaparecidas.

1998 – O Conselho Europeu ratifica a aprovação do Parlamento Europeu de que o Euro comece a circular no dia primeiro de janeiro de 1999 na Alemanha, França, Espanha, Itália, Portugal, Áustria, Bélgica, Holanda, Luxemburgo, Finlândia e Irlanda.

1999 – Morre Oliver Reed, ator britânico.

2001 – Duas mulheres, Farra Josravi e Turan Jamili, concorrem, pela primeira vez, às eleições presidenciais do Irã, desde a Revolução Islâmica de 1979.

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 40 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/04/30/trabalhando-com-poesia-431/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Quarta feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

Hino nacional – Carlos Drummond de Andrade

Precisamos descobrir o Brasil!
Escondido atrás das florestas,
com a água dos rios no meio,
o Brasil está dormindo, coitado.
Precisamos colonizar o Brasil.

O que faremos importando francesas
muito louras, de pele macia,
alemãs gordas, russas nostálgicas para
garçonnettes dos restaurantes noturnos.
E virão sírias fidelíssimas.
Não convém desprezar as japonesas.

Precisamos educar o Brasil.
Compraremos professores e livros,
assimilaremos finas culturas,
abriremos dancings e subvencionaremos as elites.

Cada brasileiro terá sua casa
com fogão e aquecedor elétricos, piscina,
salão para conferências científicas.
E cuidaremos do Estado Técnico.

Precisamos louvar o Brasil.
Não é só um país sem igual.
Nossas revoluções são bem maiores
do que quaisquer outras; nossos erros também.
E nossas virtudes? A terra das sublimes paixões…
os Amazonas inenarráveis… os incríveis João-Pessoas…

Precisamos adorar o Brasil.
Se bem que seja difícil caber tanto oceano e tanta solidão
no pobre coração já cheio de compromissos…
se bem que seja difícil compreender o que querem esses homens,
por que motivo eles se ajuntaram e qual a razão de seus sofrimentos.

Precisamos, precisamos esquecer o Brasil!
Tão majestoso, tão sem limites, tão despropositado,
ele quer repousar de nossos terríveis carinhos.
O Brasil não nos quer! Está farto de nós!
Nosso Brasil é no outro mundo. Este não é o Brasil.
Nenhum Brasil existe. E acaso existirão os brasileiros?

Publicado em Livros | Marcado com , , | Deixe um comentário

Trabalhando com Poesia

“…Tem 17 anos e fugiu de casa, às sete horas na manhã no dia errado, levou na bolsa umas mentiras pra contar, deixou pra trás os pais e o namorado… Um passo sem pensar, um outro dia, um outro lugar… Pelo caminho, garrafas e cigarros, sem amanhã, por diversão, roubava carros, era Ana Paula, agora é Natasha, usa salto quinze e saia de borracha… Um passo sem pensar, um outro dia, um outro lugar… O mundo vai acabar e ela só quer dançar… O mundo vai acabar e ela só quer dançar, dançar, dançar… Pneus de carros cantam, Thuru, Thuru, Thuru, Thuru… Tem sete vidas, mas ninguém sabe de nada, carteira falsa com a idade adulterada, o vento sopra enquanto ela morde, desaparece antes que alguém acorde… Um passo sem pensar, um outro dia, um outro lugar… Cabelo verde, tatuagem no pescoço, um rosto novo, um corpo feito pro pecado, a vida é bela, o paraíso é um comprimido, qualquer balaco ilegal ou proibido… Um passo sem pensar, um outro dia, um outro lugar… O mundo vai acabar e ela só quer dançar… O mundo vai acabar e ela só quer dançar, dançar, dançar… O mundo vai acabar e ela só quer dançar… O mundo vai acabar e ela só quer dançar, dançar, dançar… Pneus de carros cantam, Thuru, Thuru, Thuru, Thuru…” (Capital Inicial – Natasha – Comp.: Dinho Ouro Preto / Alvin L.)

”… Ela dormiu no calor dos meus braços e eu acordei sem saber se era um sonho… Algum tempo atrás, pensei em te dizer, que eu nunca cai nas suas armadilhas de amor… Naquele amor, à sua maneira, perdendo o meu tempo a noite inteira… Não mandarei cinzas de rosas, nem penso em contar os nossos segredos… Naquele amor, à sua maneira, perdendo o meu tempo a noite inteira… Ela dormiu no calor dos meus braços e eu acordei sem saber se era um sonho… Algum tempo atrás, pensei em te dizer, que eu nunca cai nas suas armadilhas de amor… Naquele amor, à sua maneira, perdendo o meu tempo a noite inteira… Naquele amor, à sua maneira, perdendo o meu tempo a noite inteira… A noite inteira! A noite inteira! A noite inteira! A noite inteira! A noite inteira!…” (Capital Inicial – A sua maneira – Comp.: Gustavo Cerati)

“…Toda essa curiosidade que você tem pelo que eu faço, eu não gosto de me explicar, eu não gosto de me explicar… Toda essa intensidade, buscamos identidade, mas não sabemos explicar, mas não sabemos explicar… Se paro e me pergunto, será que existe alguma razão prá viver assim, se não estamos de verdade juntos… Procuramos independência, acreditamos na distância entre nós… Procuramos independência, acreditamos na distância entre nós… Toda essa meia verdade, a qual temos nos conformado, só conseguimos nos afastar, nós aprendemos a aceitar… Tantas coisas pela metade, como essa imensa vontade, que não sabemos explicar, que não sabemos saciar… Se paro e me pergunto, será que existe alguma razão, prá viver assim, se não estamos de verdade juntos… Procuramos independência, acreditamos na distância entre nós… Procuramos independência, acreditamos na distância entre nós… Procuramos independência, acreditamos na distância entre nós… Procuramos independência, acreditamos na distância entre nós… Toda essa curiosidade, toda essa intensidade, toda essa meia verdade, tantas coisas pela metade, toda essa curiosidade, toda essa intensidade…” (Capital Inicial – Independência– Comp.: Dinho Ouro Preto / Fê Lemos / Loro Jones / Flávio Lemos / Bozo Barretti)

“Não deixe de manifestar gratidão aos membros de sua família, aos amigos e conhecidos. Não é, porém, da gratidão comum, que consiste em dizer “muito obrigado”, que estamos falando. É de gratidão continuada, demonstrada em nosso exemplo, pelo fato de eles nos cercarem com seu afeto e contribuírem para nosso aperfeiçoamento, com sua ajuda e até com suas incompreensões.” (Minutos de Sabedoria – Página 231)

Boa tarde pessoal,

Mais uma semana se inicia e, essa de forma diferente, apenas com expediente a partir da quarta feira, na Administração municipal. Amanhã, feriado dedicado aos trabalhadores (as) não teremos nossa mensagem diária, que retornará na quarta feira.

Amanhã, a partir das 16 horas, no final de linha do centro, Lauro de Freitas, teremos a caminhada dos Trabalhadores (as) promovida pelo PT local. Sinta-se convidado (a).

Está disponível desde a tarde de hoje (30), o acessoao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas.

O certame que fora suspenso , em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

As datas das provas serão as seguintes:

CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR : 6/5/2012

Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 5 horas

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/consultaLocalProva.php

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Inscrições Deferidas e Comunicado

* Edital de convocação das provas

Confira as notícias do dia de hoje no meu Diário de Notícias:

http://paper.li/a_vinagre/1326026431

Em 30 de Abril de 1912 O piloto Edu Chaves foi resgatado por pescadores depois que caiu no mar com o seu monoplano Bleriot de 25 HP. Edu Chaves fez um pouso forçado a 1 quilômetro da praia de Jacareí, entre Angra dos Reis e Mangaratiba.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=12540

Em 30 de Abril de 1955 A Universidade da Califórnia anuncia a descoberta de um novo elemento químico, de número 101, o mendelévio.

Em 30 de Abril de 1961 Fidel Castro recebe prêmio Lenin da Paz de 1960.

Em 30 de Abril de 1966 Porta-voz oficial do governo dos EUA informa que a força militar americana no Vietnam totalizava 225.000 homens.

Em 30 de Abril de 1969, O ministro do Trabalho, Jarbas Passarinho, anuncia a criação de novos níveis para o salário-mínimo e a instituição da Previdência Social Rural.

Em 30 de Abril de 1975 Quando se completa a retirada norte-americana, o regime sul-vietnamita entra em colapso, incapaz de conter as ofensivas dos vietcongs e do Vietnã do Norte. Até que, no dia 30 de abril, os comunistas tomam a cidade de Saigon, pondo fim à sangrenta Guerra do Vietnã. Saigon passa a se chamar Ho Chi Minh.

Em 30 de Abril de 1976 Brasil assina acordo de cooperação tecnológica com o Ministério da Tecnologia e Indústria da França para pesquisas com energia solar.

Em 30 de Abril de 1980, Abdicação da rainha Juliana, dos Países Baixos.

Em 30 de Abril de 1981 Duas bombas explodiram no Riocentro quando era realizado um show em homenagem ao 1º de Maio, com a participação de vários cantores de música popular brasileira.

http://www.jblog.com.br/hojenahistoria.php?itemid=29803

Em 30 de Abril de 1982, A Conferência da ONU sobre a Lei do Mar aprova a versão final de um tratado para utilização dos mares e seus recursos naturais.

Em 30 de Abril de 1983 Argentinos embarcam para as Malvinas, a fim de reverenciar parentes mortos na guerra em 1982.

Em 30 de Abril de 1984 Assassinado o ministro colombiano Rodrigo Lara Bonilla.

Em 30 de Abril de 1993 A tenista iugoslava Monica Seles, primeira do ranking mundial, é apunhalada por um espectador enquanto descansava no banco.

Em 30 de Abril de 1997 A Câmara dos Deputados aprova a lei Hélio Bicudo, que transfere para a justiça comum o julgamento de crimes cometidos por policiais militares.

Em 30 de Abril de 2002 O governo dos EUA inclui o Brasil na lista negra de 16 países tidos como os mais permissivos em relação à pirataria.

Em 30 de Abril de 2004 ONU autoriza envio de força de paz ao Haiti, formada por 6.700 soldados e 1.625 policiais civis.

Em 30 de Abril de 2009 STF revoga Lei de Imprensa criada na Ditadura Militar Brasileira (1964 – 85)

Outros Fatos históricos relacionados ao dia 27 de Abril

1531 – O português Martín Alonso de Souza desembarca no lugar que, mais tarde, seria a cidade do Rio de Janeiro.

1776 – Nasce Nicolas Rodríguez Peña, herói da independência argentina.

1789 – George Washington tornou-se o primeiro presidente dos Estados Unidos.

1803 – Napoleão Bonaparte vende o território da Louisiana aos Estados Unidos por 80 milhões de francos.

1870 - O novo regime francês, uma espécie de monarquia parlamentar, não o impedediu Napoleão de recorrer à repressão: sob o pretexto de controlar supostos “complôs”, o governo manda prender e processar todos os integrantes da Internacional na França.

1896 – O Senado argentino celebra sua primeira sessão no prédio especialmente construído para abrigar a instituição.

1897 – O físico britânico Joseph John Thompson anuncia o descobrimento do elétron, partícula elemental do átomo.

1900 – O governo norte-americano outorga às ilhas do Hawaí o estatuto de território vinculado aos Estados Unidos.

1932 – Com a abertura do ano letivo, a Faculdade de Direito do largo São Francisco, em São Paulo (Brasil), iniciou o tradicional trote: o cortejo de alunos ridicularizava vários líderes do tenentismo que apoiavam Getúlio Vargas. O povo gostou do que viu e engrossou o cortejo, transformando-o em manifestação política.

1933 - O presidente peruano Luis Sánchez Cerro é assassinado em Lima.

1939 – A Exposição Universal é inaugurada em Nova York.

1939 – Foi lançado na Feira Mundial de Nova York o primeiro filme colorido da história, criado pela Kodak.

1942 - Um avião brasileiro recebe o nome do patriarca da imprensa no país, Hipólito José da Costa, dentro da Campanha Nacional da Aviação Civil, de Assis Chateaubriand.

1945 – O ditador da Alemanha Adolf Hitler, na época com 56 anos, e sua mulher Eva Braun se suicidaram. Os corpos foram cremados em Berlim.

1946 – Um decreto proibiu o jogo e ordenou o fechamento de cassinos no país. O governo temia que esses lugares fossem usados para a lavagem de dinheiro do narcotráfico.

1948 – Os Estados Unidos e outros 20 países criaram a Organização dos Estados Americanos (OEA).

1973 – Morre o poeta argentino Aldo Pellegrini.

1975 – O Vietnã do Sul se rendeu, depois que tropas do Vietnã do Norte entram na capital Saigon.

1984 – O Ministro da Justiça colombiano, Rodrigo Lara Borilla, é assassinado em Bogotá (Colômbia) pela máfia de traficantes, a qual ele combatia energicamente.

1987 – O ministro de Exterior da Nicarágua, o sacerdote Miguel d’Escoto, recebe o Prêmio Lenin da Paz.

1992 – Foi exibido o último episódio de Cosby Show, com Bill Cosby. O programa, que começou em 1984, foi um dos mais populares dos Estados Unidos na década de 80.

1997 - O bispo Sérgio von Helde, da Igreja Universal do Reino de Deus, foi condenado à prisão por discriminação religiosa. Ele havia chutado a imagem de Nossa Senhora durante um programa de televisão. Ele cumpriu a pena em liberdade porque era réu primário.

2001 – O primeiro turista espacial da história, o milionário norte-americano Dennis Tito, chega à Estação Espacial Internacional na nave russa Soyuz TM-32

Vejam a versão de hoje e as anteriores do “Trabalhando com Poesia”, no nosso blog “Espaço de Sobrevivência”, que ultrapassou a marca das 39 mil visitas. Nele você pode acessar links dos principais sites institucionais e de informações para seu uso. Visite, comente, indique. Obrigado a cada um (a) de vocês por esta caminhada feliz!

https://oipa2.wordpress.com/2012/04/30/trabalhando-com-poesia-431/

Abraços nos amigos, beijos nos filhos e nas amigas, com os desejos de muito axé, energias positivas e que a vida e a paz possam sempre reinar em nossos corações e na nossa rotina. Uma Segunda feira abençoada por Deus, repleta da energia positiva que circunda o universo a nossa volta e que Omolu nos traga muita paz, lucidez, sabedoria e muita saúde.

Apio Vinagre Nascimento
e-mail 2: oipa@uol.com.br
e-mail 3: apioptlf@yahoo.com.br
msn: oipa2@hotmail.com
Blog: https://oipa2.wordpress.com
Twitter: http://www.twitter.com/a_vinagre
Facebook: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1139376304
Flickr: http://www.flickr.com/photos/a_vinagre
Orkut: http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=9196573284471271823
Skype: a_vinagre1
Youtube: http://www.youtube.com/user/sobreviventeapio
Fones: (71) 8814-5332 / 9154-0168 / 9982-7223 / 8251-9282

Poema de sete faces – Carlos Drumond de Andrade

Quando nasci, um anjo torto
desses que vivem na sombra
disse: Vai, Carlos! ser gauche na vida.
As casas espiam os homens
que correm atrás de mulheres.
A tarde talvez fosse azul,
não houvesse tantos desejos.
O bonde passa cheio de pernas:
pernas brancas pretas amarelas.
Para que tanta perna, meu Deus, pergunta meu coração.
Porém meus olhos
não perguntam nada.
O homem atrás do bigode
é sério, simples e forte.
Quase não conversa.
Tem poucos, raros amigos
o homem atrás dos óculos e do bigode.
Meu Deus, por que me abandonaste
se sabias que eu não era Deus,
se sabias que eu era fraco.
Mundo mundo vasto mundo
se eu me chamasse Raimundo
seria uma rima, não seria uma solução.
Mundo mundo vasto mundo,
mais vasto é meu coração.
Eu não devia te dizer
mas essa lua
mas esse conhaque
botam a gente comovido como o diabo.

Publicado em Livros | Marcado com , , | Deixe um comentário

Concurso Prefeitura de Consulta a Locais de realização já está disponível.

Está disponível desde a tarde de hoje (14), o acessoao cartão de informação dos candidatos (as) ao Concurso Público, realizado pela Prefeitura de Lauro de Freitas, destinado à ocupação dos cargos de Nivel Médio e Fundamental.

O certame que fora suspenso , em função de problemas com a antiga empresa organizadora, passou a ser organizado pela Universidade do Estado da Bahia, em Convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas.

A data da prova será a seguinte:

CARGO DE NÌVEL MÉDIO E FUNDAMENTAL: 20/5/2012
Turno: Vespertino
12h30min: Abertura dos Portões
13h30min: Fechamento dos Portões
Duração da Prova: 4 horas

Confira AQUI o seu local de Prova:

http://www.selecao.uneb.br/laurodefreitas/consultaLocalProvaMedio.php

Lista de candidatos (as) de A-F


Lista de candidatos (as) de G-M

Lista de candidatos (as) de N-Z

Confira ainda:

* Edital da UNEB referente ao Concurso

* Edital de convocação das provas

Publicado em Notícias e política | Marcado com , , , | Deixe um comentário